fbpx

quinta, 20 de janeiro de 2022

Deputados estaduais comemoram aprovação de lei do Fundeb

A proposta foi aprovada, na Câmara dos deputados, em primeiro turno por 499 votos favoráveis a 7 contrários. Parlamentares estaduais comemoraram.

22 de julho de 2020

Compartilhe

Foto: Divulgação

A proposta de emenda à Constituição (PEC) que torna permanente o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) foi aprovada.

E isso foi motivo de comemoração entre os deputados estaduais, durante sessão Plenária na Assembleia Legislativa do Estado (Aleam) desta quarta-feira (22).

A proposta foi aprovada, na Câmara dos Deputados, em primeiro turno por 499 votos favoráveis a 7 contrários; e em segundo turno por 492 votos a 6, na terça-feira (21).

Após negociação de modificações do texto da PEC com governo federal, a relatora da proposta, deputada Professora Dorinha (DEM-TO), subiu a complementação da União para 23% em 2026, dos quais cinco pontos percentuais são destinados especificamente para educação infantil.

A deputada estadual Threzinha Ruiz  (PSDB) afirmou que a aprovação do Fundeb, com base no relatório da deputada federal professora Dorinha, vai trazer benefícios no que diz respeito ao melhoramento dos salários dos professores, como também, nas condições de trabalho.

A parlamentar acrescentou que aguarda a aprovação da matéria no senado. “Não podemos ficar sem o Fundeb. Continuamos aqui cobrando e espero que o senado dê a resposta que o Brasil precisa”, disse a parlamentar.

O deputado estadual Serafim Corrêa disse que a maioria dos prefeitos no interior do Estado não está prestando contas dos recursos que têm recebido do Fundeb.

Com base em dados do Tesouro Nacional, o deputado disse que no primeiro semestre de 2020, os 62 municípios do Amazonas receberam R$ 1.257 bilhão de Fundeb e o governo do estado recebeu R$ 971,925 milhões. Juntos, estados e municípios receberam R$ 2.229 bilhões.

“Há prefeitos do interior que estão fazendo uma verdadeira farra com os recursos que são da educação”, disse o parlamentar

O deputado estadual Augusto Ferraz (DEM) disse que os recursos oriundos do Fundeb são necessários para a melhoria na qualidade do ensino, mas também salientou que é necessária uma fiscalização maior do Ministério Público do Estado (MPE-AM) quanto à aplicação dos recursos.

“Quase todas  as escolas dos municípios do interior do Estado são muquifos para ludibriar a nossa educação. Pra onde vão, realmente, esses recursos da educação? Precisamos de uma fiscalização mais eficaz”, disparou o parlamentar.

Leia Mais:

Câmara aprova suspensão de feriados municipais após pandemia

Aleam propõe descongelamento de salário de servidores públicos

Manausmed adia mais uma vez explicações à Câmara Municipal

Leia mais sobre Política

Governo mantém sigilo de 100 anos e nega acesso a processo de Pazuello

Pazuello foi ministro da Saúde de setembro de 2020 a março de 2021 e encampou, em sua gestão, várias das posições negacionistas bancadas por Bolsonaro no combate à pandemia.

20 de janeiro de 2022

Eleição ficou mais difícil com novas regras, avaliam advogados

Novas regras, como a que instituiu a cláusula de barreira e a formação de federações, foram tema da segunda parte da série de entrevistas promovidas pela TV RealTim1.

20 de janeiro de 2022

Depois de críticas à aglomeração por testagem, prefeito suspende eventos

David Almeida suspendeu por 30 dias a concessão de permissão e licenças para eventos de qualquer natureza. A decisão não proibiu eventos esportivos que serão analisados.

20 de janeiro de 2022

TSE estuda bloquear Telegram no Brasil para evitar fake news nas eleições

Ao menos 11 países já bloquearam ou ainda bloqueiam a plataforma do Telegram, um deles é a Rússia, país de origem, onde o acesso ficou suspenso entre os anos de 2018 e 2020.

20 de janeiro de 2022

Lewandowski manda Ministério Público fiscalizar pais antivacina

No ofício, Lewandowski diz que os MP´s devem garantir que as medidas necessárias para fiscalizar a vacinação das crianças estão sendo adotadas conforme prevê o ECA.

20 de janeiro de 2022

Pandemia pode suspender concursos da Segurança; TCE-AM analisa pedido

A principal linha de questionamento da representação é que a realização do concurso no cenário de alta de casos de Covid-19 colocará em risco a saúde dos candidatos.

20 de janeiro de 2022

MP-AM quer exoneração de parentes do prefeito e vice de Canutama

A recomendação foi feita após denúncias de suposta prática de nepotismo na nomeação de familiares do prefeito José Torres (PSC) e do seu vice, Raimundo Cordeiro (MDB).

20 de janeiro de 2022

Alexandre Saraiva questiona decisão que liberou madeira apreendida pela PF

Ex-superintendente da PF no Amazonas, delegado Alexandre Saraiva, foi o pivô da queda do então ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Saraiva foi transferido para o Rio.

20 de janeiro de 2022