fbpx

sexta, 07 de maio de 2021

Imunizados contra a Covid-19 podem doar sangue após 2 ou 7 dias

A justificativa, segundo especialistas, se dá pelo fato de que cada imunizante utiliza diferentes métodos em sua elaboração e isso influencia na adaptação ao organismo.

28 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Se uma pessoa foi vacinada contra a Covid-19 e quer voltar a doar sangue, ela deve ficar atenta ao tipo de imunizante que recebeu. É exatamente o tipo da vacina que determina o tempo de retorno dos doadores aos postos de coleta de sangue dos Estados.

A depender de cada fabricante, os prazos podem variar entre 48 horas e 7 dias. Porém, é o mesmo tanto para quem recebeu a primeira dose, quanto para os que já receberam até a segunda.

A justificativa, segundo alguns especialistas, se dá pelo fato de que cada imunizante utiliza diferentes métodos em sua elaboração e isso influencia na sua adaptação ao organismo humano.

Dois ou sete dias?

No Amazonas, como em todo o território brasileiro, por enquanto há apenas dois tipos de vacinas disponíveis para a população: Astrazeneca e Coronavac.

Para quem recebeu a dose da Coronavac, primeira vacina a ter o uso emergencial autorizado pela Anvisa no Brasil, o prazo para doar sangue é de 48h. Já para a Astrazeneca, o período de espera é mais longo: sete dias.

Compradas pelo Governo Federal nessa quinta-feira (25), a vacina indiana Covaxin  também tem a espera de 48h para que a pessoa volte a doar sangue.

Texto: Rosianne Couto

Leia mais:

Leia mais sobre a Pandemia

Governadores pedem à Anvisa nova análise da vacina Sputnik V

Representante da União Química, Fernando Marques, responsável pelo imunizante russo no país, disse que apresentará novo pedido de uso emergencial de mais 10 milhões de doses.

7 de maio de 2021

Primeira semana de maio tem 37 óbitos por Covid-19 no Amazonas

A FVS tem destacado que os números vêm caindo em todo o estado, mas frisa que as medidas de proteção contra a Covid devem continuar, inclusive para quem recebeu a vacinação.

7 de maio de 2021

Covid-19: mortes seguem caindo lentamente, mas casos voltam a subir

No período de 25 de abril a 1º de maio, foram registrados 16.945 óbitos, enquanto na semana anterior foram contabilizadas 17.814 mortes para a doença, segundo dados do MS.

7 de maio de 2021

Queiroga quer fiscalizar recursos repassados aos estados na pandemia

A portaria publicada pelo ministro vem após Jair Bolsonaro reforçar a narrativa de que governadores têm utilizado recurso para enfrentamento da Covid-19 para outras áreas.

7 de maio de 2021

Fiocruz prevê produção de insumos da vacina contra Covid para junho

A produção do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) leva cerca de 45 dias, mas os insumos ainda precisarão passar por etapas regulatórias e de testes.

7 de maio de 2021

‘Queima de arquivo’: recomendação para uso de cloroquina é tirada do ar

Após 337 dias no ar e com CPI acontecendo no Senado, Ministério da Saúde apagou recomendação para uso de cloroquina em casos leves, moderados e graves de Covid-19.

7 de maio de 2021

Aplicação da 1ª dose será retomada em Manaus ; confira o calendário

A partir deste sábado (8), a Semsa volta a aplicar a primeira dose do imunizantes nas pessoas com idade entre 18 e 59, que possuam algum tipo de comorbidade.

7 de maio de 2021

Estudo mostra que máscaras de algodão têm eficiência de 20% a 60

Pesquisadores da USP mediram a eficiência de filtração de aproximadamente 300 máscaras faciais. A de algodão é a mais comumente usada pela população.

7 de maio de 2021