fbpx

sexta, 26 de fevereiro de 2021

Na Aleam, empresários apresentam sugestões para abertura do comércio

Encontro virtual, discutiu a situação do setor do comércio amazonense durante a pandemia. Nas discussões, empresários apresentaram suas sugestões para a retomada segura.

10 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Empresários e parlamentares discutiram abertura segura do comércio nesta quarta (Foto: Reprodução)

Empresários do setor comercial do Amazonas participaram, na tarde desta quarta-feira (10), de uma Audiência Pública na Assembleia Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

O encontro, que aconteceu de forma virtual, foi proposto pelo presidente da Casa, deputado Roberto Cidade (PV), e pelo deputado Josué Neto (Patriota), atendendo a pedidos da classe dos comerciantes do Estado para discutir a situação do setor do comércio amazonense durante a pandemia.

Durante as discussões, os empresários apresentaram suas sugestões para a retomada segura das atividades comerciais em todo o Amazonas. Entre elas, o empresário Fred Melo propôs uma flexibilização do horário de funcionamento dos estabelecimentos, que poderia ser dividido pelas zonas geográficas da cidade de Manaus, como forma de evitar aglomerações.

“A cidade tem que estar aberta por 24 horas. Fechar a cidade e a atividade comercial é, para mim, uma estupidez. Não deu certo em lugar nenhum do planeta. Ameniza, atenua, mas não é a solução”, reclamou o empresário.

Cuidados

Atuando no setor comercial do estado há 50 anos, o empresário Belmiro Vianez Filho, destacando a importância de clientes e funcionários, defendeu que uma possível abertura do comércio adotaria os mesmos cuidados já conhecidos e praticados pelos demais setores.

“A lógica da abertura é a mesma que abriu o Distrito, a mesma que abriu a construção civil e a mesma que abriu os supermercados: cuidados básicos e responsabilidade empresarial. Não existe um setor diferente do outro. Todos temos absoluta responsabilidade com nossos funcionários, porque dependemos deles para produzir, e com nossos clientes porque dependemos deles para faturar”, resumiu.

Retorno seguro é possível, mas dificuldades podem comprometer

O assessor da Sala de Situação da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Daniel Barros, afirmou que é possível, sim, abrir o comércio de forma segura.

Apesar disso, Barros também levantou algumas dificuldades que podem impossibilitar esse retorno, entre eles: a prevalência do período chuvoso no Estado, que aumenta a umidade do ar e faz as pessoas permanecerem em ambientes fechados; a frota reduzida do sistema de transporte público municipal, que causa aglomerações; e a dificuldade da população em respeitar as orientações de segurança das autoridades médicas.

Reportagem: Lucas Raposo

Leia mais:

Leia mais sobre Economia

Cheia dos rios afeta produção agrícola nas calhas do Purus e Juruá

Em 13 municípios, manejos que ocorrem em áreas de várzea, como o cultivo de frutas e hortaliças, e a pecuária, foram interrompidos pela elevação do nível das águas.

26 de fevereiro de 2021

IR: acaba hoje prazo para empresas entregarem informes de rendimento

Segundo a Receita, o empregador que deixar de fornecer o comprovante dentro do prazo ou fornecer com inexatidão, ficará sujeito ao pagamento de multa de R$ 41,43.

26 de fevereiro de 2021

Grileiros vendem terras públicas no Sul do Amazonas até pelo Facebook

Decisão da Justiça Federal mostra que pecuaristas estão comprando terras públicas ou de áreas de conservação ambiental a espera da MP da Grilagem

26 de fevereiro de 2021

Caminhoneiros: MEI pode desburocratizar e baratear frete

Como MEI, trabalhadores autônomos poderão ter redução de 30% no pagamento de tributos e acesso à liberação de cargas por meio eletrônico.

26 de fevereiro de 2021

Índices de confiança da indústria e dos serviços caem em fevereiro

Índice de Confiança da Indústria recuou 3,4 pontos, na segunda queda consecutiva, e chegou a 107,9 pontos em uma escala de zero a 200 pontos, o menor patamar desde setembro.

26 de fevereiro de 2021

13,4 milhões sem trabalho: Brasil bate recorde de desemprego em 2020

Com taxa média de desemprego de 13,5%, 2020 registrou o pior resultado desde o início da série histórica, em 2012, segundo números da Pnad Contínua, divulgada pelo IBGE.

26 de fevereiro de 2021

Amazonas continua sem resposta com relação ao imposto das bicicletas

Na última terça-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes, pediu um prazo de 24 horas para dar uma resposta a sobre a redução no Imposto de Importação sobre bicicletas.

25 de fevereiro de 2021

Pandemia reduziu em quase 70% o número de voos para Manaus

Manaus teve queda de 69% no receptivo em janeiro de 2021, em relação a janeiro de 2020. Para Abear, menor fluxo de passageiros no aeroporto é reflexo da pandemia da Covid-19.

25 de fevereiro de 2021