fbpx

sexta, 12 de agosto de 2022

UEA concede título de ‘Doutor Honoris Causa’ à Lourenço Braga

Lourenço Braga foi o responsável pela implantação da Universidade do Estado do Amazonas, que teve suas atividades iniciadas em 2001 e foi o primeiro reitor da instituição.

9 de dezembro de 2021

Compartilhe

Lourenço Braga possui na sua trajetória profissional, notório saber jurídico com relevante contribuição para a sociedade amazonense (Foto: Divulgação)

Em reconhecimento ao alto nível profissional e pelos feitos significativos em favor da comunidade acadêmica e da humanidade, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) concedeu, nesta quarta-feira (8), por deliberação unânime do Conselho Universitário, o título de Doutor Honoris Causa ao professor Lourenço dos Santos Pereira Braga, primeiro reitor da UEA.

Além de Lourenço Braga, receberam o título, o Wanderley de Souza, professor da Universidade Feral do Rio de Janeiro (UFRJ) e Rui Manuel Proença de Campos Garcia, professor Catedrático da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto.

A solenidade aconteceu no salão Solimões, anexo ao Palácio Rio Negro, no Centro de Manaus, com a presença do reitor da UEA, Cleinaldo de Almeida Costa, membros da Gestão Superior da universidade, autoridades locais e convidados.

Durante o evento, o reitor da UEA destacou a formação intelectual, mas, sobretudo a qualidade humana dos homenageados e da preocupação dos três professores com o ser humano que vive e mora na região Amazônica.

“Estão aqui nesta noite, três nomes da ciência brasileira e mundial que, efetivamente, participaram da construção dessa jovem universidade. O primeiro reitor desta casa e dois professores de renome mundial com inúmeros trabalhos publicados que refletem essa produção. São três pessoas que conhecem profundamente o Amazonas e a Amazônia e, mais que isso, preocupados com a formação, com a qualificação de recursos humanos que representam o desenvolvimento da nossa região. É por essa razão e, sobretudo por essa dedicação pessoal que esses três senhores estão aqui hoje reunidos e tornaram-se nossos Doutores Honoris causa”, destacou.

O título

O título Doutor Honoris Causa é concedido por universidades a pessoas que se destacaram por sua virtude, mérito ou serviços que transcendam famílias, pessoas ou instituições em determinadas áreas como a artes, ciências, filosofia, letras, promoção da paz, de causas humanitárias, etc. O homenageado recebe o mesmo tratamento e pode desfrutar dos mesmos privilégios como se tivesse feito um doutorado acadêmico convencional.

Os homenageados

Lourenço dos Santos Pereira Braga – Possui na sua trajetória profissional, notório saber jurídico com relevante contribuição para a sociedade amazonense, bem como pela participação ativa na elaboração de atos de criação e na comissão de implantação da UEA, sendo o primeiro Reitor, de 2001 a 2007. Graduado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade do Amazonas, Lourenço é especialista em Direito Público pela Faculdade de Direito da Universidade do Amazonas e especialista em Direito e Desenvolvimento pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Além disso, Lourenço é professor aposentado, advogado, ex-Procurador do estado, Membro efetivo do Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas, ex- Secretário de Estado de Educação e Qualidade do Ensino, ex-Corregedor da Procuradoria Geral do Estado e ex-secretário de Estado de Administração, Planejamento e Coordenação Geral.

Wanderley de Souza – Formado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1974), Wanderley possui mestrado em Ciências Biológicas (Biofísica) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1976) e doutorado em Ciências (Biofísica) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1978). Professor titular do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho da UFRJ e pesquisador do Centro Nacional de Biologia Estrutural e Bioimagem da mesma universidade, foi secretário-executivo do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e secretário de Ciência e Tecnologia do Estado do Rio de Janeiro, quando criou o Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cederj), que deu origem à Universidade Aberta do Brasil. Foi também diretor do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), vice-diretor e diretor do Instituto de Biofísica Carlos Chagas e primeiro reitor da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro e da Universidade Estadual da Zona Oeste, em Campo Grande. Foi Diretor e Presidente da Finep. Membro das academias Nacional de Medicina, Brasileira de Ciências e de Ciências do Terceiro Mundo.

Wanderley é autor de mais de 600 artigos e atua junto a várias sociedades científicas, como: Sociedade Brasileira de Microscopia Eletrônica, Sociedade Brasileira de Protozoologia, Society of Protozoologists, Interamerican Society for Electron Microscopy, American Society for Cell Biology, American Society of Parasitologists.

Rui Manuel Proença de Campos Garcia – Licenciado em Educação Física com Doutorado em Ciências do Desporto, Rui Manuel é professor Catedrático da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto. Desde 1992 colabora com diversas Escolas de Educação Física brasileiras, além de colaborar com instituições da Espanha e Angola. Já orientou 36 teses de doutorado, das quais 21 de professores brasileiros (concluídas), orientando neste momento seis teses de doutorado, sendo responsável por quatro trabalhos de pós-doutorado de professores brasileiros. Tem 11 livros publicados em vários países, dos quais quatro editados no Brasil, vários capítulos em livros e um grande número de artigos em revistas diversas. É membro de quatro Conselhos Redatoriais de revistas brasileiras, participando regularmente em diversos congressos nacionais e internacionais realizados no Brasil.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Pavimentação da BR-319 tem risco de mais grilagem, apontam documentos

É grande o risco da pavimentação da BR-319 atrair mais grileiros para a região, segundo documentos do Ibama e do material para relatório do EIA/Rima.

11 de agosto de 2022

WhatsApp passa a permitir apagar mensagens após dois dias

A mudança antecipou um pacote de novidades divulgado nesta terça-feira (9) na rede social. Ainda este mês será possível esconder o status online.

10 de agosto de 2022

Obras do Complexo Viário dos anéis Sul e Leste seguem em ritmo acelerado

Para quem mora no entorno das obras dos Aneis Viários Sul e Leste, o projeto representa mais dignidade e progresso para a população e para a cidade de Manaus.

9 de agosto de 2022

Pacote de obras na área da segurança pública no AM chega a R$ 150 milhões

De 2019 a 2022, os recursos para reformas e reparos nas unidades policiais somam cerca de R$ 10 milhões. As obras incluem pintura, troca de fechaduras, parte elétrica, etc.

9 de agosto de 2022

Lei estadual garante visita gratuita a museus e prédios históricos do AM

A gratuidade, segundo a lei, não precisará ser concedida em dias que recaiam sobre feriados nacionais, estaduais ou municipais, ou ainda em ponto facultativo.

9 de agosto de 2022

Festejo de Santo Antônio de Borba agora é Patrimônio Cultural do AM

Festejo de Borba, realizado em junho, movimenta a economia da cidade e teve início em 1756 com eventos organizados por padres jesuítas no interior do Amazonas.

9 de agosto de 2022

Lei Aldir Blanc pode salvar Cultura com a Rouanet desmontada

Lei Aldir Blanc 2 pode recuperar vácuo da Lei Rouanet que foi paralisada no Governo Bolsonaro e democratizar mais o acesso aos recursos pelos trabalhadores da Cultura.

8 de agosto de 2022

Obras de construção do Anel Viário Sul estão 75% concluídas

Segundo o governador do Amazonas, Wilson Lima, o trabalho de drenagem, que está em fase de execução, é fundamental para que a obra tenha uma vida útil longa. 

8 de agosto de 2022