fbpx

quinta, 26 de maio de 2022

Preço do óleo de soja puxa alta da cesta básica de Manaus em janeiro

De acordo com pesquisa da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado, item registrou alta de 12,86% em janeiro. Cesta básica ficou 0,80% mais cara.

1 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Em Manaus, preço da cesta básica chegou a R$ 250 em janeiro (Foto: Reprodução)

Com um aumento de 12,86%, o óleo de soja foi o grande vilão da cesta básica de Manaus no mês de janeiro, conforme pesquisa da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (CDC/Aleam).

Divulgado nesta segunda-feira (1º), o levantamento foi realizado entre os dias 25 e 27 de janeiro em dez supermercados das zonas Centro-Sul, Norte e Leste da capital amazonense.

Ainda de acordo com a pesquisa da CDC/Aleam, o preço do óleo de soja e de mais mais seis itens essenciais contribuiu para que a cesta básica de janeiro (R$ 250) ficasse 0,80% mais cara que a de dezembro (R$ 248).

Os produtos que mais contribuíram para o aumento da cesta básica em janeiro, em comparação com dezembro, foram óleo de soja (+12,86%), extrato de tomate (+10,39%), achocolatado (+10,03%), arroz (+9,40%), leite em pó integral (+5,33%), café (+5,32%) e o sabão em barra (+4,40%).

Tiveram queda

Por outro lado, também foi possível observar que alguns produtos ficaram mais baratos, entre eles, a linguiça calabresa (-11,21%), farinha de mandioca (-8,15%), sabão em pó (-7,94%), desifetante (-3,79%) e o creme dental (-3,23%).

Na avaliação do presidente da CDC/Aleam, deputado estadual João Luiz (Republicanos), as pesquisas mensais de preço da cesta básica servem de parâmetro para inibir a prática abusiva de valores de produtos essenciais.

“Além de orientar o consumidor, a pesquisa pode indicar se os estabelecimentos estão cumprindo a lei estadual que proíbe a majoração de preços de itens essenciais no período de pandemia. E nossas equipes da CDC/Aleam estão nas ruas acompanhando e fiscalizando para que os direitos dos consumidores amazonenses sejam respeitados”, completou João Luiz.

Variação de preço de até 237,80%

Outro dado importante da pesquisa da CDC/Aleam é a variação de preço entre produtos similares encontrados nos diversos estabelecimentos pesquisados.

Neste caso, foram registradas diferenças de até 237,80%, como é o caso da linguiça calabresa, sendo R$ 7,99 o menor valor e R$ 53,98 o maior. Outros produtos também apresentou uma variação de destaque como o sal (202,53%), o sabão em pó (193,80%), o vinagre (151,90%), sabão em barra (104,87%) e o achocolatado (96,81%). Já o preço das proteínas, como o frango e o ovo, variam em 17,17% e 39,95%, respectivamente.

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

‘Nosso Centro’ quer expandir empreendimentos na região central de Manaus

Programa da Prefeitura prevê a revitalização do centro histórico com a implantação dos projetos 'Mais Negócios', 'Mais Vida' e 'Mais História', ao longo dos próximos 3 anos.

25 de maio de 2022

Em apoio a petroleiros, parlamentares questionam venda da Reman no TCU

Deputado Zé Ricardo e o senador Jean Paul (PT/RN) acionaram o Tribunal de Contas da União solicitando medida cautelar para suspender o processo de privatização da refinaria.

25 de maio de 2022

Comércio do Amazonas teve alta de até 20% nas vendas do Dia das Mães

Mais da metade dos estabelecimentos do comércio disse que as vendas do Dia das Mães cresceram entre 11% e 20% com destaque para pagamento no cartão parcelado.

25 de maio de 2022

Programa do Cetam realiza curso de criação de startups em Itacoatiara

Programa Trilhas de Empreendedorismo Digital vai receber 40 alunos para três dias de imersão no processo de criação de startups. Curso começa nesta quarta-feira (25).

25 de maio de 2022

Wilson Lima institui Sistema de Informações de Custos do Amazonas

Com o Sica, o governo vai ampliar o rigor no controle das informações com o objetivo de melhorar a qualidade dos investimentos. O sistema funcionará de forma eletrônica.

25 de maio de 2022

Operadoras de telemarketing vão ao STF contra uso do prefixo 0303

Argumento é de que a norma viola a Constituição por supostamente afetar o exercício de atividade empresarial e prejudicar a livre iniciativa e a busca do pleno emprego.

25 de maio de 2022

Fieam aponta distorção e afirma que ‘lista misteriosa’ prejudica o PIM

Fieam considera que a lista de produtos elaborada pela Suframa e pelo Ministério da Economia não atende às necessidades do PIM. Presidente da entidade demonstra preocupação.

25 de maio de 2022

Resultado preliminar do concurso público da PGE-AM é divulgado

Provas ocorreram no dia 17 de abril, quando quase oito mil candidatos concorreram a uma das 44 vagas ofertadas, sendo 37 para ampla concorrência e sete para PcDs.

25 de maio de 2022