fbpx

quarta, 26 de janeiro de 2022

Cresce procura por cursos técnicos nas áreas de saúde e informática

Nos primeiros meses de 2021 instituições também registraram aumento na demanda por capacitação em segmentos como estética, gastronomia e informática.

24 de maio de 2021

Compartilhe

Curso técnico em enfermagem é um dos mais procurados, segundo as instituições. (Foto: Reprodução)

Instituições que disponibilizam cursos profissionalizantes registraram aumento na procura pelas capacitações, de janeiro a maio deste ano, em relação a 2020. As áreas mais demandas foram as instruções nos segmentos de saúde, estética, gastronomia, administração e técnico em informática.

A coordenadora de marketing do Centro de Ensino Técnico (Centec), Driele Cazumba, relata que a instituição registrou crescimento de 12% na procura pelas capacitações com maior expressividade nos cursos de enfermagem, análises clínicas e administração.

De acordo com a coordenadora, a pandemia, que teve início no último ano, reforçou a necessidade e a importância da atuação do profissional da saúde, o que segundo ela, justifica a busca por profissionalização na área.

“2020 foi definido como o ano da saúde. O aumento de casos de Covid-19 reforçou a necessidade de profissionais capacitados para atuar no mercado de trabalho”, avalia a coordenadora.

No Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac-AM), os cursos que tiveram procura mais expressiva foram o de técnico em informática e gastronomia. A lista dos mais demandados também apresenta os cursos de beleza, estética e podologia.

“O curso técnico em informática representa 65% dos módulos ofertados por ser uma das áreas essenciais nos ambientes de trabalho. Por outro lado, a capacitação nas áreas de beleza, saúde e gastronomia estão muito ligadas ao empreendedorismo, ao mesmo tempo em que viabilizam a inserção no mercado de trabalho”, considera a diretora de educação profissional do Senac-AM, Ellen Castro.

Texto: Priscila Caldas

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Entenda os fatores que pressionam a inflação no Brasil e no mundo

Tensões geopolíticas internacionais e fatores internos, como problemas climáticos e incertezas políticas deste ano, puxarão os índices de preços pelo menos no 1º trimestre.

26 de janeiro de 2022

Seis delegados e 25 chefes da Receita Federal no AM entregaram os cargos

Entrega de cargos de delegados e chefes da Receita Federal no Amazonas torna mais burocrática e morosa a liberação de mercadorias nos terminais do Amazonas.

26 de janeiro de 2022

Grupo amazonense de supermercados reforça vendas pelo Whatsapp

Grupo DB de supermercados aposta em serviço de delivery pelo perfil do Whatsapp para manter regularidade das vendas em meio a alta de casos de Covid-19 em Manaus.

26 de janeiro de 2022

Prévia da inflação, IPCA-15 de janeiro fica em 0,58%, informa IBGE

Resultado foi puxado pela queda de 0,41% no grupo dos transportes, que foi influenciado pela diminuição nos preços da gasolina (-1,78%) e das passagens aéreas (-18,21%).

26 de janeiro de 2022

Setor de energia solar quer reverter taxação sancionada por Bolsonaro

Movimento Solar Livre tem um ano para mobilizar o setor de energia solar e reverter a taxação sancionada em janeiro aos usuários desse sistema de energia limpa.

26 de janeiro de 2022

BNDES anuncia ampliação de orçamento do Fundo Socioambiental

Orçamento passa a ser de R$ 150 milhões. Segundo o presidente Bolsonaro, os recursos têm foco em projetos voltados para educação, meio ambiente e geração de emprego e renda.

26 de janeiro de 2022

Indústria termoplástica chega ao PIM com investimentos de R$ 17 milhões

Norpolim Nordeste Polímeros Indústria e Comércio de Termoplástico Ltda pertence ao grupo Plasvan que é referência no setor de termoplásticos no país.

26 de janeiro de 2022

Trabalhador formal está há 3 anos sem ganho salarial real, diz pesquisa

Salariômetro da Fipe confirma que o salário dos trabalhadores formais encerrou pelo terceiro ano (2021) consecutivo com reajustes abaixo da inflação medida pelo INPC.

26 de janeiro de 2022