fbpx

sábado, 27 de novembro de 2021

Agora é lei: ingresso na PM até 35 anos e provas aplicadas em até 60 dias

Ainda pela manhã, após muitas discussões entre os deputados, os dois projetos de lei haviam sido retirados de pauta por falta de consenso no texto.

27 de outubro de 2021

Compartilhe

A galeria da Aleam ficou repleta de policiais que aguardavam desde o começo da manhã a votação do PL (Foto: João Onety/RealTime1)

Na tarde desta quarta-feira (27), a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou, por unanimidade, os projetos de lei nº. 470/2021, que trata da alteração da idade máxima para o ingresso na Polícia Militar (PM) de 28 para 35 anos, e o de nº 471/2021, que estabelece normais gerais para realização de concursos públicos, dentre elas a redução de 90 para 30 dias entre o edital e a primeira prova.

O limite de idade para quem quiser ingressar na Polícia Militar e Corpo de Bombeiros passará de 28 para 35 anos e a escolaridade que, hoje, é de nível médio para os praças e nível superior para qualquer área destinada aos oficiais, a partir de 2023 será de nível superior para os praças e bacharelado no curso de Direito para os oficiais.

No próximo concurso da PM, mulheres terão a garantia mínima de 10% das vagas. Os praças que estão na Polícia Militar poderão fazer o concurso para oficial.

Já o prazo entre os editais e primeira prova dos concursos públicos será reduzido de 90 para 60 dias e não para 30 dias como sugeria o projeto original.

Policial comemora

O cabo da Polícia Militar, Walfran de Lima, comemorou a aprovação da lei que vai permitir que um número maior de pessoas possam concorrer a uma vaga, já que não será exclusivo para bacharéis em Direito.

“A aprovação para que o ingresso na Polícia Militar, com ensino superior em qualquer curso, tanto para oficiais quanto para praças, é um sonho, é um clamor que há muito tempo a tropa queria”, disse o cabo, enfatizando que estas decisões irão refletir na melhoria do serviço ofertado à população.

“A questão da prestação de serviço do policial militar será muito melhor do que hoje. Um policial muito mais preparado e capacitado para ajudar a sociedade amazonense”, destacou o PM.

Projetos foram recolocados na pauta

Ainda pela manhã, após muitas discussões entre os deputados, os dois projetos de lei haviam sido retirados de pauta por falta de consenso no texto. Essa foi a segunda vez que os PL’s saíram da votação.

Na última quarta-feira (20), o líder do governo na Aleam, deputado Felipe Souza (Patriota) pediu a retirada dos mesmos para que os parlamentares pudessem afinar o entendimento sobre a matéria.

Texto: João Luiz Onety

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Coari: Justiça libera entrega de cartões do Auxílio Estadual e cestas básicas

No último dia 20, populares se revoltaram com o ex-prefeito de Coari, Adail Filho, após a juíza da eleição suplementar, Mônica do Carmo, ter proibido a entrega dos cartões.

26 de novembro de 2021

‘Dinheiro pro espaço’: Aleam compra direito de uso em satélite

Mesmo diante de uma grave crise econômica, o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Roberto Cidade não tem feito esforços para poupar o erário público.

26 de novembro de 2021

Plínio vota em Eduardo Leite e descarta Arthur Neto nas prévias do PSDB

'Manda quem tem mandato. E eu tenho', diz Plínio sobre disputa com Arthur. Avalia disputar a eleição para o Governo, mas não conta com a garantia de apoio do ex-prefeito.

26 de novembro de 2021

Prefeito reúne secretariado para alinhar estratégias econômicas para 2022

Entre os projetos está a construção de seis viadutos; o Mirante da Ilha de São Vicente; o Mirante “Encontro das Águas” Rosa Almeida; e a reforma de paradas de ônibus.

26 de novembro de 2021

Candidato à presidência pelo PSDB deve ser revelado neste sábado

Após cinco dias de suspensão por conta de problemas no aplicativo de votação, o PSDB vai retomar suas prévias presidenciais a partir deste sábado (27), das 8h às 17h.

26 de novembro de 2021

Lula diz que Bolsonaro segue sendo o maior aliado do coronavírus no país

Ex-presidente responsabiliza atual governante por manter fronteiras abertas mesmo com novas variantes detectadas. Hoje, a Anvisa recomendou algumas restrições para viajantes.

26 de novembro de 2021

Texto que institui Auxílio Brasil será analisado pelo Senado Federal

A manutenção da famílias beneficiárias dependerá, no mínimo, do cumprimento de algumas condições relativas à realização do pré-natal, calendário de vacinação e entre outras.

26 de novembro de 2021

Teste do pezinho é ampliado e passa a detectar até 53 doenças no bebê

O projeto aprovado pelo Senado Federal ampliou o alcance do exame, detectando até doenças raras e que só podem ser descobertas após testes na rede particular de saúde.

26 de novembro de 2021