fbpx

sábado, 28 de maio de 2022

Concessão de medalha a Sabá Reis acende rivalidade eleitoral na Câmara

O vereador Amom Mandel (Cidadania), aliado de Amazonino Mendes, pré-candidato ao governo pelo mesmo partido, disse que a concessão da medalha é um artifício eleitoral.

13 de abril de 2022

Compartilhe

Os vereadores governistas saíram em defesa da proposta de comenda e aproveitaram para exaltar os feitos de Sába Reis nos 16 meses em que esteve à frente da Semulsp. (Fotos: Divulgação)

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou, por unanimidade, a concessão de medalha de ouro a Sába Reis (Avante), ex-secretário municipal de obras, na sessão desta quarta-feira (13). No entanto, a aprovação virou motivo de discussão entre vereadores que apoiam Amazonino Mendes (Cidadania), pré-candidato ao Governo do Estado, e o governador Wilson Lima (UB), que buscará a reeleição.

O vereador Amom Mandel (Cidadania), que é aliado de Amazonino Mendes (Cidadania) e faz oposição ao prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), disse que o momento não é o ideal para concessão da medalha, em razão do período eleitoral.

“Quero deixar aqui um protesto. De fato, Sabá Reis prestou serviços relevantes ao município de Manaus, não só nesta gestão, mas em outras também. Tem uma história enquanto homem público e merece reconhecimento, mas acredito que a concessão da medalha e proposição deste projeto são artifícios políticos-eleitorais para beneficiar possíveis candidatos”, afirmou Amom.

Vereadores governistas saíram em defesa da proposta de comenda e aproveitaram para exaltar os feitos de Sába Reis nos 16 meses em que ele esteve à frente da Secretaria Municipal de Limpeza Pública (Semulsp). Eles ainda criticaram a fala de Amom.

Autor da propositura, o vereador Elissandro Breval (Avante) afirmou que a intenção não foi eleitoreira, mas fazer reconhecimento a um homem público. O parlamentar também criticou o discurso de Amom, afirmando que eleitoreiro é assinar a propositura e depois questioná-la.

“Jamais vou questionar um discurso dele, mas é preciso ter coerência e principalmente seriedade nas palavras”, provocou.

Mais tarde, Amom pediu direito de resposta e chegou a ser interrompido por Breval. “Tome muito cuidado e lave a boca antes de falar esse tipo de coisa ao se referir a minha pessoa. Não interrompa os pronunciamentos que eu fizer da forma que fez anteriormente. Cumpra o seu papel enquanto parlamentar. Estou cumprindo o meu. Respeite as minhas opiniões”, disse o vereador.

Sába Reis deixou o cargo de secretário municipal para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) nestas eleições. Ele saiu da Semulsp, no final de março, por conta do prazo da descompatibilização eleitoral prevista na legislação eleitoral.

Antes de deixar a secretaria, o ex-secretário afirmou que sairia do cargo para ficar livre e “jogar em qualquer posição”, nestas eleições, fazendo alusão a possível candidatura dele como vice na chapa do governador Wilson Lima, que é pré-candidato à reeleição.

Texto: Jefferson Ramos

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Edson Fachin diz que acatar resultado da eleições é inegociável

Em várias ocasiões, o presidente Jair Bolsonaro deu a entender que não aceitará outro resultado que não seja a sua vitória em outubro deste ano.

27 de maio de 2022

Terra Yanomami demarcada há 30 anos vê crescimento de garimpo

Bolsonaro é um defensor da mineração em terras indígenas, apesar da visível destruição e dos problemas que o garimpo ilegal leva para essas áreas socioambientais protegidas.

27 de maio de 2022

Radicalização explica revés de Bolsonaro no Datafolha, diz Lira

Pesquisa Datafolha divulgada nessa quinta-feira (26) mostra que Lula lidera a disputa presidencial com 48% das intenções de voto no primeiro turno, ante 27% de Bolsonaro.

27 de maio de 2022

Ex-militante defende que esquerda deve apostar na rebeldia de jovens

O advogado George Tasso avalia que hoje "falta formação política nas bases da educação e do trabalho para a esquerda avançar pelas ruas de Manaus e reconquistar espaço".

27 de maio de 2022

Como em 2018, vereadores querem fazer CMM de trampolim este ano

Nas eleições de 2018, oito vereadores da legislatura 2016-2020 foram eleitos deputados estaduais e um para o Senado. Políticos aproveitam a visibilidade do cargo.

27 de maio de 2022

Livre de acusação por crise de oxigênio, Pazuello visita obras em Manaus

Na manhã desta sexta-feira (27), Pazuello acompanhou o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante) e o governador Wilson Lima (UB) que visitaram obras de asfaltamento.

27 de maio de 2022

Projeto que limita ICMS deve ter tramitação lenta, avaliam senadores

Senadores avaliam que a proposta que fixa o ICMS de combustívveis e energia em 17%, aprovada pela Câmara dos Deputados, deverá deixar um grande rombo nos cofres regionais.

27 de maio de 2022

Petrobras e Minas e Energia devem explicar alta dos combustíveis na Câmara

Sidney Leite propôs audiência para discutir as constantes subidas nos preços dos combustíveis e a inflação com o presidente da Petrobras e o ministro de Minas e Energia.

27 de maio de 2022