fbpx

terça, 25 de janeiro de 2022

Presidente recebe alta hospitalar após quadro de obstrução intestinal

Alta foi anunciada pelo próprio presidente através de redes sociais. Jair Bolsonaro estava internado no hospital Vila Nova Star em São Paulo desde a última segunda-feira (3).

5 de janeiro de 2022

Compartilhe

O presidente foi internado na última segunda-feira (3) após ter sentido um desconforto (Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu alta médica do Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, na manhã desta quarta-feira (5). Ele foi internado na madrugada de segunda-feira (3), com quadro de obstrução intestinal, após passar mal no domingo (2) depois do almoço, em São Francisco do Sul (SC), onde passava férias.

Por volta das 8h42 (horário de Brasília) o próprio presidente se antecipou ao hospital e anunciou sua alta hospitalar pelo Twitter. “Alta agora. Obrigado a todos. Tudo posso naquele que me fortalece”, escreveu.

Minutos depois, e a assessoria da Presidência confirmou a alta ao informar aos jornalistas de plantão que Bolsonaro concederia entrevista coletiva ao lado do médico responsável pelo atendimento do presidente, Antônio Luiz Macedo. Só então o hospital confirmou a alta por meio da seguinte nota:

“O Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, teve alta hoje do Hospital Vila Nova Star, da Rede D’Or. Ele estava internado desde 03 de janeiro para tratar um quadro de suboclusão intestinal. Ele seguirá com acompanhamento ambulatorial pela equipe médica assistente.”

Nesta terça-feira (4), o boletim médico já havia informado que o quadro de suboclusão intestinal se desfez. À noite, o hospital divulgou uma nota dizendo que o presidente teve a sonda nasogástrica retirada após uma “boa aceitação da dieta líquida ofertada durante o dia”, mas não havia previsão de alta.

Macedo, o médico responsável pelo atendimento do presidente e que aparece na foto, descartou momentaneamente a necessidade de nova cirurgia. O cirurgião estava de férias nas Bahamas, mas interrompeu o descanso para cuidar do chefe do Executivo federal.

O quadro de obstrução intestinal é possível consequência da facada que levou durante a campanha eleitoral de 2018 e das operações subsequentes.

Com informações do Uol

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Reviravoltas e confirmações fortalecem chapa do Avante para Câmara

Partido do prefeito David Almeida, Avante tem praticamente fechada a lista dos candidatos que disputarão uma vaga na Câmara Federal na acirrada eleição de outubro deste ano.

25 de janeiro de 2022

Wilson Lima entrega itens para agricultores e promete novo terminal pesqueiro

O governador entregou mais de 16 mil sementes, kits para seringueiros e serrarias portáteis. Durante a entrega Wilson Lima prometeu construir o novo terminal pesqueiro.

25 de janeiro de 2022

Amazonino Mendes anuncia que testou positivo para o novo coronavírus

Ex-govenador e pré-candidato nas eleições deste ano, Amazonino Mendes informou que está com Covid-19 e já iniciou o período de isolamento social sob orientação médica.

25 de janeiro de 2022

Guru do governo Bolsonaro, Olavo de Carvalho morre nos Estados Unidos

Escritor e ex-astrólogo, Olavo de Carvalho foi classificado pelo presidente Jair Bolsonaro como "farol para milhões de brasileiros". A morte foi anunciada pela família.

25 de janeiro de 2022

Ciro Gomes volta a acenar a Marina Silva para vice-presidência

Pré-candidato à Presidência pelo PDT, Ciro voltou a dizer que gostaria de Marina Silva (Rede) com ele em uma chapa, ao mesmo tempo em que atacou Lula e Bolsonaro.

25 de janeiro de 2022

‘Muito acima do necessário’, diz Zé Ricardo sobre Fundão de R$ 4,9 bi

Zé Ricardo disse que é a favor do financiamento público de campanha, mas defendeu que a quantia fosse calculada com base na eleição anterior, resultando em um valor menor.

25 de janeiro de 2022

Governo do AM vai lançar pacote de R$ 1,5 bilhão em investimentos

O governador Wilson Lima anunciou que 87% das promessas de campanha já foram cumpridas e a meta é que até dezembro deste ano 100% das promessas sejam cumpridas.

25 de janeiro de 2022

Governo investe R$ 3,8 milhões para levar água potável à população de Maraã

No município, a água é captada por meio de 17 poços submersos, sendo que 13 estão ativos e quatro inativos. O investimento de R$ 3,8 milhões será usado para tratar os poços.

25 de janeiro de 2022