fbpx

quinta, 28 de janeiro de 2021

Oitiva de suposto dono de prestadora de serviços na saúde é adiada

Frank Andrey é apontado pela CPI como o verdadeiro proprietário da empresa Norte Serviços Médicos. Em quatro governos, a empresa recebeu cerca de R$ 25 milhões.

10 de agosto de 2020

Compartilhe

Foto: Divulgação

A oitiva da CPI da Saúde com o representante da empresa Norte Serviços Médicos, Frank Andrey Gomes de Abreu, foi adiada para a próxima quinta-feira (13) às 16h. O dono da empresa Líder Serviços de Apoio a Gestão de Saúde Ltda, Sérgio, também será ouvido pelos colegiados nesta data.

Frank Andrey é apontado pelos membros da Comissão como o verdadeiro proprietário da empresa Norte Serviços Médicos. Ao longo de quatro governos, a empresa recebeu do Estado cerca de R$ 25 milhões.

Acusada pelos parlamentares da CPI da Saúde de obter pagamentos superfaturados, os valores começaram a ser entregues à empresa a contar de 2016, época que o Amazonas era administrado por José Melo (PROS).

A empresa continuou a receber faturas milionárias durante os governos de Amazonino Mendes e David Almeida.

De acordo com o presidente da Comissão, deputado estadual Delegado Péricles (PSL), os advogados de Frank apresentaram a declaração de um médico do Hospital Albert Einstein, que informa que o depoente retirou um cateter e, por conta dos riscos de contaminação pela Covid-19 recomentou que Frank se afastasse das atividades normais por 60 dias.

O Delegado Péricles, porém, argumentou que a declaração foi assinada no dia 23 de julho e que, por conta disso, decidiu agendar uma nova data para a oitiva.

“Como é uma sugestão, não é um atestado médico, eu não vejo razão para que ele não compareça a essa CPI. Caso o senhor Frank não compareça, já fica decido pelos membros da CPI a condução coercitiva da testemunha”, disse o deputado.

Próximos depoimentos:

Na próxima segunda-feira (17), às 10h, a agente administrativa do setor financeiro da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), Priscila Augusta Lira de Castro vai depor na CPI. Além dela, o ex-titular da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), Francisco Arnóbio, vai prestar depoimento às 15h.

Ambos foram convocados para dar explicações sobre os  R$ 868 mil pagos à empresa Norte Serviços, por quatro dias de atendimento no interior do Estado, durante o governo de David Almeida (Avante).

Na próxima quinta-feira (20), o ex-secretário de Saúde do Estado, Francisco Deodato, que esteve na pasta durante o governo de Amazonino Mendes, vai depor na CPI às 15h.

Francisco Deodato foi acionado para explicar o porquê da Susam, em 2018, ter convocado servidores de governos anteriores para assinar documentações.

Texto: Izaías Godinho

Leia Mais

Empresa recebeu quase R$ 25 milhões ao longo de quatro governos

Três deputados da CPI da Saúde querem carro blindado e escolta armada

Josué diz que pauta sobre Delegacia Anticorrupção tramita em prazo legal

Veja mais notícias

Vacina da AstraZeneca está liberada para distribuição em Manaus

Plano apresentado pela prefeitura está de acordo com as diretrizes da Fiocruz e do Ministério da Saúde, segundo despacho da juíza Jaiza Fraxe.

27 de janeiro de 2021

Wilson Lima contradiz Pazuello e diz que avisou sobre falta de oxigênio

Em entrevista à imprensa, governador afirmou que informou ao Ministério da Saúde assim que a White Martins avisou que teria problemas com a falta de oxigênio.

27 de janeiro de 2021

Indignado, David diz que Ministério Público agiu arbitrariamente

Após MPE solicitar à Justiça sua prisão preventiva, o prefeito emitiu nota em que afirmou estar profundamente indignado com a atuação ilegal e arbitrária de membros do MPE.

27 de janeiro de 2021

População do AM tem acesso a atendimento clínico via ChatBot

Sistema que utiliza inteligência artificial foi desenvolvido em parceria com a Samel Health Tech e Instituto Transire e entrou no ar nesta quarta-feira (27).

27 de janeiro de 2021

Oito municípios do interior já enviaram lista com nomes de vacinados ao TCE

Entregaram relação nominal dos vacinados as Prefeituras de Guajará, Silves, Maués, São Gabriel da Cachoeira, Barreirinha, Novo Aripuanã, Jutaí e Uarini.

27 de janeiro de 2021

Prefeitura cria gabinete para acompanhar vacinação contra Covid em Manaus

Os integrantes da comissão farão a auditoria das listas de vacinação e a apuração das irregularidades cometidas por servidores municipais na execução do plano de imunização.

27 de janeiro de 2021

Amom ainda na ‘briga’ para evitar cancelamento do Enem no Amazonas

O Inep solicita que a aplicação das provas no Amazonas sejam suspensas, até que seja finalizado o estado de calamidade pública. Antes o órgão não queria aceitar o adiamento.

27 de janeiro de 2021

Prefeitura de Manaus pede liberação das vacinas à Justiça

O lote referente à capital amazonense está retido na FVS-AM por ordem da juíza federal Jaiza Fraxe que, dentre algumas determinações, quer mais transparência da Prefeitura.

27 de janeiro de 2021