fbpx

sexta, 27 de maio de 2022

Pacheco diz que discurso de Bolsonaro contra as urnas ‘atrapalha’ o processo

Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco disse que não cabe à ninguém, além da Justiça Eleitoral, fazer a apuração dos votos nas eleições de outubro.

6 de maio de 2022

Compartilhe

Rodrigo Pacheco discorda de ideia de Bolsonaro de chamar empresa privada para auditar as eleições (Foto: Roque de Sá/Agência Senado)

Em coletiva de imprensa no Senado nesta sexta-feira (6), o presidente dá Casa, Rodrigo Pacheco ( PSD) rebateu as falas do presidente Jair Bolsonaro (PL) em live na última quinta-feira (5) onde disse que o partido iria contratar uma empresa privada para auditar as eleições de 2022. Pacheco disse que a apuração cabe apenas à Justiça Eleitoral que falas como a do presidente “atrapalham” o processo eleitoral.

“Eu considero que cabe à Justiça especializada que é a Justiça Eleitoral que tem o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e a quem cabe o processo da apuração”, disse Pacheco.

Ele destacou que houve uma iniciativa “louvável” do TSE em prol da transparência do processo eleitoral criando um Comitê com a participação de diversos representantes da sociedade, inclusive do Congresso.

O presidente do Senado disse que a participação de empresas ou grupos privados é legítima nesse processo, porém reforçou em várias respostas, durante a coletiva de que a apuração dos votos cabe somente à Justiça Eleitoral.

Pacheco destacou que o voto pelas urnas eletrônicas até há pouco tempo era orgulho dos brasileiros por ser moderno e ágil e sem nenhum caso de fraude desde que foi implantado. Para o presidente do Senado, falas como a da live do presidente, “sem justa causa” ou “latro probatório” não contribuem com o respeito às instituições, “não contribuem” e “atrapalham”.

“A sociedade precisa ter confiança no processo eleitoral”, reforçou Pacheco.

Com informações da Agência Senado

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Bolsonaro adia live em dia de derrota nas pesquisas para Lula nos dois turnos

Bolsonaro estabiliza e Lula cresce em nova pesquisa Datafolha divulgada no dia que o presidente adia tradicional live de quinta-feira para falar com apoiadores .

26 de maio de 2022

Datafolha: cresce diferença entre Lula e Bolsonaro para o segundo turno

Pesquisa do Datafolha divulgado nesta quinta-feira aponta que Lula tem 58% das intenções de voto no segundo turno, enquanto Bolsonaro chega a 33%

26 de maio de 2022

TSE aprova federação partidária do PSol com o Rede Sustentabilidade

PSol e Rede formalizam federação no TSE no mesmo dia que o PSDB e Cidadania e agora as legendas devem manter unidade política pelos próximos quatro anos.

26 de maio de 2022

‘Criar municípios é política de pão e circo’, diz cientista político

Para Carlos Santiago, discurso de criar novos municípios, às vésperas das eleições, para sanar o problema de comunidades que sofrem descaso e miséria, não é melhor caminho.

26 de maio de 2022

Serafim alerta para manobra de empresário que prejudica mercado de gás no AM

O líder do PSB na Casa Legislativa lembrou que a nova Lei do Gás, de iniciativa da Aleam, aprovada em março de 2021, contraria os interesses do empresário baiano.

26 de maio de 2022

Maria do Carmo é suplente de Arthur, mas corteja vaga de vice de Amazonino

Ex-pré-candidata ao Governo do Amazonas, Maria do Carmo confirma que é primeira suplente de Arthur ao Senado, mas se coloca como opção a vice de Amazonino.

26 de maio de 2022

Portela endossa discurso de Bolsonaro e questiona lisura das eleições

Novo vice da Câmara se alinha às manifestações de teor golpista do presidente que, sem prova ou indício relevante, tem levantado dúvidas sobre a lisura do sistema eleitoral

26 de maio de 2022

TCE-AM multa ex-presidente da Câmara de Beruri por falta de transparência

TCE-AM vê deficiências nos atos de transparência e descumprimento da Lei de Acesso à Informação e multa ex-gestor da Câmara de Beruri em R$ 14 mil.

26 de maio de 2022