fbpx

domingo, 09 de maio de 2021

Fim de auxílio emergencial provoca recorde de saques da poupança

Em janeiro, investidores retiraram R$ 18,15 bilhões a mais do que depositaram na caderneta de poupança. Resultado é o maior registrado desde o início da série, em 1995.

4 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Saques superaram depósitos em R$ 18.1 bilhões no mês passado (Foto: Reprodução)

Em janeiro, os investidores retiraram R$ 18,15 bilhões a mais do que depositaram na caderneta de poupança, informou nesta quinta-feira (4) o Banco Central (BC).

O resultado é o maior registrado para todos os meses desde o início da série histórica, em 1995. Em janeiro do ano passado, os brasileiros tinham sacado R$ 12,36 bilhões a mais do que tinham depositado.

Tradicionalmente, o primeiro mês do ano é marcado por retiradas expressivas de recursos da caderneta de poupança.

O pagamento de impostos e despesas como material escolar e parcelamentos das compras de Natal impactam as contas dos brasileiros no início de cada ano.

No ano passado, a poupança tinha captado R$ 166,31 bilhões em recursos, o maior valor anual da série histórica.

O pagamento do auxílio emergencial e as instabilidades no mercado de títulos públicos nas fases mais agudas da pandemia de covid-19 atraíram o interesse na poupança, mesmo com a aplicação rendendo menos que a inflação.

Rendimento

Com rendimento de 70% da Taxa Selic (juros básicos da economia), a poupança rendeu apenas 1,97% nos 12 meses terminados em janeiro, segundo o Banco Central.

No mesmo período, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), considerado prévia da inflação, atingiu 4,23%.

O IPCA cheio de janeiro será divulgado na próxima terça-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A perda de rendimento da poupança está atrelada a dois fatores. O primeiro foram as recentes reduções da taxa Selic (juros básicos da economia) para o menor nível da história. Atualmente a taxa está em 2% ao ano.

O segundo foi a alta nos preços dos alimentos, que impactou a inflação no segundo semestre do ano passado.

Para este ano, o boletim Focus, pesquisa com instituições financeiras divulgada pelo Banco Central, prevê inflação oficial de 3,53% pelo IPCA. Com a atual fórmula, a poupança renderá 1,4% este ano, caso a Selic de 2% ao ano fique em vigor durante todo o ano.

O rendimento pode ser um pouco maior caso o Banco Central aumente a taxa Selic nas próximas reuniões do Comitê de Política Monetária (Copom).

Fonte: Agência Brasil

Leia mais:

Leia mais sobre Negócios

Governo promove atendimento do Crédito Solidário em Itamarati e Pauini

Serão disponibilizados R$ 200 mil em recursos para cada município, totalizando R$ 400 mil. O atendimento nas duas cidades será realizado das 8h30 ao meio-dia.

9 de maio de 2021

Custo da cesta básica aumenta em 15 capitais em abril, aponta Dieese

No acumulado dos quatro meses de 2021, as capitais com as maiores altas foram Curitiba (8%), Natal (4,24%), Aracaju (3,64%), João Pessoa (3,13%) e Florianópolis (3,08%).

8 de maio de 2021

Imposto de Renda: 14 milhões de pessoas ainda não enviaram declaração

Segundo a Receita Federal, número representa 56% do total de Declarações previstas para serem entregues neste ano. Prazo de entrega vai até as 23h59min59s de 31 de maio.

8 de maio de 2021

Infovia subfluvial vai levar internet ao Norte, por rios da Amazônia

Estão previstos mais de 10 mil Km de cabo de fibra óptica, o suficiente para cobrir a distância de 100 mil campos de futebol. Primeira infovia ligará Santarém a Macapá.

8 de maio de 2021

Cheia pode afetar desembarque em portos, afirma Sindarma

Apesar de o aumento no nível das águas proporcionar maior segurança durante o transporte, cheia pode prejudicar a atracação das balsas nos portos e atrasar o desembarque.

8 de maio de 2021

Produção de veículos automotores sobe no mês abril 3,8% frente a março

Este é o primeiro aumento após três quedas. No acumulado do ano, a produção de veículos cresceu em 34,2%, demonstrando uma recuperação do setor em relação ao ano anterior.

7 de maio de 2021

Wilson e David: empresários falam sobre prorrogação de incentivos fiscais à ZFM

Objetivo do governador é dar segurança jurídica às empresas e atrair novos investimentos para o PIM. Além de simplificar alguns trechos da norma atual, que vale até 2023.

7 de maio de 2021

De vilão a ‘santo’: boutique aposta na versatilidade gastronômica do ovo

A Sant'ovo dispõe em seu cardápio mais de 50 itens que tem o ovo como o principal ingrediente. Entre eles, massas a carbonara, sanduíches, doces, salgados e omeletes.

7 de maio de 2021