fbpx

sexta, 26 de fevereiro de 2021

Com colapso em várias capitais, AM ainda terá prioridade na vacina?

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

23 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Ao descumprir a promessa de acelerar o processo de imunização no Amazonas, começando pela vacinação de todas as pessoas acima de 50 anos, o Ministério da Saúde (MS) pode fazer com que o Estado perca a prioridade na vacinação. O plano de aceleração tinha como um dos objetivos principais evitar que a nova variante do coronavírus, identificada primeiramente em Manaus, se espalhasse pelo Brasil. Acontece que o cenário mudou desde então. Atualmente, 12 capitais encontram-se com ocupação de leitos de UTI acima de 80%. O caos experimentado por aqui – e que agora mostra tendência de queda – chegou ao resto do Brasil.

___

JANELA FECHOU

Portanto, a janela aberta quando a vacinação prioritária dos amazonenses significava proteger os brasileiros de outros Estados pode estar sendo fechada. Com a situação caótica atingindo outras regiões do País, será difícil convencer quem quer que seja que merecemos imunização com mais celeridade. Estamos, portanto, de volta à mercê do, até agora, extremamente lento plano de vacinação do Governo Federal. Maiores de 50 podem recolher sua esperança de imunização em breve e voltar à dura realidade do risco de infecção por Covid-19.

___

NA ESPERANÇA DO ERRO

Espera-se que a previsão de uma terceira onda devastadora, com início previsto para março, antecipada em estudo realizado por um grupo liderado pelo biólogo e doutorando Lucas Ferrante não se concretize. Ele defendia a necessidade de um lockdown rigoroso para diminuir o impacto desta possível terceira onda. Sob pressão, o Governo do Estado flexibilizou as medidas de restrição de circulação de pessoas.

___

PARINTINS NO JN

O município de Parintins ganhou destaque no Jornal Nacional, da Rede Globo, que mostrou pacientes de Covid-19 amarrados a seus leitos pela falta de sedativos. A Secretaria Municipal de Saúde de Parintins, contudo, esclarece que não houve falta de medicamentos sedativos em pacientes intubados no Hospital Municipal Jofre Cohen, referência no tratamento de Covid-19.  Segundo a secretaria, a contenção dos pacientes é necessária para mantê-los em segurança, ao iniciar a diminuição dos sedativos no processo de extubação.

___

FICA PARA O SEGUNDO SEMESTRE

A apreciação e votação do projeto de Reforma Tributária do deputado Baleia Rossi (MDB-SP) só deverá acontecer no segundo semestre deste ano. O projeto cria o imposto sobre valor agregado, que seria extremamente prejudicial à Zona Franca de Manaus (ZFM). O projeto tem como relator deputado Aguinaldo Ribeiro, que só deve entregar seu relatório no segundo semestre.  Pelo projeto o ICMS seria cobrado no destino e não na origem, daí a ameaça à ZFM.

___

IGNOROU LICENÇA MATERNIDADE

Ao cobrar a presença da deputada estadual Joana Darc (PL) para prestar esclarecimentos sobre a acusação de compra de votos na eleição do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado Wilker Barreto (Podemos) simplesmente ignorou a licença maternidade de sua colega. Joana está nos últimos de uma gravidez de risco, prestes a dar à luz.

___

IGNOROU A PANDEMIA

Insatisfeito com o resultado das últimas manifestações contra o Governo do Estado (das quais é apontado como um dos organizadores), Wilker Barreto (Podemos) ignorou que estamos em uma pandemia ao conclamar o povo, na tribuna da Aleam, a tomar as ruas para derrubar a atual gestão estadual. A verdade é que trata-se de uma obsessão do deputado que ele deseja impor como vontade coletiva. Mesmo que para isso seja necessário promover aglomerações em plena pandemia.

Leia mais sobre Política

Derrubada teto de gastos deve piorar o caos com a cheia no interior

Os municípios do interior do Amazonas se preparam para uma cheia histórica e podem ser os mais prejudicados caso haja aprovação do texto original da PEC Emergencial.

26 de fevereiro de 2021

Citando injustiça e ‘likes’, Marcelo Ramos defende PEC da Impunidade

Para Marcelo Ramos, quem é contra a PEC que limita as possibilidades de prisão de parlamentares age com 'absoluta injustiça' ao se referir ao texto como 'PEC da Impunidade'.

26 de fevereiro de 2021

Nas redes sociais, Jaiza Fraxe fala em vacina para animais domésticos

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

26 de fevereiro de 2021

Adail Filho e a longa agonia do município mais rico do interior do Amazonas

O ex-prefeito de Coari, Adail Filho e o vice Keitton Pinheiro recorrem sobre a decisão do TRE-AM que determinou a cassação da candidatura por inelegibilidade.

26 de fevereiro de 2021

Câmara Federal começa a discutir agora projeto da ‘impunidade parlamentar’

A chamada PEC da Impunidade torna mais difícil a prisão de um parlamentar flagrado cometendo crimes, como foi o caso do deputado Daniel Silveira (PSL/RJ), semana passada

26 de fevereiro de 2021

Sem pauta e sem quórum deputados estaduais se limitam à falácia

Hoje, o alvo da base opositora foi uma viagem de Wilson Lima a Brasília. A Aleam, no ano passado, gastou com esses serviços R$ 11,3 milhões

25 de fevereiro de 2021

Sílvia Tuma é a nova corregedora do Ministério Público do Amazonas

Nova corregedora-geral terá mandato de dois anos e será responsável por fazer o controle interno das atividades de procuradores e promotores de Justiça do Amazonas

25 de fevereiro de 2021

Governo teve que fretar voo para buscar doses de vacina no Amapá

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

25 de fevereiro de 2021