fbpx

quinta, 26 de maio de 2022

No exterior, turista brasileiro é segundo mais rejeitado do mundo, diz pesquisa

Hoje, 114 países impõem fortes restrições à entrada de pessoas que estiveram no Brasil em seus territórios. País só supera a África do Sul, que tem restrições de 117 nações.

14 de abril de 2021

Compartilhe

Passageiros vindos do Brasil têm restrições fortes de entrada em 114 países (Foto: Reprodução)

Uma pesquisa divulgada pelo serviço e venda de passagens on-line Skyscanner, mostra que, atualmente, pelo menos 114 países impõem fortes restrições à entrada em seus territórios de voos que têm o Brasil como origem. Outras 104 nações impõem restrições moderadas e sete países fazem exigências leves.

Os números colocam o Brasil como a segunda nação mais rejeitada no exterior, à frente apenas da África do Sul, que hoje enfrenta restrições fortes em 117 países, restrições moderadas em 101 territórios e restrições leves em sete nações.

O Reino Unido completa o ranking dos rejeitados, com chegadas de voos com fortes restrições em 111 países e moderadas em outras 115 .

O levantamento completo pode ser acessado AQUI.

A pesquisa utiliza dados da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) e leva em consideração o país de origem dos voos e não a nacionalidade dos passageiros.

Restrições sem previsão de término

Mesmo com o lento avanço da vacinação no país, ainda não é possível prever quanto tempo vão durar as restrições à entrada de turistas que passaram pelo Brasil nos demais países que têm feito controle mais rígido sobre a pandemia, como muitos países europeus e Estados Unidos.

O bloqueio acontece como forma de evitar a disseminação de novas variantes e está sendo bastante cauteloso ao impor restrições com a reabertura para o turismo.

Nessa terça-feira (13), por exemplo, o governo francês suspendeu “até novo aviso” todos os voos entre Brasil e França. A decisão foi justificada pela preocupações em torno da variante brasileira da Covid-19.

“Constatamos que a situação está se agravando e por isso decidimos suspender, até novo aviso, todos os voos entre Brasil e França”, explicou o primeiro-ministro Jean Castex.

Da redação

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

‘Nosso Centro’ quer expandir empreendimentos na região central de Manaus

Programa da Prefeitura prevê a revitalização do centro histórico com a implantação dos projetos 'Mais Negócios', 'Mais Vida' e 'Mais História', ao longo dos próximos 3 anos.

25 de maio de 2022

Em apoio a petroleiros, parlamentares questionam venda da Reman no TCU

Deputado Zé Ricardo e o senador Jean Paul (PT/RN) acionaram o Tribunal de Contas da União solicitando medida cautelar para suspender o processo de privatização da refinaria.

25 de maio de 2022

Comércio do Amazonas teve alta de até 20% nas vendas do Dia das Mães

Mais da metade dos estabelecimentos do comércio disse que as vendas do Dia das Mães cresceram entre 11% e 20% com destaque para pagamento no cartão parcelado.

25 de maio de 2022

Programa do Cetam realiza curso de criação de startups em Itacoatiara

Programa Trilhas de Empreendedorismo Digital vai receber 40 alunos para três dias de imersão no processo de criação de startups. Curso começa nesta quarta-feira (25).

25 de maio de 2022

Wilson Lima institui Sistema de Informações de Custos do Amazonas

Com o Sica, o governo vai ampliar o rigor no controle das informações com o objetivo de melhorar a qualidade dos investimentos. O sistema funcionará de forma eletrônica.

25 de maio de 2022

Operadoras de telemarketing vão ao STF contra uso do prefixo 0303

Argumento é de que a norma viola a Constituição por supostamente afetar o exercício de atividade empresarial e prejudicar a livre iniciativa e a busca do pleno emprego.

25 de maio de 2022

Fieam aponta distorção e afirma que ‘lista misteriosa’ prejudica o PIM

Fieam considera que a lista de produtos elaborada pela Suframa e pelo Ministério da Economia não atende às necessidades do PIM. Presidente da entidade demonstra preocupação.

25 de maio de 2022

Resultado preliminar do concurso público da PGE-AM é divulgado

Provas ocorreram no dia 17 de abril, quando quase oito mil candidatos concorreram a uma das 44 vagas ofertadas, sendo 37 para ampla concorrência e sete para PcDs.

25 de maio de 2022