fbpx

sábado, 23 de janeiro de 2021

Comissão discute ampliação do Centro Cirúrgico do Francisca Mendes

A equipe técnica da SES-AM informou que é necessário que haja mais investimentos oriundos do Estado, por meio da Lei Orçamentária Anual (LOA).

3 de setembro de 2020

Compartilhe

Foto: Divulgação

Durante a reunião virtual da Comissão de Saúde e Previdência (CSP), da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), realizada nesta quinta-feira (3), a representante da equipe técnica da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), Nayara de Oliveira Maksoud, afirmou que o quantitativo de procedimentos no Centro Cirúrgico do Hospital saltou de 29, em junho, para 82 no mês de agosto.

A técnica acrescentou que para o aumento da capacidade de atendimentos na rede hospitalar, é necessário que sejam acrescentados mais investimentos oriundos do Estado, por meio da Lei Orçamentária Anual (LOA) e, por isso, aguarda a aprovação dos departamentos de planejamento e de finanças da SES-AM do plano para a concessão mais recursos.

O encontro, presidido pela Deputada Mayara Pinheiro (Progressistas), reuniu representantes da Saúde do Estado, técnicos e órgãos públicos para discutir o andamento do processo de transformação do hospital em Fundação Pública.

Nayara Maksoud disse que a meta inicial era que a rede hospitalar realizasse 52 cirurgias por mês. No entanto, dentro do planejamento a médio prazo, o Hospital realizou 82 procedimentos cirúrgicos em agosto.

A equipe técnica estuda se serão necessários mais de R$ 2 milhões de investimento na LOA direcionados à rede hospitalar para o aumento desse quantitativo.

A técnica informou que, com os recursos e reformas necessárias, após abril de 2021 o Hospital Francisca Mendes vai poder ultrapassar o número de 82 cirurgias, atendendo cerca de 200 crianças que aguardam na fila.

“O plano a médio prazo inclui, já na LOA para o ano que vem, recurso de investimento para ampliação do segundo andar, reforma e equipamentos nas duas salas cirúrgicas que ainda não estão funcionando no Francisca Mendes. A reforma e o incremento de equipamentos para o ambulatório também estão nos planos”, disse.

O secretário de Estado de Saúde, Marcellus Campelo, afirmou que com a aprovação de Lei de Transparência da Fila, novos mecanismos serão implementados para que não ocorram fraudes na ordem das pessoas que aguardam os procedimentos.

O secretário informou que, em até 120 dias, um portal com todas as informações vai ser divulgado para que a população acompanhe os agendamentos na rede estadual.

Na ocasião, a promotora de Justiça do Ministério Público do Estado (MPAM), Silvana Nobre, sugeriu que o novo portal siga o portal da transparência Covid-19, criado pelo Governo do Estado.

Rescisão com a Unisol

A SES-AM depositou ao Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região a primeira parcela, no valor de R$ 1 milhão, no prazo convencionado, 27 de agosto. Marcellus Campêlo informou que o valor total da rescisão será divido em 14 parcelas.

O documento com o valor pode ser acessado no Portal da Transparência (https://bit.ly/3jLeMrU). A segunda parcela vencerá no fim do mês e as parcelas de quitação dos direitos trabalhistas devem ser pagas até setembro de 2021.

Presentes na Comissão

Durante a reunião, estiveram presentes a deputada Mayara Pinheiro (PP); Dra. Silvana Nobre – promotora de Justiça (MPAM); Dr. Arlindo Gonçalves – defensor público (DPE-AM); Dr. Thales Stein Schincariol – secretário capital (SES-AM); Dr. Marcellus Campelo – secretário de saúde (SES-AM); Dra. Kátia Couceiro – Presidente da Sociedade Cardiologia do AM; Dr. Ronaldo Camargo – Médico Cardio Pediatra;

Além deles, compareceram no encontro Nayara de Oliveira Maksoud – Representante da equipe técnica da SES-AM; Lucas Mendes dos Santos – Presidente da Associação de Crianças Cardiopatas – APAAC; Enfermeira Alessandra dos Santos – Diretora do Hospital Francisca Mendes; deputado Ricardo Nicolau (PSD) – vice-presidente da Comissão de Saúde; deputado Wilker Barreto (Pode) – membro efetivo da Comissão.

Reportagem: Izaías Godinho

Leia Mais:

Veja mais notícias

PGR recomenda e Wilson Lima diz que vai acatar medidas mais rígidas

O pedido é para que o Governo do Amazonas endureça as medidas de isolamento até que haja diminuição ou estabilização da curva de contaminação da covid-19.

22 de janeiro de 2021

Vereador pede que recursos do carnaval sejam destinados para saúde

Rodrigo Guedes é o autor da solicitação feita a Prefeitura de Manaus e ao Governo do Estado, para que os recursos sejam destinados à saúde da capital e do interior.

22 de janeiro de 2021

Rosemary Pinto, diretora da FVS-AM, é mais uma vítima da Covid

Profissional de referência no Amazonas, a epidemiologista foi uma dos principais nomes no combate ao vírus no estado. Ela estava internada desde o dia 8 de janeiro.

22 de janeiro de 2021

Secretários são multados em R$ 50 mil por crise na saúde do AM

Juíza cobrava regularização na distribuição de oxigênio nas unidades de saúde, a ampliação no número de leitos nos hospitais e a transparência no Plano de Imunização.

22 de janeiro de 2021

Audiência Pública discute criação de consórcio para compra de vacina

De acordo com a autora da proposta, deputada Dra. Mayara, o estado precisa ter independência para adquirir os imunizantes diretamente, sem a intermediação do Governo Federal.

22 de janeiro de 2021

Comitê aciona delegacia para investigar irregularidades na vacinação

Na solicitação, o Comitê de Combate à Corrupção pede que "em caso de comprovação, que sejam indicadas medidas administrativas e judiciais aos órgãos competentes".

22 de janeiro de 2021

Governo anuncia repasse do FTI para fortalecer combate à covid-19

Governo quer repassar R$ 100 milhões do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Estado (FTI) para o interior

22 de janeiro de 2021

Vereador Amom libera pré-inscrições para vagas no gabinete

As pré-inscrições estão sendo feitas de forma virtual onde, no site do vereador, o candidato realiza um cadastro. O edital completo será divulgado dia 31 de janeiro.

22 de janeiro de 2021