fbpx

sábado, 23 de outubro de 2021

Federal faz busca e apreensão em sedes da Precisa Medicamentos

Medida solicitada pela CPI da Covid e autorizada pelo ministro Dias Toffoli, do STF, visa encontrar contratos da empresa com a Bharat Biotech e o Ministério da Saúde.

17 de setembro de 2021

Compartilhe

Policiais Federais estão cumprindo mandato de busca e apreensão em sedes da Precisa Medicamentos em São Paulo (Foto: Reprodução)

A Polícia Federal realiza, nesta sexta-feira (17), uma operação de busca e apreensão em duas unidades da Precisa Medicamentos, em Barueri e Itapevi, em São Paulo. A ação foi pedida pela Comissão Parlamentar de Inquérito da Covid-19 e autorizada pelo ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Os policiais buscam informações relativas ao contrato entre a Precisa Medicamentos e a empresa indiana Bharat Biotech, assim como todos os documentos relacionados a este contrato.

“A CPI buscou de todas as formas obtenção dessas informações junto à empresa e ao Ministério da Saúde, não obtendo êxito. Devido a isso, se fez necessária a utilização deste instrumento judicial”, diz nota assinada pelo presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), pelo vice-presidente, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), e pelo relator, Renan Calheiros (MDB-AL).

O contrato para a compra da Covaxin, no valor de R$ 1,6 bilhão para a compra de 20 milhões de doses, é investigado pelo Ministério Público Federal, pelo Tribunal de Contas da União e pela Polícia Federal. Embora o dinheiro tenha sido reservado pelo Governo Federal, o contrato acabou cancelado após a divulgação de suspeitas de irregularidades.

O ex-diretor do Departamento de Logística do Ministério da Saúde Roberto Dias, em depoimento à PF, qualificou como “atípico” o processo de importação da vacina Covaxin pelo Ministério da Saúde, intermediado pela Precisa. O contrato indicava uma empresa sediada em Cingapura para receber o dinheiro.

Prestes a ser ouvido pela CPI da Covid, o diretor institucional da Precisa Medicamentos, Danilo Trento, fez movimentações financeiras incompatíveis com seus rendimentos, de acordo com relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Ele chegou a receber R$ 2 milhões por mês. 

“Para mim, o depoimento mais importante que ainda vamos fazer é o de Danilo Trento. Ele é o autor da arquitetura ideal, que mostra como fraudar licitações. É o arquiteto do crime”, considera Randolfe Rodrigues. A CPI também suspeita da relação entre o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), com a Precisa.

Em agosto a CPI quebrou os sigilos fiscal e bancário de Barros e de Francisco Maximiano, sócio-presidente da Precisa. Amparado por um habeas corpus concedido pelo Supremo Tribunal Federal (STF), Maximiano se recusou a responder aos questionamentos dos senadores na CPI.

Com informações do Congresso em Foco

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Após viagens na pandemia e diagnóstico de Covid-19, Assis volta à CMM

Vereador chamava a atenção de pessoas por aglomerações e o não uso de máscara, mas na Pandemia emendou duas viagens seguidas em agosto e voltou pra Manaus com Covid-19.

22 de outubro de 2021

Ex-ministro Esteves Colnago assumirá Secretaria de Tesouro e Orçamento

A nomeação foi confirmada há pouco pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, em declaração conjunta ao lado do presidente Jair Bolsonaro.

22 de outubro de 2021

Presidência ou Senado? Sérgio Moro confirma filiação ao Podemos

O ex-juiz deve decidir se concorrerá à Presidência ou ao Senado em breve. A expectativa dentro do partido é que Moro concorra ao Palácio do Planalto.

22 de outubro de 2021

Precatórios: mudanças no teto de gastos, vacinas e Auxílio Brasil

O relator, deputado Hugo Motta, destacou que a aprovação é importante para garantir o Auxílio Brasil, com a previsão de R$ 400 para atender 17 milhões de famílias em 2022.

22 de outubro de 2021

Magistrados do TJAM custaram quase 50 mil em 2020, diz CNJ

Relatório Justiça em Números, produzido pelo Conselho Nacional de Justiça, apresenta números detalhados da atividade dos tribunais brasileiros em 2020.

22 de outubro de 2021

Grupo Samel se posiciona sobre estudo com a proxalutamida

Diretoria do grupo Samel explicou, em direito de resposta obtido na Justiça contra o jornal O Globo, qual papel da empresa na pesquisa com medicamento proxalutamida.

22 de outubro de 2021

Senado aprova PL que prevê repasse de R$ 2 bilhões para Santas Casas

As entidades a serem beneficiadas são aquelas que complementam as operações do SUS, recebendo demandas do sistema público. O texto ainda precisa ser votado na Câmara.

22 de outubro de 2021

Governo pede correção na autorização de empréstimo de R$ 452 milhões

Governo alegou que o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) solicitou garantias mais sólidas para a celebração do contrato entre as partes.

22 de outubro de 2021