fbpx

quarta, 19 de janeiro de 2022

UEA concede título de ‘Doutor Honoris Causa’ à Lourenço Braga

Lourenço Braga foi o responsável pela implantação da Universidade do Estado do Amazonas, que teve suas atividades iniciadas em 2001 e foi o primeiro reitor da instituição.

9 de dezembro de 2021

Compartilhe

Lourenço Braga possui na sua trajetória profissional, notório saber jurídico com relevante contribuição para a sociedade amazonense (Foto: Divulgação)

Em reconhecimento ao alto nível profissional e pelos feitos significativos em favor da comunidade acadêmica e da humanidade, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) concedeu, nesta quarta-feira (8), por deliberação unânime do Conselho Universitário, o título de Doutor Honoris Causa ao professor Lourenço dos Santos Pereira Braga, primeiro reitor da UEA.

Além de Lourenço Braga, receberam o título, o Wanderley de Souza, professor da Universidade Feral do Rio de Janeiro (UFRJ) e Rui Manuel Proença de Campos Garcia, professor Catedrático da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto.

A solenidade aconteceu no salão Solimões, anexo ao Palácio Rio Negro, no Centro de Manaus, com a presença do reitor da UEA, Cleinaldo de Almeida Costa, membros da Gestão Superior da universidade, autoridades locais e convidados.

Durante o evento, o reitor da UEA destacou a formação intelectual, mas, sobretudo a qualidade humana dos homenageados e da preocupação dos três professores com o ser humano que vive e mora na região Amazônica.

“Estão aqui nesta noite, três nomes da ciência brasileira e mundial que, efetivamente, participaram da construção dessa jovem universidade. O primeiro reitor desta casa e dois professores de renome mundial com inúmeros trabalhos publicados que refletem essa produção. São três pessoas que conhecem profundamente o Amazonas e a Amazônia e, mais que isso, preocupados com a formação, com a qualificação de recursos humanos que representam o desenvolvimento da nossa região. É por essa razão e, sobretudo por essa dedicação pessoal que esses três senhores estão aqui hoje reunidos e tornaram-se nossos Doutores Honoris causa”, destacou.

O título

O título Doutor Honoris Causa é concedido por universidades a pessoas que se destacaram por sua virtude, mérito ou serviços que transcendam famílias, pessoas ou instituições em determinadas áreas como a artes, ciências, filosofia, letras, promoção da paz, de causas humanitárias, etc. O homenageado recebe o mesmo tratamento e pode desfrutar dos mesmos privilégios como se tivesse feito um doutorado acadêmico convencional.

Os homenageados

Lourenço dos Santos Pereira Braga – Possui na sua trajetória profissional, notório saber jurídico com relevante contribuição para a sociedade amazonense, bem como pela participação ativa na elaboração de atos de criação e na comissão de implantação da UEA, sendo o primeiro Reitor, de 2001 a 2007. Graduado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade do Amazonas, Lourenço é especialista em Direito Público pela Faculdade de Direito da Universidade do Amazonas e especialista em Direito e Desenvolvimento pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Além disso, Lourenço é professor aposentado, advogado, ex-Procurador do estado, Membro efetivo do Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas, ex- Secretário de Estado de Educação e Qualidade do Ensino, ex-Corregedor da Procuradoria Geral do Estado e ex-secretário de Estado de Administração, Planejamento e Coordenação Geral.

Wanderley de Souza – Formado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1974), Wanderley possui mestrado em Ciências Biológicas (Biofísica) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1976) e doutorado em Ciências (Biofísica) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1978). Professor titular do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho da UFRJ e pesquisador do Centro Nacional de Biologia Estrutural e Bioimagem da mesma universidade, foi secretário-executivo do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e secretário de Ciência e Tecnologia do Estado do Rio de Janeiro, quando criou o Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cederj), que deu origem à Universidade Aberta do Brasil. Foi também diretor do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), vice-diretor e diretor do Instituto de Biofísica Carlos Chagas e primeiro reitor da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro e da Universidade Estadual da Zona Oeste, em Campo Grande. Foi Diretor e Presidente da Finep. Membro das academias Nacional de Medicina, Brasileira de Ciências e de Ciências do Terceiro Mundo.

Wanderley é autor de mais de 600 artigos e atua junto a várias sociedades científicas, como: Sociedade Brasileira de Microscopia Eletrônica, Sociedade Brasileira de Protozoologia, Society of Protozoologists, Interamerican Society for Electron Microscopy, American Society for Cell Biology, American Society of Parasitologists.

Rui Manuel Proença de Campos Garcia – Licenciado em Educação Física com Doutorado em Ciências do Desporto, Rui Manuel é professor Catedrático da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto. Desde 1992 colabora com diversas Escolas de Educação Física brasileiras, além de colaborar com instituições da Espanha e Angola. Já orientou 36 teses de doutorado, das quais 21 de professores brasileiros (concluídas), orientando neste momento seis teses de doutorado, sendo responsável por quatro trabalhos de pós-doutorado de professores brasileiros. Tem 11 livros publicados em vários países, dos quais quatro editados no Brasil, vários capítulos em livros e um grande número de artigos em revistas diversas. É membro de quatro Conselhos Redatoriais de revistas brasileiras, participando regularmente em diversos congressos nacionais e internacionais realizados no Brasil.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Carreta Vacina Amazonas atende moradores do Tarumã a partir de hoje

A unidade móvel conta com profissionais de saúde oferecendo atendimento de segunda a sábado, das 9h às 16h, ao público do bairro Tarumã.

19 de janeiro de 2022

UEA aplica provas de Habilidades dos cursos de Dança, Teatro e Música

Candidatos aos cursos de Dança e Teatro farão prova de forma virtual; para o curso de Música a prova teórica será presencial e a prova prática será virtual.

19 de janeiro de 2022

Amazonas registra quase 5 mil novos casos de Covid-19 nas últimas horas

O aumento é de 64,03% se comparado os recentes dados com os mesmos dados do dia 18 de janeiro do ano passado, quando o Amazonas registrava apenas 1.790 novos casos de Covid.

18 de janeiro de 2022

Sisu e Prouni abrem inscrições em fevereiro; Fies, em março

Para concorrer aos processos seletivos para programas de acesso ao ensino superior -- Prouni, Sisu e Fies --, estudante precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio.

18 de janeiro de 2022

População de Manaus foi a que mais engordou durante a pandemia

Relatório Doenças Crônicas e Seus Fatores de Risco e Proteção mostra que, em 2020, 24,9% dos manauaras adultos apresentavam obesidade, maior índice entre as capitais.

18 de janeiro de 2022

Em 2021, devastação do bioma Amazônia cresceu 49% só no Amazonas

De acordo com dados do Imazon, em 2021 o Amazonas foi o estado da região que registrou o maior crescimento na devastação do bioma em relação ao ano anterior.

18 de janeiro de 2022

Casos de Covid no Amazonas aumentam e visitas em hospitais são suspensas

Em caso de acompanhantes, têm direito pacientes acima de 60 anos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos ou mulheres no pré-parto e pós-parto.

18 de janeiro de 2022

Teatro Amazonas recebe festival de cinema Olhar do Norte

A quarta edição do festival Olhar do Norte foi contemplada pelo Programa Cultura Criativa – 2021/AM, realizado pelo Governo. Ao todo, 17 filmes concorrem em nove categorias.

18 de janeiro de 2022