fbpx

domingo, 05 de dezembro de 2021

Pesquisa aponta vantagem de 12% de Lula sobre Bolsonaro no Amazonas

A pesquisa da Perspectiva abordou eleitores da capital e de outras oito cidades do interior. Em sete cenários de segundo turno, números mostram franco favoritismo de Lula.

24 de março de 2021

Compartilhe

Lula tem ampla vantagem no interior do Amazonas (Foto: Reprodução)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece como franco favorito em uma disputa direta com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Os dados são da pesquisa realizada pela Perspectiva Mercado e Opinião, divulgados nesta quarta-feira (24).

A empresa ouviu eleitores em Manaus, Manacapuru, Itacoatiara, Parintins, Tefé, Coari, Maués, Tabatinga e Humaitá.

No total, Lula já aparece em primeiro lugar, com 38,3% das intenções de voto, contra 27,8% do atual presidente, apresentando uma diferença de 10,5% na pergunta estimulada em 1ª opção.

A pesquisa estimulada também foi adotada pela Perspectiva para levantar o potencial de votos entre Lula e Bolsonaro. O potencial de votos é resultado da média entre as intenções de votos e a rejeição de cada candidato. Neste caso, a vantagem do petista sobe para 12% sobre o presidente, que contabiliza 32,4% contra os 44,4% de Lula.

Prenúncio de mudança em Manaus

Em 2018, Bolsonaro obteve 686.999 votos (65,72%) em Manaus, mas os dados da Perspectiva podem soar como um prenúncio de mudança entre o eleitorado da capital amazonense.

Isto porque, quando analisados os eleitores de Lula e Bolsonaro pelos cruzamentos com as Variáveis de Controle, percebe-se que, em relação a local, há um empate técnico em Manaus, com 30% para o petista e 28% para o presidente.

No interior, segundo a pesquisa, Lula mostra maior poderio eleitoral, com 50% contra 27%, uma vantagem de 23 pontos percentuais.

Principais nomes também são os mais rejeitados

Quando somadas 1ª e 2ª rejeições, Jair Bolsonaro (39,2%) e Lula (32,2%) são os mais mencionados.

Outros nomes

A pesquisa apresentou outros nomes na pesquisa estimulada. Numa escolhe para a primeira opção, depois de Lula e Bolsonaro, aparecem empatados tecnicamente, Sérgio Moro (7,6%), Ciro Gomes (5,3%) e Luciano Huck (4,6%).

João Dória ficou em sexto, com 2,8%, seguido por João Amoedo, com 1,2% em sétimo, e por Guilherme Boulos, 1,0%, em oitavo. Os dois últimos colocados foram Álvaro Dias, com 0,7%, e Flávio Dino, com 0,1%.

Um dado curioso revelado na pesquisa é que o terceiro com maior potencial de rejeição é o apresentador de TV, Luciano Huck (17,7%), que não é um player tradicional da política brasileira e nunca concorreu a nenhum cargo político.

Dados da pesquisa

A pesquisa ouviu 1.670 entrevistados entre os dias 16 e 23 de março. A margem de erro é de 2,4%, para mais ou para menos, com grau de confiabilidade de 95%, o que significa dizer que se fossem feitas 100 entrevistas com a mesma metodologia, 95 estariam dentro da margem de erro prevista.

Os dados completos podem ser vistos AQUI.

Da Redação

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Eleição: com segurança reforçada, Coari registra ocorrências pontuais

Como ocorreu durante toda a campanha, iniciada no início do mês de novembro, houve trocas de acusações entre os candidatos favoritos, Keiton Pinheiro e Robson Tiradentes Jr.

5 de dezembro de 2021

Gasto de R$ 1,2 milhões na Aleam: Saullo, Joana e Nicolau ficam no pódio

Quinze dos 24 deputados estaduais do Amazonas gastaram um valor acima da cota parlamentar de R$ 44.114,74; fretamento de aeronaves está entre os maiores gastos.

5 de dezembro de 2021

Comissão vota, na segunda-feira, relatório preliminar do Orçamento

Deputado Hugo Leal estabeleceu, neste relatório preliminar, as 20 áreas de interesse do governo que poderão receber as chamadas emendas do orçamento secreto.

5 de dezembro de 2021

Alienação parental: Câmara vota prioridade em processos judiciais

A Alienação Parental é um transtorno imposto a um filho ou a uma filha por um dos genitores com o objetivo de afastá-los do outro genitor. A prática é crime no Brasil.

5 de dezembro de 2021

Ministério Público debate improbidade no dia de combate a corrupção

Um seminário virtual marcará o Dia de Combate a Corrupção, na próxima quinta-feira, numa ação do Ministério Público Federal para criticar alterações na lei de improbidade.

5 de dezembro de 2021

Marcelo pode perder vice-presidência da Câmara se deixar o PL

Vice-presidente da Casa, Marcelo Ramos negocia uma saída amigável do partido desde a entrada do presidente Jair Bolsonaro e o grupo bolsonarista do Amazonas.

5 de dezembro de 2021

Futuro de Coari é decidido hoje; saiba quem disputa a prefeitura

Keitton Pinheiro, Robson Tiradentes, Zé Henrique e Mil Mitouso disputam preferência do eleitorado da segunda cidade mais rica do AM, com orçamento anual de R$ 300 milhões.

5 de dezembro de 2021

Obrigatoriedade de filmagem para entrar em domicílio de suspeitos é anulada

A decisão se deu em favor de um homem, suspeito de tráfico de drogas, com o entendimento de que a entrada dos policiais em sua casa foi ilegítima.

4 de dezembro de 2021