fbpx

segunda, 18 de janeiro de 2021

Professores vão receber abono com sobras do Fundeb após indicação de Fausto Jr

A suspensão das aulas por causa da pandemia permitiu uma economia de mais de R$ 100 milhões no Fundeb. O parlamentar quer que o abono seja destinado a todos os profissionais.

23 de novembro de 2020

Compartilhe

Indicação de Fausto Jr foi feita no início deste mês (Foto: Divulgação)

A confirmação que o Governo do Amazonas vai transformar os recursos não usados do Fundo de Manutenção à Educação Básica (Fundeb) em abono salarial para os professores foi comemorada pelo deputado estadual Fausto Jr (PRTB).

O parlamentar é o autor da indicação ao governador Wilson Lima, solicitando que os recursos do Fundeb sejam transformados em abono para os profissionais da Educação.

Após confirmação do governador, o deputado disse – nas redes sociais – que o pagamento deve acontecer até final de dezembro.

A covid e o Fundeb

Neste ano, por causa da pandemia do coronavírus, as escolas da rede estadual ficaram quase cinco meses sem aulas presenciais. A suspensão das atividades permitiu uma economia de mais de R$ 100 milhões no Fundeb.

No início de novembro, Fausto Jr. encaminhou ao governador Wilson Lima e ao secretário de Educação, Luiz Fabian, a indicação para que os recursos não usados do Funbeb fossem transformados em abono.

Nesta semana, em conversa com jornalistas, o governador disse que os professores receberão um dos maiores abonos da história do Estado, graças o uso das sobras do Fundeb.

Abono para todos

O deputado sugeriu que o abono seja pago a todos os trabalhadores da Educação, como professores, merendeiras, pedagogos, bibliotecários, vigias e faxineiros, entre outros.

Para garantir que todos os profissionais da Educação tenham direito ao benefício, Fausto Jr. afirmou que continuará recolhendo assinaturas em uma petição on-line, que será entregue ao governador.

“Defendo que os recursos do Fundeb sejam divididos entre todos os servidores da Educação, principalmente aqueles mais humildes, com salários mais baixos”, defendeu o parlamentar.

Para participar da petição on-line, basta acessar as redes sociais do deputado e clicar no link ‘Abono Já!’

Veja mais notícias

Aparelhos de gasometria são distribuídos em unidades de saúde

Dos 15 aparelhos recebidos pelo Estado, 11 são de alto padrão. Nove deles vão para SPAs e outros, de menor porte, serão entregues para unidades de quatro municípios.

18 de janeiro de 2021

Vacinação contra Covid-19 começa na quarta-feira, anuncia Pazuello

Segundo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, serão inicialmente 3 milhões de pessoas a serem vacinadas, com duas doses cada uma, totalizando 6 milhões de doses da CoronaVac.

17 de janeiro de 2021

Pressionado por Dória, Pazuello promete enviar vacinas nesta segunda

Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, anunciou nesta domingo (17) que o Governo Federal irá enviar lotes da CoronaVac aos estados a partir das 7h da manhã desta segunda-feira.

17 de janeiro de 2021

Amazonas vai receber doses, mas população continuará sem vacinas

Aprovação para o uso emergencial, tanto da CoronaVac, que será enviada ao estado, quanto da vacina de Oxford, permite a imunização apenas de grupos prioritários.

17 de janeiro de 2021

Transferência para tratamento em outros estados traz esperança

A medida é alternativa para melhorar o fluxo nos hospitais e garantir atendimento ao maior número de pessoas.

17 de janeiro de 2021

São Paulo inicia imunização após aprovação de vacinas pela Anvisa

Enfermeira paulista Mônica Calazans foi a primeira pessoa a ser imunizada contra a Covid-19 no Brasil. Ela atua na UTI do Instituto de Infectologia Emílio Ribas, em São Paulo

17 de janeiro de 2021

Quando os amazonenses serão vacinados? Talvez no dia D, na Hora H

Secretarias de saúde do estado e do município estão de mãos atadas e aguardam informações do Governo Federal, que tem criado falsas expectativas na população.

17 de janeiro de 2021

Brasília recebe 15 pacientes com covid-19 procedentes de Manaus

Com o colapso do sistema de saúde na capital Manaus, amazonenses com covid-19 estão sendo transferidos para outros estados. Piauí e Maranhão também receberam pacientes.

17 de janeiro de 2021