fbpx

quinta, 06 de maio de 2021

Bolsonaro ameaça governadores com o uso de militares

Desde o início da pandemia no país, o presidente sempre foi contra as medidas de isolamento social, justificando que a economia não poderia parar de girar.

24 de abril de 2021

Compartilhe

A crítica sobre toque de recolher ocorreu ainda em Manaus, que adere o protocolo desde fevereiro (Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ameaçou usar as Forças Armadas para impedir que governadores e prefeitos decretem lockdown e toque de recolher para barrar o avanço da pandemia de Covid-19. É bom ressaltar que o Amazonas vive sob toque de recolher desde janeiro, medida que hoje vale entre 23h e 6h, mas que já foi mais dura.

“Se eu decretar isso, vai ser cumprido este decreto. Então, as nossas Forças Armadas podem ir para a rua um dia, sim, dentro das quatro linhas da Constituição para fazer cumprir o artigo 5º, direito de ir e vir, acabar com essa covardia de toque de recolher”, disse Bolsonaro em entrevista concedida em uma rede de televisão de Manaus.

O presidente sempre foi contra as medidas de isolamento social, justificando que a economia não poderia parar de girar. Ainda de acordo com ele, tudo não foi pior por causa do auxílio emergencial.

“Se tivermos problemas sérios, pode ter certeza que nós vamos entrar em campo para resolver esse assunto e acabar com essa palhaçada de alguns simplesmente ignorarem as necessidades básicas desse povo e quererem mantê-los preso dentro de casa”, afirmou.

A entrevista ocorreu horas depois de Bolsonaro ter inaugurado a obra inacabada da segunda etapa do Centro de Convenções Vasco Vasques, ao lado do governador do Amazonas, Wilson Lima, que implantou o toque de recolher na capital desde fevereiro deste ano.

Texto: Milena Soares, com informações da IstoÉ

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Tribunal de Justiça escolhe dois novos desembargadores na terça-feira

O Pleno do TJAM vai escolher entre 15 juízes. Na pauta, também está prevista a remoção de magistrados entre comarcas do interior do Amazonas.

6 de maio de 2021

TCE suspende contrato de R$ 3 mi para locação de carros de luxo em Coari

O contrato previa pagamento superior a R$ 3 milhões. por ano, à empresa Adminsitradora de Bens Good LTDA, que alugaria carros blindados para serem usados na prefeitura.

6 de maio de 2021

Pazuello recebe Onyx após pedir mudança na data para depor na CPI da Covid

O encontro entre os dois não consta na agenda oficial do ministro da Secretaria-Geral da Presidência que, no horário, indicava outra reunião no Palácio do Planalto.

6 de maio de 2021

Tasso quer ouvir Abin sobre guerra química citada pelo presidente

Senador pelo Ceará solicitou a presença de um representante da Agência Nacional de Inteligência para falar sobre guerra química empreendida pela China, segundo o presidente

6 de maio de 2021

PT não chega a acordo sobre ‘embarque’ no governo Wilson Lima

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

6 de maio de 2021

Estado vai pagar R$ 300 às famílias afetadas pela enchente no AM

Cartão Auxílio Estadual vai garantir benefício provisório no valor de R$ 300, em parcela única, a aproximadamente 100 mil famílias atingidas pela cheia dos rios no Amazonas.

6 de maio de 2021

Corrupção colaborou para o caos no sistema de saúde, diz Queiroga

O ministro, Marcelo Queiroga, disse que o desvio de recursos federais para estados e municípios pode ter colaborado para o colapso, mas MS não tem investigações.

6 de maio de 2021

‘Presidente foi irresponsável ao prescrever cloroquina’, diz senador

O senador Otto Alencar, que também é médico, afirmou que a 'ciência não pode se render aos leigos' e espera que o ministro Marcelo Queiroga tenha autonomia.

6 de maio de 2021