fbpx

sábado, 16 de janeiro de 2021

Operação conjunta vai trazer oxigênio de Fortaleza e SP para o AM

Ação conjunta do Governo do Estado e Ministério da Saúde quer sanar o déficit de 48.300m³ diários e para isso vai importar o insumo de outros estados.

14 de janeiro de 2021

Compartilhe

Consumo de oxigênio hospitalar passou a ser cinco vezes maior nos últimos 15 dias, de acordo com o Governo do Amazonas. (Foto:Divulgação)


O Governo do Estado e o Ministério da Saúde iniciaram a execução da “Operação Oxigênio” para abastecer os hospitais do Amazonas com o gás, que disparou em índices de consumo após o aumento de casos de Covid-19.

De acordo com o governador Wilson Lima, o plano começou a ser executado após as principais fornecedoras do insumo não suportarem a demanda das redes pública e privada do estado, que passou a ser cinco vezes maior nos últimos 15 dias.

Déficit

Para atender a demanda, tanto dos hospitais públicos quanto dos hospitais privados, as fornecedoras White Martins, Carbox e Nitron precisavam entregar 76.500 metros cúbicos (m³) diariamente.

No entanto, a capacidade de entrega das empresas tem sido somente de 28.200 m³/dia.

Para sanar o déficit de 48.300m³ diários, a operação está buscando em Fortaleza e São Paulo o insumo para trazer até Manaus em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB).

Logística

Durante o pronunciamento do Comitê de Resposta Rápida – Enfrentamento Covid-19, Wilson Lima destacou a dificuldade logística que o Estado tem encontrado para abastecer as unidades de saúde com oxigênio.

De acordo com o secretário de Atenção Especializada do Ministério da Saúde, coronel Luiz Otávio Franco Duarte, os aviões da FAB têm condições de manter uma ponte aérea São Paulo-Manaus para complementar a produção de oxigênio em Manaus.

Cada viagem de avião tem capacidade de abastecer a capital com 5.000m³.

“O consumo diário hoje no Amazonas é de 76.000m³, e temos um déficit diário de 48.000 m³. A matemática é bem objetiva e mostra o esforço do SUS (Sistema Único de Saúde) para equalizar esse item nobre”, afirmou o coronel.

White Martins

Em Manaus, a empresa White Martins, que é uma das maiores fornecedoras do insumo, em toda sua capacidade, consegue produzir 25.000m³. Em Fortaleza, a produção é de 4 milhões de m³.

A logística da operação prevê também rota terrestre com insumos até Belém, saindo de Fortaleza, para chegar a Manaus por meio de aviões.

Para atender com urgência as redes, o transporte terrestre e fluvial, que seria o procedimento mais comum, foi descartado.

Leia Mais:

Veja mais notícias

Transferência de pacientes obedece protocolo de segurança

Os pacientes são selecionados atendendo a classificação de risco do protocolo de Manchester que estabelece as prioridades de atendimento conforme cada quadro clínico.

16 de janeiro de 2021

Governo do Amazonas tem planejamento para iniciar vacinação

Nos 62 municípios do Amazonas, serão 794 salas de vacinação. Governo estima vacinar na primeira etapa da campanha 1.154.504 pessoas de grupos prioritários em todo o estado.

16 de janeiro de 2021

Parintins tem oxigênio para 10 dias de abstecimento

A Prefeitura recebeu, neste sábado, um tanque que vai garantir 10 dias de abastecimento nos hospitais de Parintins. O município destinou 15 balas de oxigênio para Manacapuru.

16 de janeiro de 2021

Maués fornecerá oxigênio para municípios em crise

A prefeitura anunciou a compra de um equipamento que permitirá envasar oxigênio em cilindros, possibilitando a exportação e distribuição do produto para outros municípios.

16 de janeiro de 2021

Autazes compra cilindros de oxigênio de Porto Velho

O prefeito Andreson Cavalcante adquiriu 70 cilindros de oxigênio para abastecer a rede de saúde de Autazes e também enviou o produto para Nova Olinda do Norte.

16 de janeiro de 2021

Oposição pede impeachment de Bolsonaro por crise em Manaus

O pedido foi assinado pela Rede, PSB, PT, PC do B e PDT e falam na prática de “crimes de responsabilidade em série” pelo presidente “que resultaram em dor asfixiante".

16 de janeiro de 2021

Empresa aérea doa oxigênio para maternidade

A Gol Linhas Aéreas doou 30 cilindros para maternidade Balbina Mestrinho. Secretaria de Estado de Saúde disponibilizou contatos para doações.

16 de janeiro de 2021

Trabalhos no Congresso devem voltar para discutir situação no AM

Sessão legislativa extraordinária pode ser convocada pelo presidente da República e pelos presidentes da Câmara e do Senado, ou a requerimento da maioria dos parlamentares.

16 de janeiro de 2021