fbpx

terça, 21 de setembro de 2021

Ademi prevê crescimento de edificações com Novo Código Ambiental Urbano

Terrenos que antes estavam inutilizados por conta da legislação ambiental vigente poderão ser utilizados para fins imobiliários, industriais e comerciais, prevê a Ademi-AM.

26 de agosto de 2021

Compartilhe

(Foto: Reprodução)

O mercado imobiliário do Amazonas comemorou a aprovação do Projeto de Lei (PL) 1877/21, de autoria do deputado federal Marcelo Ramos (PL). O PL prevê a instituição do Código Ambiental Urbano no País.

Para o vice-presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Amazonas (Ademi-AM), Hélio Alexandre, terrenos que antes estavam inutilizados, por conta da legislação ambiental vigente, poderão ser utilizados para fins imobiliários, industriais e comerciais.

“Por exemplo, atualmente, em Manaus há terrenos vazios, em que os proprietários pagam o IPTU [Imposto Predial e Territorial Urbano], sem poder empreender, porque são áreas próximas a rios, igarapés ou afluentes do rio Negro. Mediante esse novo Código Ambiental Urbano, essas proibições são anuladas e será possível edificar nesses terrenos – claro que respeitando a legislação prevista no projeto de distanciamento para os rios, igarapés e afluentes”, explica Hélio.

Como exemplo, Hélio cita o caso de indústrias, que, segundo ele, algumas precisam estar próximas de rios, igarapés ou afluentes.

“Há algumas indústrias que se instalam na beira do rio e precisam dele não por uma questão de estar lá, mas porque precisam da água, de alimentar máquinas e equipamentos com um volume d’água muito grande – então algumas industrias serão beneficiadas”, enfatiza o vice-presidente da Ademi-AM.

Novo Código Ambiental Urbano vai inibir invasões de terras

Ainda conforme Hélio, o projeto vai contemplar a ocupação regular de áreas próximas a rios e evitar invasões de sem-terras.

“Áreas próximas do rio, que são proibidas de fazer indústria porque não estão a 500 metros das áreas do rios, acabam sendo ocupadas por invasão. Então, eu acho que o projeto tá atuando principalmente na questão das invasões, pois onde tem áreas vazias as pessoas vão lá invadir. Mas, agora não haverá invasões, mas sim uma ocupação imobiliária, industrial e comercial”, prevê Hélio Alexandre.

Alexandre cita, como exemplo, uma área próxima a rio no bairro Educandos, Zona Sul de Manaus. “Há lugares que eu poderia fazer uma loja, mas se eu estiver a menos de 500 metros do rio eu não poderei fazer. Por exemplo: um supermercado, um atacarejo ou uma loja de materiais de construção, e com isso vai proporcionar alguns crescimentos dentro da cidade de Manaus”.

Projeto também é benéfico às cidades do interior do Amazonas

“Em se falando de Estado, o Amazonas é todo rodeado por águas e, com isso, a maioria das cidades do interior é proibida de fazer edificações. Mediante esse novo Código Ambiental Urban,o nós vamos ter uma legislação nova, em que as cidades do interior também vão poder construir onde há espaço para esse tipo de obra”, reforça o vice-presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Amazonas.

Texto: Isac Sharlon

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Segunda prévia do IGP-M aponta variação de -0,58% em setembro

O resultado mensal de setembro é o primeiro com variação negativa desde fevereiro de 2020. Dois dos três indicadores que compõem o IGP-M exibiram variação menor no mês.

20 de setembro de 2021

Manaus recebe 4ª edição da Feira Internacional da Gastronomia Amazônica

FIGA acontecerá em outubro, com objetivo de promover o intercâmbio entre chefs regionais, nacionais e internacionais e divulgar a Gastronomia Amazônica para diversos países.

20 de setembro de 2021

Estado arrecadou R$9,2 bi e cresceu 13,4% no ano, segundo Sefaz

Amazonas arrecadou mais de R$1,1 bi em agosto. Número representa crescimento de 1,75% em relação a agosto de 2020. Enquanto de janeiro a agosto o crescimento foi de 13,4%.

20 de setembro de 2021

A Importância da ZFM é tema do projeto Diálogos Amazônicos desta segunda

Participam do debate o reitor da Universidade do Estado do Amazonas, Cleinaldo Costa; e Juliano Assunção, professor da PUC-Rio e diretor do Climate Policy Initiative no país.

20 de setembro de 2021

EUA liberam a entrada de estrangeiros totalmente vacinados contra Covid-19

Medida entra em vigor a partir de novembro e vale para todos os países, incluindo o Brasil. Turistas terão que comprovar que estão completamente imunizados contra a doença.

20 de setembro de 2021

Governadores negam influência do ICMS na alta dos combustíveis

De acordo com nota assinada por 20 governadores, "nos últimos 12 meses, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%, embora nenhum Estado tenha aumentado o ICMS".

20 de setembro de 2021

Vagas em home office: veja seleção de oportunidades para trabalhar de casa

Foram elencadas mais de 15 empresas que dispõem de vagas para quem quer garantir renda sem sair de casa. Na pandemia, home office ganhou destaque.

20 de setembro de 2021

Ministro do Desenvolvimento promete investir R$ 7 bi em mobilidade

Segundo Rogério Marinho, o transporte público é a alternativa mais importante para o deslocamento de pessoas. Afirmação foi dada durante abertura da Semana da Mobilidade.

20 de setembro de 2021