fbpx

domingo, 16 de maio de 2021

Grupo lança #AbrilPelaVida na tentativa de reverter cenário pandêmico

Especialistas divulgam medidas que, se colocadas em prática por três semanas, podem evitar a morte de 22 mil pessoas, além de impedir que o sistema de saúde entre em colapso.

6 de abril de 2021

Compartilhe

Até esta terça, mais de 48 mil pessoas assinaram a carta dos especialistas (Foto: Reprodução)

Um grupo de especialistas enviou uma carta aberta  endereçada ao presidente Jair Bolsonaro, aos governadores e aos prefeitos. O conteúdo do documento refere-se à defesa de um lockdown em todo o país de três semanas para salvar 22 mil vidas no mês abril.

A carta aberta, assinada por mais de 30 cientistas, pesquisadores e economistas, defende a adoção de um conjunto de medidas com recomendações para conter o avanço da Covid-19 no Brasil. Todo o conteúdo pode ser lido AQUI.

Após a divulgação da carta, os pesquisadores lançaram a campanha “Abril pela vida” para pedir que brasileiros assinem o apoio virtual à carta. Os interessados em assinar a petição, podem clicar no seguinte link: https://abrilpelavida.org/#o-movimento.

“O movimento #AbrilpelaVida convida os governos federal, estaduais e municipais a adotarem a medida, que deve vir acompanhada de auxílio emergencial, para garantir que o máximo de pessoas possam ficar em casa em segurança”, diz um dos textos de divulgação do movimento. 

De acordo com a carta, a adesão dos governantes pode poupar 22 mil vidas, registrar a queda da atual média móvel de óbitos para menos de mil mortes por dia, neutralizar as perdas econômicas do lockdown, diminuir a sobrecarga no SUS e proteger contra mutações e novas variantes do vírus.

Até a publicação desta reportagem, um total de 48.245 pessoas haviam assinado a carta dos especialistas.

Texto: Rosianne Couto

Leia Mais:

Leia mais sobre a Pandemia

Parecer da Saúde contraindica cloroquina e ‘kit Covid’ aos pacientes

O parecer, segundo a Folha, foi feito por um grupo técnico formado na gestão do atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e coordenado pelo professor Carlos Carvalho, da USP

16 de maio de 2021

Queiroga diz que ministério estuda campanha de testagem contra Covid

Marcelo Queiroga informou neste domingo que o Ministério da Saúde estuda ampla campanha de testagem da população brasileira para o novo coronavírus, causador da Covid-19.

16 de maio de 2021

Governo proibe entrada de estrangeiros por medo de variantes

Voos com origem ou passagem pela Índia, pelo Reino Unido, pela Irlanda do Norte e pela África do Sul não poderão desembarcar seus passageiros no Brasil.

15 de maio de 2021

‘Operação Vida’ encerra com retorno de última paciente ao seu estado

A paciente transferida, de 58 anos, retornou à capital após 55 dias internada em uma unidade de saúde em Santa Maria, município do Rio Grande do Sul.

15 de maio de 2021

Semsa faz repescagem na vacinação para pessoas com comorbidades amanhã

No vacinômetro, as cinco maiores comorbidades na faixa de 18 a 59 anos vacinados são diabetes mellitus, hipertensão, obesidade, imunossuprimidas e doenças cardiovasculares.

14 de maio de 2021

Documento enviado à CPI atesta perda de 2,3 milhões de testes da Covid-19

Um documento enviado pelo Ministério Público Federal à CPI da Covid confirma que o Ministério da Saúde deve perder os testes porque chegaram na data de vencimento.

14 de maio de 2021

Com baixa na ocupação dos leitos, rede hospitalar do AM será readequada

Com recuo de 88% nas internações de pacientes nas unidades de saúde do Estado, uma das primeiras medidas foi anunciar que o Delphina Aziz, deixa de ser exclusivo para Covid.

14 de maio de 2021

Em novo decreto de Wilson Lima, shoppings ganham mais 3h aos domingos

Também para o domingo, bares e restaurantes tiveram ampliação no horário de funcionamento e vão poder fechar às 22h; proibição de circulação segue de 0h às 6h.

14 de maio de 2021