fbpx

sexta, 25 de junho de 2021

Mesmo sem novas doses, Prefeitura abre cadastro para educadores e PcDs

Por meio do site Imuniza Manaus, a Prefeitura de Manaus já está cadastrando estes grupos, mas ainda não há previsão para que Semsa retome aplicação da D1.

5 de maio de 2021

Compartilhe

PcDs podem se cadastrar para receber o imunizante contra a Covid (Foto: Reprodução)

Mesmo sem a previsão de quando será retomada a aplicação da primeira dose (D1) da vacinação contra a Covid-19 nos grupos prioritários já em curso no Plano Nacional de Imunização (PNI), a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) já abriu o cadastro no Imuniza Manaus para que os trabalhadores da Educação, gestantes ou puérperas e Pessoas com Deficiência (PcDs) possam esperar pelo agendamento da D1.

Segundo a Prefeitura de Manaus, estes grupos, exceto as gestantes e puérperas, devem começar a ser imunizados conforme o envio de novas remessas de vacina para o município. As mulheres que estão grávidas ou acabaram de dar à luz vão ser vacinadas com a Pfizer, recém-chegada a capital amazonense.

Quem pode se cadastrar

Estão contemplados na categoria trabalhadores da educação os professores e demais servidores que atuam no ensino básico (creches, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizante e de jovens e adultos) e os que atuam no ensino superior. Já as pessoas com deficiência permanente são, de acordo com o Ministério da saúde, as que têm impedimento físico, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo, que representam barreiras para a participação na sociedade em condições de igualdade com as demais pessoas.

Apenas na rede municipal, de acordo com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), existem 16.019 servidores, dos quais 13.320, professores. Do total, aproximadamente 5 mil já foram vacinados por se enquadrarem nos grupos anteriores da campanha (de idosos ou de comorbidades) ou por terem participado do estudo Covac-Manaus. Das redes estadual, federal e particular, a Semsa ainda não recebeu as estimativas oficiais, mas os dados do Imuniza irão ajudar a identificar o tamanho dessa população na capital.

Para as pessoas com deficiência permanente, a estimativa é de 26 mil pessoas e de acordo com a chefe da Divisão de Imunização da Semsa, para elaborar o plano de vacinação desse grupo, a Secretaria contou com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, que orientou quanto a prioridades e necessidades.

Acesso

Para fazer o cadastro, o usuário deve acessar o http://imuniza.manaus.am.gov.br/, escolher o  botão “Cadastro de Cidadão”, depois escolher a opção correspondente ao grupo (trabalhador da educação ou pessoa com deficiência) e informar os dados solicitados, o que inclui os documentos de identificação, endereço e contatos.

Para os trabalhadores da educação, o sistema vai solicitar a informação sobre a natureza da instituição (se pública municipal, estadual, federal ou particular) e o sobre o nível de ensino onde o usuário atua (básico ou superior).

Para as pessoas com deficiência será solicitado que informem o tipo de deficiência: auditiva, física, intelectual (inclusive autismo), mental, múltiplas, nanismo, ostomia e visual. Esses dados são necessários para o envio de dados aos sistemas nacionais de registro da vacinação contra a Covid-19.

Gestantes e puérperas

Com a atualização do plano nacional de vacinação, na semana passada, este grupo passou a compor um grupo prioritário específico e em Manaus, devem começar a ser vacinadas com a vacina da Pfizer/Biontech, já recebidas pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS). A prioridade serão as que têm comorbidades, o que representa 15% (4,2 mil) do total estimado de 28,4 mil gestantes e puérperas em Manaus.

A previsão é de que a vacinação deste grupo comece na próxima semana.

Da Redação, com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre a Pandemia

Quase 80 mil estão com a 2ª dose da vacina contra Covid em atraso no AM

Em todo o Amazonas, segundo a FVS-AM, são 79.290 pessoas que não voltaram para receber a segunda dose da vacina e, assim, garantir a eficácia esperada pelas farmacêuticas.

24 de junho de 2021

Amazonas recebe 106 mil doses de vacinas, incluindo 1º lote da Janssen

A vacina Janssen, da fabricante Johnson & Johnson, é a novidade desta remessa, que também tem doses da CoronaVac e da Pfizer.

24 de junho de 2021

Terça tem vacinação 24h para público com 30 anos, anuncia governador

Equipes de imunizadores vão estar nos postos da Prefeitura, no Vasco Vasques e no Sambódromo a partir das 18h de terça-feira e ficarão à disposição até às 18h de quarta.

24 de junho de 2021

Vacinação é ampliada e público de 33 anos já pode ir aos postos de Manaus

Prefeito David Almeida (Avante) anunciou que os pontos de vacinação na capital receberão pessoas a partir de 33 anos, nesta quinta-feira (24), para receberem a primeira dose.

24 de junho de 2021

Covid: taxa de ocupação na UTI cai, mas situação do país ainda preocupa

Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), 14 estados e o Distrito Federal ainda têm ocupação superior a 80%, valor considerado crítico.

24 de junho de 2021

Segunda dose da CoronaVac é aplicada exclusivamente no Parque do Idoso

A população que recebeu este tipo de imunizante na primeira ida a um dos postos de vacinação de Manaus, agora, deve se dirigir ao novo ponto definido pela Semsa.

24 de junho de 2021

Novo lote com 300 mil doses da vacina da Janssen chega ao Brasil

Até setembro, 160 milhões de brasileiros devem receber uma dose de esperança no braço”, disse o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

24 de junho de 2021

EUA doam 3 milhões de doses da vacina da Janssen para o Brasil

Lote será recebido na sexta-feira (25) pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e um representante da embaixada norte-americana, no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

23 de junho de 2021