fbpx

terça, 25 de janeiro de 2022

‘Queima de arquivo’: recomendação para uso de cloroquina é tirada do ar

Após 337 dias no ar e com CPI acontecendo no Senado, Ministério da Saúde apagou recomendação para uso de cloroquina em casos leves, moderados e graves de Covid-19.

7 de maio de 2021

Compartilhe

Negacionista, o presidente foi um fervoroso defensor do medicamento (Foto: Reprodução)

Durante 337 dias, entre 20 de maio de 2020 e 22 de abril de 2021, o Ministério da Saúde manteve no ar, contra evidências científicas e pedido formal do Conselho Nacional de Saúde, recomendação para uso de cloroquina em casos leves, moderados e graves de Covid-19. O documento foi apagado no portal do ministério ainda às vésperas da instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado. Veja abaixo:

Segundo a reportagem da UOL, o sumiço da recomendação ao uso de cloroquina ocorreu depois de uma reunião na Casa Civil da Presidência e de uma lista de 23 questões sobre o enfrentamento da pandemia a que os ministérios deveriam responder e que, dentre os itens da lista, a promoção do tratamento precoce sem evidência científica também seria abordado.

O documento, que estava designada como uma nota informativa de nº 17/2020, datada do dia 30 de julho do ano passado, foi removida do site do MS no dia 22 de abril deste ano. O link que dava acesso ao documento era acessado a partir deste endereço: https://www.gov.br/saude/pt-br/media/pdf/2021/marco/08/covid-05mar2021-11h37.pdf

Edição da nota informativa

Com o título “Orientações do Ministério da Saúde para o manuseio medicamentoso precoce de pacientes com diagnóstico da Covid-19”, o documento amplia a orientação de prescrição de difosfato de cloroquina e de sulfato de hidroxicloroquina para pacientes grávidas. A nota, de 40 páginas, afirma levar em consideração “a larga experiência” do uso da cloroquina e da hidroxicloroquina no tratamento de outras doenças infecciosas e de doenças crônicas do SUS e a “inexistência, até o momento, de outro tratamento eficaz disponível para a Covid-19”. A administração da cloroquina deveria ser combinada com a do antibiótico azitromicina desde a apresentação de sintomas leves pelos pacientes, recomendava o documento.

 A nota informativa no 17 substituiu outras duas, de números 9 e 11, editadas em 20 de maio e 17 de junho de 2020. Ou seja, foram editadas entre a demissão do então ministro Nelson Teich, no dia 15 de maio, e a posse do general Eduardo Pazuello, em 16 de setembro, período em que Pazuello respondeu interinamente pelo comando do Ministério da Saúde.

As edições também continham orientações semelhantes para o uso de cloroquina. Desde a primeira versão, as notas são acompanhadas por termos de consentimento a serem assinados pelos pacientes. Eles deveriam concordar com o uso dos medicamentos sabendo não haver garantia de resultados positivos contra a Covid-19 e dos riscos de efeitos colaterais.

Ainda de acordo com a reportagem do UOL, o Ministério alegou que a nota foi removida para que houvesse uma atualização, mas não deu prazo para que estivesse liberada para acesso público no site.

Da Redação, com informações do UOL

Leia Mais:

Leia mais sobre a Pandemia

Aeroporto Eduardo Gomes é o que mais detecta passageiros com Covid-19

As testagens no aeroporto iniciaram em 31 de maio e já somam 11.895 exames de diagnóstico de Covid-19, realizados por testes de antígeno e RT-PCR.

13 de agosto de 2021

Iranduba é o 1º município do interior a vacinar população de 12 a 17 anos

Foram enviadas para o município 1.170 doses do imunizante da Pfizer/BioNtech (Comirnaty). Nesta sexta-feira (13) também inicia a vacinação dos adolescentes na capital.

13 de agosto de 2021

Internada com Covid-19, paciente cola grau no Hospital Delphina Aziz

Daiana Pimenta teve a oportunidade de participar da tão sonhada colação de grau de maneira virtual, graças ao projeto Chamada do Bem. Amigos desejaram força à paciente.

12 de agosto de 2021

Início da vacinação contra Covid em adolescentes terá 44 postos em Manaus

Campanha para este público inicia sexta (13), para quem tem comorbidade, gestantes e puérperas. Os demais jovens incluídos nesta faixa etária devem se vacinar no sábado (14).

11 de agosto de 2021

Profissionais da Educação começam a tomar 2ª dose da vacina contra Covid-19

A ação visa o retorno seguro das atividades 100% presenciais, anunciado para os dias 23 de agosto, em Manaus, e 8 de setembro, no interior.

11 de agosto de 2021

Fiocruz: ocupação de UTIs de covid-19 chega ao melhor nível desde 2020

Hoje, a ocupação em Manaus é de 54%. O Brasil chegou a ter 25 capitais com mais de 80% da ocupação dos leitos, em 15 de março, quando a pandemia estava no pior momento.

11 de agosto de 2021

OMS vai testar três medicamentos para doentes hospitalizados com Covid

Na nova fase dos ensaios clínicos estão envolvidos cerca de 600 hospitais nos 52 países participantes, mais 16 países do que na fase inicial.

11 de agosto de 2021

‘Nova variante pode surgir em grupo de não vacinados’, alerta Anoar Samad

"Você que não se vacinou pense nas pessoas que você ama e estão do seu lado, porque você pode ser o ‘criadouro’ de novas cepas”, afirma o secretário de saúde, Anoar Samad.

11 de agosto de 2021