fbpx

domingo, 05 de dezembro de 2021

Justiça veta aumento de gastos com deputados proposto por Josué Neto

Projeto aumentava em 35% a Cota de Exercício para a Atividade Parlamentar (Ceap) e em 20% a verba de gabinete para cada um dos 24 deputados estaduais.

15 de janeiro de 2021

Compartilhe

Em relação à Ceap, o magistrado observou que o aumento contraria a Lei Complementar n.º 173/2020 (Foto: Reprodução)

O juiz de Direito Ronnie Frank Torres Stone determinou a suspensão dos efeitos da Resolução Legislativa n.º 783/2020, que garantia o aumento de 35% da Cota de Exercício para a Atividade Parlamentar (Ceap) e de 20% para a verba de gabinete para cada um dos 24 deputados estaduais.

O aumento de gastos foi proposto pelo então presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), Josué Neto e foi derrubada pelo juiz Ronnie Frank Torres Stone, após pedido de ativistas do Movimento Brasil Livre Amazonas (MBL-AM)

-Ao analisar os autos, o juiz considerou que a Lei Complementar n.º 173/2020, que estabeleceu o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus SARS-COV-2 (Covid-19), regulamentou a limitação e a gestão de despesas públicas previstas na Lei de Responsabilidade Fiscal e que o art. 8.º da LC traz proibições relacionadas às despesas de Estados e da Federação até o dia 31 de dezembro de 2021.

Em relação à Ceap, o magistrado observou que o aumento contraria a Lei Complementar n.º 173/2020, “na medida em que amplia a margem de gastos passíveis de indenização”.

Com informações da assessoria

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Eleição: com segurança reforçada, Coari registra ocorrências pontuais

Como ocorreu durante toda a campanha, iniciada no início do mês de novembro, houve trocas de acusações entre os candidatos favoritos, Keiton Pinheiro e Robson Tiradentes Jr.

5 de dezembro de 2021

Gasto de R$ 1,2 milhões na Aleam: Saullo, Joana e Nicolau ficam no pódio

Quinze dos 24 deputados estaduais do Amazonas gastaram um valor acima da cota parlamentar de R$ 44.114,74; fretamento de aeronaves está entre os maiores gastos.

5 de dezembro de 2021

Comissão vota, na segunda-feira, relatório preliminar do Orçamento

Deputado Hugo Leal estabeleceu, neste relatório preliminar, as 20 áreas de interesse do governo que poderão receber as chamadas emendas do orçamento secreto.

5 de dezembro de 2021

Alienação parental: Câmara vota prioridade em processos judiciais

A Alienação Parental é um transtorno imposto a um filho ou a uma filha por um dos genitores com o objetivo de afastá-los do outro genitor. A prática é crime no Brasil.

5 de dezembro de 2021

Ministério Público debate improbidade no dia de combate a corrupção

Um seminário virtual marcará o Dia de Combate a Corrupção, na próxima quinta-feira, numa ação do Ministério Público Federal para criticar alterações na lei de improbidade.

5 de dezembro de 2021

Marcelo pode perder vice-presidência da Câmara se deixar o PL

Vice-presidente da Casa, Marcelo Ramos negocia uma saída amigável do partido desde a entrada do presidente Jair Bolsonaro e o grupo bolsonarista do Amazonas.

5 de dezembro de 2021

Futuro de Coari é decidido hoje; saiba quem disputa a prefeitura

Keitton Pinheiro, Robson Tiradentes, Zé Henrique e Mil Mitouso disputam preferência do eleitorado da segunda cidade mais rica do AM, com orçamento anual de R$ 300 milhões.

5 de dezembro de 2021

Obrigatoriedade de filmagem para entrar em domicílio de suspeitos é anulada

A decisão se deu em favor de um homem, suspeito de tráfico de drogas, com o entendimento de que a entrada dos policiais em sua casa foi ilegítima.

4 de dezembro de 2021