fbpx

terça, 20 de abril de 2021

Década perdida: economia só deve atingir mesmo nível de 2013 em 2023

Para a agência de riscos Austin Ratin, no cenário otimista, com expansão de 3% ao ano, a economia chega ao nível pré-crise em julho de 2023.

1 de março de 2021

Compartilhe

Economia do país só deve voltar a respirar a partir do próximo mandato federal (Foto: Reprodução)

O tombo provocado pela pandemia da Covid-19 na já cambaleante economia brasileira fez o Brasil perder uma década, financeiramente falando.

De acordo matéria publicada no site Poder 360, cálculos da agência de risco Austin Ratin indicam que a atividade econômica no Brasil só deve retomar o mesmo nível registrado em 2013, no mínimo, no ano de 2023.

As previsões são baseadas em projeções do mercado financeiro e levam em consideração os impactos causados pela recessão de 2014 a 2016 e a crise sanitária de 2020.

Cenários

A agência desenhou quatro cenários: no mais otimista, com crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB) de 3% ao ano, a economia brasileira só deve se recuperar ao nível pré-crise em julho de 2023.

Em cenários intermediários, com crescimento anual do PIB de 2,5% e 2,0% a recuperação deverá ocorrer, respectivamente, em dezembro de 2023 e agosto de 2024.

No cenário mais pessimista, com crescimento de apenas 1% ao ano, o Brasil só vai se livrar dos efeitos negativos das crises daqui há mais de sete anos, em abril de 2028.

Ou seja, mesmo no cenário mais otimista, a economia do país só deve voltar a respirar a partir do próximo mandato presidencial.

Metodologia

Para fazer o cálculo, a Austin Rating utilizou como base o índice considerado a prévia do PIB brasileiro, o Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), calculado pelo Banco Central.

De acordo com o IBC-Br, em dezembro de 2013, o nível de atividade econômica era de 148,74 pontos-base. Em dezembro de 2020, no entanto, este índice caiu para 138,33 pontos-base.

A previsões do mercado financeiro indicam que o PIB brasileiro deve cair 4,05% no ano passado, em comparação com 2019. O resultado vai ser anunciado na próxima quarta-feira (3), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatíttica (IBGE).

Reportagem: Lucas Raposo

Leia mais:

Leia mais sobre Negócios

Produção Industrial deve encerrar em 5,06%, segundo relatório Focus

Além da produção industrial, boletim traz expectativas do BC em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e taxa de câmbio.

19 de abril de 2021

LG vai abrir 250 vagas para produção de monitores e notebooks em Manaus

Produção da LG no Polo Industrial de Manaus está prevista para iniciar em julho. Companhia vai ampliar a planta de operações na capital em mais de 12 mil metros quadrados.

19 de abril de 2021

General Silva e Luna toma posse como presidente da Petrobras

Indicado por Jair Bolsonaro, o general Joaquim Silva e Luna tomou posse nesta segunda-feira como presidente da Petrobras em substituição a Roberto Castello Branco.

19 de abril de 2021

Atividade econômica cresce 1,7% em fevereiro, diz Banco Central

Com alta de 1,7% em fevereiro, na comparação com janeiro, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) apresentou crescimento pelo décimo mês consecutivo.

19 de abril de 2021

Prefeitura registra mais de 10 mil cadrastros para o Auxílio Empreendedor

O Auxílio Empreendedor deve atender 6 mil empreendedores com a quantia de R$ 300 em parcela única. No total, R$ 1,8 milhão serão disponibilizados para os pagamentos.

18 de abril de 2021

Redução de salários na pandemia será reavaliada no Congresso

O Projeto de Lei (PLN 02/21) que prevê a redução de salários e jornada de trabalho pela troca da manutenção dos empregos dos funcionários na pandemia retorna à discussão.

18 de abril de 2021

Brasil investirá R$ 3 trilhões no setor energético até 2030, prevê ministro

O país é uma referência no mercado internacional de energia e projeta ter maiores investimento nas fontes energéticas renováveis como os biocombustíveis.

18 de abril de 2021

Mais de 40% dos contribuintes enviaram declaração do Imposto de Renda

Prazo começou em 1º de março e vai até as 23h59min do dia 31 de maio. Data limite foi adiada por conta das dificuldades no recolhimento de documentos impostas pela pandemia.

17 de abril de 2021