fbpx

terça, 15 de junho de 2021

Governadores pedem à Anvisa nova análise da vacina Sputnik V

Representante da União Química, Fernando Marques, responsável pelo imunizante russo no país, disse que apresentará novo pedido de uso emergencial de mais 10 milhões de doses.

7 de maio de 2021

Compartilhe

Comissão Temporária da Covid-19 do Senado debate aquisição de vacinas (Foto: Reuters)

A diretora da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Meiruze Freitas minimizou hoje (7), em Brasília, o conflito entre a agência e governadores de estados que já adquiriram mais de 66 milhões de doses da vacina Sputnik V, produzida pelo Instituto Gamaleya, da Rússia. No dia 26 de abril,  a Anvisa negou a autorização para a importação e o uso emergencial do imunizante russo.

“A Anvisa está sempre aberta ao diálogo. Ainda há processos em discussão, inclusive, com os importadores”, disse Meiruze em audiência pública da Comissão Temporária da Covid-19 do Senado, que debateu a aquisição de vacinas pelo Brasil.

Aos senadores, o relator da matéria sobre a importação da Sputnik V na Anvisa, Alex Campos, lembrou que a agência trabalha com modalidade regulatória excepcional para vacinas com um rito mais acelerado. 

Apesar disso, especificamente sobre o imunizante russo, Campos destacou que não foi apresentado relatório técnico da vacina à Anvisa, que notificou todos os importadores, enviando expediente para 62 países que aprovaram o uso emergencial da Sputnik para saber os motivos das aprovações. A garantia da eficácia, segurança e qualidade, indispensáveis ao processo, também não foi  apresentada à agência.

Governadores

Durante a audiência, o representante do Consórcio Nordeste e governador do Piauí, Wellington Dias, atribuiu o não cumprimento do plano estratégico de vacinação, elaborado pelos estados em 2020, a não aprovação do imunizante pela agência. O plano previa que, em 30 de abril deste ano, pelo menos 25% da população brasileira estariam vacinados.

“Estou aqui tratando, em nome das 27 unidades da Federação. Nós trabalhamos um plano estratégico, e o fato é que o plano furou. E quando um plano fura, ele tem efeitos. No caso do Brasil, uma tragédia”, disse.

Novo pedido

Também convidado para a discussão, o representante da União Química, Fernando Marques, responsável pelo imunizante russo no país  e por enviar os dados de eficácia e segurança da vacina para a Anvisa, disse que a farmacêutica vai apresentar um novo pedido para uso emergencial de mais dez milhões de doses da Sputnik V. 

“Já que não perdemos esses dez milhões [de doses] que não pudemos importar no primeiro trimestre, conseguimos dez milhões com o governo russo embarcando de lá. Ao mesmo tempo, o nosso processo industrial está caminhando. Os nossos técnicos estiveram em Moscou, os técnicos russos estiveram aqui, tivemos reuniões no Ministério da Saúde com os executivos russos, lá com o Programa Nacional de Imunização (PIN), eles esclareceram, fizeram as exposições, e nós demos seguimento ao nosso processo industrial, com vistas a cumprir o nosso contrato com o fundo soberano russo de produção da vacina para o Brasil e para demais países da América Latina” afirmou.

Fonte: Agência Brasil

Leia Mais:

Leia mais sobre a Pandemia

Auxílio estadual para profissionais do turismo vai ser pago em junho

A previsão da Amazonastur é que neste mês saia a primeira parcela de R$ 600 que contemplará, aproximadamente, 13 mil pessoas que trabalham no setor turístico no Estado.

14 de junho de 2021

Não deixe de tomar a 2ª dose da vacina contra Covid; entenda o porquê

Médicos alertam que, sem a dose de reforço, as vacinas Coronavac, AstraZeneca e Pfizer podem perder completamente o poder de imunização.

14 de junho de 2021

Governo e Prefeitura fazem sua parte, mas muita gente não aproveitou

A "ação conjunta" realizada no fim de semana com o viradão da vacinação foi um sucesso, mas cerca de 50% da população acima de 40 anos ainda não foi se vacinar.

14 de junho de 2021

Prefeitura suspende imunização em Manaus nesta segunda-feira

Em nota a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informou que a parada será necessária para realizar a consolidação dos dados recebidos ao longo do 'Viradão' da vacina.

13 de junho de 2021

‘Viradão’ da vacina encerra com mais de 135 mil manauaras imunizados

Quem não conseguiu comparecer aos postos ao longo da mobilização do fim de semana, poderá garantir as doses das vacinas durante a imunização de outros grupos.

13 de junho de 2021

Manauaras ganham mais uma hora para garantir a vacina contra Covid-19

Governo e Prefeitura prorrogaram em mais uma hora a vacinação para o público-alvo, deste domingo. Agora os cidadãos com mais de 40 anos tem até às 18h para garantir a vacina.

13 de junho de 2021

Em 24 horas número de vacinados em Manaus cresceu em mais de 68 mil

O 'Viradão' da vacina correu a madrugada, no formato drive-thru. Neste domingo a campanha irá vacinar os manauaras acima de acima dos 40 anos em 57 postos na cidade.

13 de junho de 2021

Saiba quais os pontos do ‘viradão’ da vacina com menos espera no ‘filômetro’

Para evitar longas filas neste domingo (13) nos pontos de vacinação na cidade, a Prefeitura de Manaus disponibiliza uma plataforma que indica locais com menos espera.

13 de junho de 2021