fbpx

terça, 26 de janeiro de 2021

Moradores reclamam de cobrança indevida de água e energia

Reclamações foram feitas no Balcão do Consumidor, promovido pela Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa, no conjunto Viver Melhor 4.

15 de agosto de 2020

Compartilhe

O Balcão ofertou serviços de orientação jurídica (Foto: Divulgação)

Dos mais de 150 atendimentos registrados na 3ª edição do Balcão do Consumidor, 70%  foram reclamações referentes a cobrança indevida nas contas de água e energia elétrica.

A ação, promovida pela Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Amazonas (CDC/Aleam), foi realizada no conjunto Viver Melhor 4, Zona Norte de Manaus, nesta sexta-feira (14).

Com uma equipe formada por advogados e conciliadores, o Balcão ofertou serviços de orientação jurídica e abertura de reclamações relacionadas a questões consumeristas.

A edição contou, ainda, com a presença de representantes da Amazonas Energia e da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman) e uma linha direta (WhatsApp) com a empresa Águas de Manaus. Com a participação dos pressupostos, foi possível realizar 35 audiências conciliatórias durante a ação.

Acostumada a pagar uma média de R$ 300 a R$ 400 de energia elétrica, uma conta no valor de R$ 1,2 mil fez com que a dona de casa Priscila Carneiro buscasse ajuda no Balcão no Consumidor.

“Em julho, me surpreendi com uma conta absurda de R$ 1,2 mil. Em casa, moramos apenas eu, meu marido e meu filho. Não tem como consumir tudo isso e muito menos condições de pagar esse valor. Mas consegui comprovar que houve um erro na leitura e o valor devido foi corrigido”, afirmou a dona de casa, que teve a conta retificada e terá de pagar o valor real de R$ 300.

Diante de uma conta de R$ 1.169 de água, a dona de casa Maria Socorro Rodrigues também buscou ajuda no Balcão.

“Nosso apartamento está fechado e, vez ou outra, eu vou ao local para limpar e abrir as janelas. A conta mais cara que já paguei foi de R$ 70. Mas em fevereiro chegou essa dívida de mais de mil reais. Já fui até a empresa, mas eles não resolveram. Mas agora, a equipe irá fazer uma vistoria para verificar o que aconteceu e tenho certeza de que esse valor será corrigido”, afirmou.

Durante o atendimento ofertado no Balcão do Consumidor, a CDC/Aleam segue todas as recomendações de segurança de saúde, como a exigência obrigatória do uso de máscaras, o distanciamento entre os participantes e a disponibilização de totem com álcool em gel à população.

Leia mais:

h

Veja mais notícias

Manifesto na internet quer viabilizar auxilio de R$ 500 no Amazonas

De acordo com os organizadores, as assinaturas são fundamentais para que esta proposta possa ser apresentada para a Câmara Municipal de Manaus e para a Assembleia Legislativa

25 de janeiro de 2021

Em Manaus, Pazuello pede reforço aos atendimentos na Atenção Básica

A recomendação foi feita ao prefeito David Almeida, durante reunião do Comitê de Crise – Controle de Operações Especiais (COE), na manhã desta segunda-feira (25).

25 de janeiro de 2021

Deputado quer investigação de preços abusivos na venda de oxigênio

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o aumento sem justa causa de preços constitui em prática abusiva. Tal ação é expressamente proibida, conforme art.39 do CDC.

25 de janeiro de 2021

Idosos do Doutor Thomas recebem 1ª dose da Coronavac nesta terça

Ao todo, entre idosos e profissionais de saúde que atuam na Fundação, 346 devem receber a primeira dose da Coronavac. Vacinação em drive-thru não tem data para iniciar.

25 de janeiro de 2021

TCE-AM dá 72h para Prefeitura justificar falhas na lista de vacinados

Os técnicos da Corte de Contas identificaram dezenas de nomes repetidos e centenas de CPF´s inexistente ou errados, além da falta de especificações de cargos e lotações.

25 de janeiro de 2021

Cartórios ganham na Justiça direito de permanecer abertos no AM

Decreto estadual limitou a abertura dos cartórios apenas para serviços de registro de nascimento e óbito. Juiz atendeu pedido da Anoreg e derrubou a restrição.

25 de janeiro de 2021

Por vacinação indevida, SES-AM exonera diretora do HPS da Criança da ZL

Apuração da pasta identificou que foi a servidora que incluiu, indevidamente, um servidor da Casa Civil na lista de trabalhadores de saúde que deveriam ser vacinados.

25 de janeiro de 2021

Wilson Lima manda demitir motorista que furou fila da Coronavac

O funcionário que tem cargo de assessor técnico consta na lista de vacinados. Governador disse que não compactuará com esse tipo de conduta e determinou que seja exonerado.

25 de janeiro de 2021