fbpx

sábado, 23 de janeiro de 2021

Balcão do Consumidor bate recorde em acordos no Morro da Liberdade

A empresa Amazonas Energia liderou o ranking de resolutividade, com mais de 60 acordos fechados.Entre os serviços mais demandados, estão a revisão e o parcelamento de dívidas.

19 de setembro de 2020

Compartilhe

A ação foi promovida pela Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas.

Realizada no bairro Morro da Liberdade, Zona Sul de Manaus, a 5ª edição do Balcão do Consumidor bateu recorde em número de acordos firmados.

A empresa Amazonas Energia liderou o ranking de resolutividade, com mais de 60 acordos fechados.

A ação promovida pela Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (CDC/Aleam) nesta sexta-feira (18), na antiga Feira do Cajual, contou a presença da Amazonas Energia e uma linha direta com a Águas do Amazonas.

Entre os serviços mais demandados, estão a revisão e o parcelamento de dívidas com prestadoras de serviços, cujos representantes promoveram facilidades na formalização de acordos conciliatórios.

Para o presidente da CDC/Aleam, deputado estadual João Luiz (Republicanos), a participação de representantes das prestadoras de serviços públicos, como Amazonas Energia e Águas de Manaus, assegura um atendimento mais específico e conciliatório ao consumidor e o reflexo disso é o alto índice de resolutividade.

“Apesar do alto número de reclamações, a direção da Amazonas Energia demonstra boa vontade em manter um relacionamento satisfatório com os clientes, uma vez que é a empresa que mais tem firmado acordos conciliatórios durante as edições do Balcão do Consumidor”, ressaltou o parlamentar.

Acordos

Entre os casos resolvidos durante o Balcão do Consumidor está a situação da dona de casa Benedita do Socorro, 57. Com contas de energia elétrica pendentes e sem saber como quitá-las, Benedita viu no Balcão a oportunidade para sanar o seu problema.

“Eu acumulei algumas contas de luz e ficou muito pesado para eu pagar. Fui atendida por um funcionário da Amazonas Energia, a quem expus minha situação. A empresa retirou todos os juros e parcelou a minha dívida. Assim, vou poder quitar o meu débito”, afirmou.

Quem também saiu do Balcão do Consumidor com o nome limpo foi a dona de casa Cristina Oliveira. A consumidora firmou um acordo com a empresa Águas de Manaus, com quem mantinha uma dívida de R$ 6 mil.

“Fui atendida pela empresa e obtive um desconto de 80% sobre o valor da minha dívida. Para fechar o acordo, dei uma entrada de R$ 100 e mais dez parcelas de R$ 110,33. É um valor que cabe no meu orçamento. Estou bem satisfeita”, concluiu.

Além da abertura de reclamações e realização de conciliações relacionadas a questões consumeristas, a equipe da CDC/Aleam também ofereceu serviços de assessoria jurídica referente a consumo

Veja mais notícias

Lista da SES tem 2402 profissionais que serão vacinados nesta fase

Os profissionais que atuam em UTIs e salas de emergência de dez unidades do Estado serão vacinados. Aqueles com mais de 60 anos e comorbidades comprovadas terão prioridade.

23 de janeiro de 2021

PGR recomenda e Wilson Lima diz que vai acatar medidas mais rígidas

O pedido é para que o Governo do Amazonas endureça as medidas de isolamento até que haja diminuição ou estabilização da curva de contaminação da covid-19.

22 de janeiro de 2021

Vereador pede que recursos do carnaval sejam destinados para saúde

Rodrigo Guedes é o autor da solicitação feita a Prefeitura de Manaus e ao Governo do Estado, para que os recursos sejam destinados à saúde da capital e do interior.

22 de janeiro de 2021

Rosemary Pinto, diretora da FVS-AM, é mais uma vítima da Covid

Profissional de referência no Amazonas, a epidemiologista foi uma dos principais nomes no combate ao vírus no estado. Ela estava internada desde o dia 8 de janeiro.

22 de janeiro de 2021

Secretários são multados em R$ 50 mil por crise na saúde do AM

Juíza cobrava regularização na distribuição de oxigênio nas unidades de saúde, a ampliação no número de leitos nos hospitais e a transparência no Plano de Imunização.

22 de janeiro de 2021

Audiência Pública discute criação de consórcio para compra de vacina

De acordo com a autora da proposta, deputada Dra. Mayara, o estado precisa ter independência para adquirir os imunizantes diretamente, sem a intermediação do Governo Federal.

22 de janeiro de 2021

Comitê aciona delegacia para investigar irregularidades na vacinação

Na solicitação, o Comitê de Combate à Corrupção pede que "em caso de comprovação, que sejam indicadas medidas administrativas e judiciais aos órgãos competentes".

22 de janeiro de 2021

Governo anuncia repasse do FTI para fortalecer combate à covid-19

Governo quer repassar R$ 100 milhões do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Estado (FTI) para o interior

22 de janeiro de 2021