fbpx

domingo, 28 de novembro de 2021

Hub brasileiro para inovação em big data é inaugurado nesta terça-feira

O hub de big data é um polo de conhecimento, tecnologia e inovação. É colaborativo e voltado para ações que integram métodos inovadores de tecnologia e ciência de dados.

23 de novembro de 2021

Compartilhe

Objetivo do projeto é o avanço no uso de big data e ciência de dados (Foto: Reprodução)

Fruto de uma iniciativa do Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da ONU, o Hub Regional de Big Data sediado no Brasil será lançado nesta terça-feira (23) na XI Conferência de Estatística das Américas, realizada virtualmente pela Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (Cepal).

Hub está sediado na Escola Nacional de Ciências Estatísticas (ENCE), braço acadêmico do IBGE, que coordenará os esforços e contribuições das diferentes áreas do Instituto no apoio às atividades do Hub Regional. O projeto foi formalizado por um memorando de entendimento entre o IBGE e o Departamento de Estatísticas da ONU, em abril de 2021. Interessados em participar do projeto podem enviar email para ungphub@ibge.gov.br.

“Big data é uma realidade, e ciência de dados é uma das áreas mais importantes neste contexto. O Hub Regional no Brasil, com os seus projetos e as suas atividades, irá incrementar a integração dos setores do IBGE e dos parceiros institucionais da América Latina e do Caribe através de compartilhamento de conhecimento e inovação”, observa a Coordenadora-Geral da ENCE, Maysa de Magalhães.

O projeto tem como objetivo contribuir para o avanço no uso de big data e ciência de dados para melhorar a produção de estatísticas oficiais. Com isso, visa o fortalecimento dos laços e a promoção da cooperação entre produtores de estatísticas oficiais da região, com apoio na troca de experiências e conhecimentos, promovendo um maior contato e integração entre produtores e usuários regionais e aumentando o aproveitamento do conhecimento gerado.

Para a coordenadora do projeto, Andrea Diniz, trata-se de “um marco na produção de estatísticas oficiais na América Latina e Caribe, porque vai alavancar o uso dessa fonte alternativa (big data) na região”. Isso, segundo ela, “pode ampliar ou mesmo garantir a produção de estatísticas oficiais sob cenários restritivos, como o que ainda vivemos, com a pandemia de Covid-19.”

O acordo entre o IBGE e a Divisão de Estatística das Nações Unidas (UNSD) para a implementação da proposta foi assinado no dia 8 de abril deste ano. Além do Brasil, outros três países também integram o projeto com hubs regionais: China, Ruanda e Emirados Árabes Unidos.

Hub brasileiro vai atuar em quatro frentes

O hub de big data é um polo de conhecimento, tecnologia e inovação. É colaborativo e voltado para ações que integram métodos inovadores de tecnologia e ciência de dados no uso de big data. Em sua fase inicial, o Hub Regional no Brasil vai atuar em quatro linhas de ação, sem descartar a inclusão de outras atividades ou projetos no médio e no longo prazos. São elas:

– Fortalecimento de laços e promoção da cooperação entre produtores de estatísticas oficiais na América Latina e Caribe;

– Promoção da formação e fomento do interesse de jovens estatísticos da região sobre o uso de big data em estatísticas oficiais;

– Desenvolvimento de pesquisa sobre o uso de big data em estatísticas oficiais e temas relacionados;

– Organização de seminários e conferências sobre o uso de big data em estatísticas e geociências.

“Estar sediado no IBGE, um dos poucos Institutos na América Latina e Caribe que já está produzindo estatísticas oficiais com base em big data, pode facilitar a cooperação e a consolidação da prática na região”, conclui Andrea Diniz.

Fonte: IBGE

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Pilotos e Comissários aceitam proposta do TST e cancelam greve

A proposta lançada pelo TST para renovação da Convenção Coletiva de Trabalho da aviação regular foi aprovada por meio de votação eletrônica entre a categoria.

27 de novembro de 2021

Senai oferta mais de 1,7 mil vagas em cursos técnicos gratuitos

As aulas iniciarão em janeiro de 2022, de forma presencial e a distância (EaD). Os interessados deverão se inscrever a partir de segunda-feira (29) até o dia 7 de janeiro.

27 de novembro de 2021

Defensoria lança concurso para provimento de servidores auxiliares

São ofertadas duas vagas para o cargo de analista jurídico e uma para assistente técnico administrativo. Os aprovados vão trabalhar na DPE-AM em Manicoré.

27 de novembro de 2021

Manaus faz Cultura destina R$900 mil para descentralização artística

No total, 45 projetos foram contemplados. Cada projeto receberá o valor de R$ 20 mil, totalizando R$ 900 mil destinados à formação, vivências artísticas e oficinas.

27 de novembro de 2021

Projeto de renovação dos incentivos fiscais é encaminhado à Aleam

Governador pediu à Aleam a tramitação do PL em regime de urgência. PL prorroga a política estadual de incentivos fiscais e extrafiscais para atrair investimentos ao AM.

27 de novembro de 2021

Para indústria, Projeto não vai eliminar atrasos na aprovação de PPB

Proposta quer garantir atração de investimentos ao Polo Industrial de Manaus a partir de prazos mais céleres para respostas da Suframa e governo federal à empresa solicitante

27 de novembro de 2021

Preocupação com nova variante derruba Bolsas da Europa

Ações ligadas a turismo e petroleiras despencaram. Paralelamente, dirigentes do Banco Central Europeu (BCE) reforçaram que inflação na zona do euro será temporária.

26 de novembro de 2021

Qualidade de vida no AM foi a sexta pior do país entre 2017 e 2018

Segundo dados do IBGE, a taxa de perda de qualidade de vida do Amazonas ficou em 0,216, obtendo resultado melhor apenas em relação ao Maranhão, Pará, Acre, Amapá e Alagoas.

26 de novembro de 2021