fbpx

sábado, 23 de janeiro de 2021

Cidade e deputados da chapa vencedora repudiam denúncias de Joana D’arc

A nota foi acompanhada pelos demais parlamentares que não compunham a mesa diretora, mas que votaram favoráveis ao nome de Roberto Cidade (PV) para a presidência da Aleam.

4 de dezembro de 2020

Compartilhe

Deputados que formam a mesa diretora para o novo biênio da Aleam (Foto: Divulgação)

A votação que elegeu Roberto Cidade (PV) como novo presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) segue rendendo ataques entre os parlamentares da Casa Legislativa.

Nesta sexta-feira (4), os deputados que formam a nova mesa diretora para o Biênio 2021-2022 emitiram uma nota de repúdio contra as denúncias da deputada Joana Darc (PL) que, dentre outras acusações feitas na Tribuna da Aleam, disse que Cidade teria prometido R$ 200 mil aos deputados que o escolhessem na votação.

O documento ganhou o apoio dos parlamentares que votaram favoráveis ao nome de Cidade para a presidência.

A nota diz que as declarações da deputada são “caluniosas e levianas” e que os votos a Roberto Cidade foram fruto da autonomia parlamentar que têm na Casa, “regido pelo respeito e independência entre os poderes constituídos e alicerçados no apoio irrestrito ao Estado Democrático”.

O documento é finalizado garantindo que a eleição ocorreu dentro da legalidade. Leia a nota na íntegra:

O RealTime1 tentou contato com a deputada Joana Darc para repercutir seu posicionamento na Tribuna e a nota de repúdio divulgada pelos deputados, mas a parlamentar alegou estar em consultas médicas previamente agendadas por conta da gravidez.

Reportagem: Rosianne Couto

Leia Mais:

Veja mais notícias

PGR recomenda e Wilson Lima diz que vai acatar medidas mais rígidas

O pedido é para que o Governo do Amazonas endureça as medidas de isolamento até que haja diminuição ou estabilização da curva de contaminação da covid-19.

22 de janeiro de 2021

Vereador pede que recursos do carnaval sejam destinados para saúde

Rodrigo Guedes é o autor da solicitação feita a Prefeitura de Manaus e ao Governo do Estado, para que os recursos sejam destinados à saúde da capital e do interior.

22 de janeiro de 2021

Rosemary Pinto, diretora da FVS-AM, é mais uma vítima da Covid

Profissional de referência no Amazonas, a epidemiologista foi uma dos principais nomes no combate ao vírus no estado. Ela estava internada desde o dia 8 de janeiro.

22 de janeiro de 2021

Secretários são multados em R$ 50 mil por crise na saúde do AM

Juíza cobrava regularização na distribuição de oxigênio nas unidades de saúde, a ampliação no número de leitos nos hospitais e a transparência no Plano de Imunização.

22 de janeiro de 2021

Audiência Pública discute criação de consórcio para compra de vacina

De acordo com a autora da proposta, deputada Dra. Mayara, o estado precisa ter independência para adquirir os imunizantes diretamente, sem a intermediação do Governo Federal.

22 de janeiro de 2021

Comitê aciona delegacia para investigar irregularidades na vacinação

Na solicitação, o Comitê de Combate à Corrupção pede que "em caso de comprovação, que sejam indicadas medidas administrativas e judiciais aos órgãos competentes".

22 de janeiro de 2021

Governo anuncia repasse do FTI para fortalecer combate à covid-19

Governo quer repassar R$ 100 milhões do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Estado (FTI) para o interior

22 de janeiro de 2021

Vereador Amom libera pré-inscrições para vagas no gabinete

As pré-inscrições estão sendo feitas de forma virtual onde, no site do vereador, o candidato realiza um cadastro. O edital completo será divulgado dia 31 de janeiro.

22 de janeiro de 2021