fbpx

sábado, 08 de maio de 2021

Serviços de drive-thru do Detran Amazonas têm prevenção contra Covid

Com 19 mil habilitações para entregar, o Detran-AM reiniciou o serviço de drive-thru para fazer as CNHs chegar às mãos de seus usuários.

12 de março de 2021

Compartilhe

Cuidados com prevenção à Covid são tomados na entrega de CNH (Foto: Divulgação)

O Departamento de Trânsito do Estado do Amazonas (Detran-AM) iniciou na quinta-feira (11) o serviço de entrega da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) através do sistema drive-thru para condutores da capital amazonense que já haviam solicitado a emissão do documento.

A ação reforça os cuidados que o Governo do Amazonas tem tido, junto ao órgão, para a retomada dos serviços de maneira segura, evitando a disseminação da Covid-19.

As entregas ocorrem na antiga sede do Detran, localizada na avenida Mário Ypiranga Monteiro, logo após o Viaduto Miguel Arraes, zona Centro-Sul de Manaus, atendendo a todas as recomendações sanitárias. Inicialmente, o serviço ocorre de segunda a sexta, das 9h às 15h, mediante agendamento prévio no site da instituição.

De acordo com o diretor-presidente do Detran, Rodrigo de Sá, o órgão vem ampliando os atendimentos virtuais durante a pandemia, porém a ação de entrega da CNH pelo drive-thru surgiu com o intuito de atender também uma parcela da população ainda não familiarizada com o meio digital, sem que haja exposição ao vírus.

Entrega de 19 mil habilitações

A expectativa do Detran com a ação é escoar cerca de 19 mil habilitações que estavam retidas na instituição desde a suspensão dos serviços presenciais. Para realizar a retirada por meio do serviço de drive-thru, é necessário que os interessados realizem um agendamento online.

Neste primeiro momento, foram abertas 216 vagas para atendimento por dia, que já foram preenchidas até a próxima sexta-feira (19). Segundo o diretor-técnico do Detran, Amurinê Thomaz, a previsão é de que novos agendamentos possam ser realizados a partir da próxima semana.

“Nós ontem abrimos a nossa agenda e, num tempo recorde, nós saturamos todos os horários disponibilizados até a próxima sexta-feira. Com isso a gente está, nesse momento, analisando a fluidez, analisando uma série de situações para, a partir da segunda ou terça-feira, ampliar, aumentar a hora de entrega, criando assim novas vagas para serem disponibilizadas”, explica o diretor-técnico.

Leia mais:

Leia mais sobre a Pandemia

Governadores pedem à Anvisa nova análise da vacina Sputnik V

Representante da União Química, Fernando Marques, responsável pelo imunizante russo no país, disse que apresentará novo pedido de uso emergencial de mais 10 milhões de doses.

7 de maio de 2021

Primeira semana de maio tem 37 óbitos por Covid-19 no Amazonas

A FVS tem destacado que os números vêm caindo em todo o estado, mas frisa que as medidas de proteção contra a Covid devem continuar, inclusive para quem recebeu a vacinação.

7 de maio de 2021

Covid-19: mortes seguem caindo lentamente, mas casos voltam a subir

No período de 25 de abril a 1º de maio, foram registrados 16.945 óbitos, enquanto na semana anterior foram contabilizadas 17.814 mortes para a doença, segundo dados do MS.

7 de maio de 2021

Queiroga quer fiscalizar recursos repassados aos estados na pandemia

A portaria publicada pelo ministro vem após Jair Bolsonaro reforçar a narrativa de que governadores têm utilizado recurso para enfrentamento da Covid-19 para outras áreas.

7 de maio de 2021

Fiocruz prevê produção de insumos da vacina contra Covid para junho

A produção do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) leva cerca de 45 dias, mas os insumos ainda precisarão passar por etapas regulatórias e de testes.

7 de maio de 2021

‘Queima de arquivo’: recomendação para uso de cloroquina é tirada do ar

Após 337 dias no ar e com CPI acontecendo no Senado, Ministério da Saúde apagou recomendação para uso de cloroquina em casos leves, moderados e graves de Covid-19.

7 de maio de 2021

Aplicação da 1ª dose será retomada em Manaus ; confira o calendário

A partir deste sábado (8), a Semsa volta a aplicar a primeira dose do imunizantes nas pessoas com idade entre 18 e 59, que possuam algum tipo de comorbidade.

7 de maio de 2021

Estudo mostra que máscaras de algodão têm eficiência de 20% a 60

Pesquisadores da USP mediram a eficiência de filtração de aproximadamente 300 máscaras faciais. A de algodão é a mais comumente usada pela população.

7 de maio de 2021