fbpx

quinta, 23 de setembro de 2021

Malária: profissionais são treinados para ministrarem tafenoquina

Curso do Instituto Carlos Borborema é disponibilizado para os envolvidos no diagnóstico e tratamento da doença e está disponível gratuitamente online.

15 de setembro de 2021

Compartilhe

A medicação pode ser administrada para maiores de 16 anos que, obrigatoriamente, realizaram o teste de G6PD (Foto: Divulgação)

O Instituto de Pesquisa Clínica Carlos Borborema, da Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), disponibilizou na terça-feira (14), em sua plataforma on-line de ensino, o treinamento sobre o uso da tafenoquina. A capacitação é parte do estudo TRuST, de implementação de novas ferramentas para o tratamento da malária vivax no Brasil.

O curso é uma realização do Ministério da Saúde que, de acordo com a Nota Informativa nº 14/2021, recomenda o uso da tafenoquina e do teste quantitativo da enzima G6PD durante a realização do TRuST nos municípios de Manaus e Porto Velho (RO).

São parceiros da iniciativa a Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), a FMT-HVD, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) e a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa).

É recomendado que médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, farmacêuticos da assistência e outros profissionais de saúde envolvidos no diagnóstico e tratamento da malária participem da capacitação. O treinamento, com duração de 20 minutos, está disponível em trust.borbatraining.com.br.

Ministrado pelo médico infectologista da FMT-HVD, Marcus Lacerda, o treinamento aborda as principais mudanças do novo Guia de Tratamento da Malária no Brasil, publicado pelo Ministério da Saúde em 2020; investigação, diagnóstico e manejo da Anemia Hemolítica Aguda (AHA) por antimaláricos; diálogo e o compartilhamento de informações e implementação de políticas públicas sobre malária vivax.

TRuST

O projeto TRuST avalia a implementar duas novas ferramentas para o tratamento da malária vivax no Brasil: a tafenoquina e o teste de G6PD. Para isso, os municípios de Manaus e Porto Velho (RO), a partir de recomendação do Ministério da Saúde, irão adotar o uso de um teste quantitativo de G6PD e a tafenoquina como tratamento de primeira escolha para pacientes maiores de 16 anos.

Após um ano, os resultados gerados subsidiarão a decisão do Ministério da Saúde quanto à incorporação dessas novas ferramentas ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Tafenoquina

É uma medicação antimalárica com eficácia comprovada no combate ao parasita Plasmodium vivax. O medicamento, administrado em dose única, deve facilitar a adesão do paciente e será uma alternativa ao tratamento com primaquina, administrada por sete dias. A nova droga não exclui o uso associado com cloroquina.

A medicação pode ser administrada para maiores de 16 anos que, obrigatoriamente, realizaram o teste de G6PD, uma enzima protetora presente no organismo humano. Pessoas com deficiência na produção dessa enzima podem apresentar reação (hemólise) ao uso de antimaláricos. A testagem irá proporcionar maior segurança e tratamento adequado aos pacientes.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Reserva do Juma realiza monitoramento da biodiversidade

Ao todo, foram capacitados nove comunitários para atuar como monitores ambientais nesta ação. Eles pertencem a sete comunidades da região.

23 de setembro de 2021

PlanificaSUS retorna ao Baixo Amazonas para organizar rede materno-infantil

Projeto visa ampliação do acesso da gestante e da criança até 2 anos de idade à atenção primária e à atenção especializada no Amazonas.

23 de setembro de 2021

Liberação da praia da Ponta Negra aos sábados depende de ‘evento-teste’

David disse que a medida vem também em decorrência da chegada do verão amazônico, além da necessidade de possibilitar que os comerciantes do local também garantam sua renda.

23 de setembro de 2021

Leite do Meu Filho: somente após ativar cadastro, produto é liberado

Alerta é da Prefeitura que aprovou 2.338 novas solicitações, mas, até ontem (22), apenas 300 pessoas compareceram às centrais para a ativação do cadastro.

23 de setembro de 2021

Covid-19: Manaus tem 40 postos de vacinação nesta quinta e sexta

Postos funcionarão nesta quinta (23) e sexta-feira (24), das 9h às 16h. A lista com os endereços pode ser acessada no site da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

22 de setembro de 2021

Cidade da Criança: obras perto do fim garantem entrega para outubro

O Parque Cidade da Criança ganhará um espaço conhecido como "instagramável", cenário elaborado especialmente para fotografia e interação criativa.

22 de setembro de 2021

PF investiga desvio de recursos públicos por fraude contra o INSS

Operação 'Falsum Captivi' apura fraudes na concessão de benefícios de auxílio-reclusão nos municípios de Itacoatiara e Manaus.

22 de setembro de 2021

Parque do Mindu recebe mais de 200 estudantes no Dia da Árvore

As crianças ainda participaram de um momento lúdico no anfiteatro do Parque do Mindu, com músicas e apresentações no final do passeio.

21 de setembro de 2021