fbpx

sábado, 24 de julho de 2021

Em Manaus, ex-secretário municipal é condenado a devolver R$ 2,5 milhões

O ex-titular da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), Luis Faustino da Costa Neto, teve as contas de 2016 consideradas irregulares pelo TCE-AM.

20 de abril de 2021

Compartilhe

Ex-secretário da Semjel é condenado pelo TCE Amazonas (Foto: Divulgação)

O ex-secretário municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), Luis Faustino da Costa Neto, teve as contas do exercício financeiro de 2016 julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), nesta terça-feira (20) e foi condenado a pagar R$ 2,5 milhões (entre multa e alcance).

A relatora do processo, conselheira Yara Lins dos Santos, apontou entre as irregularidades cometidas pelo ex-gestor a não justificativa quanto à contratação de serviços de sonorização, quando já haviam ocorrido as celebrações do termo de contrato nos mesmos quantitativos de serviços e valores; a ausência de comprovações de despesas com registros fotográficos; além da inexistência das entidades beneficiadas em termos de doação referente a tatames adquiridos pela Semjel.

Segundo a relatora, foram identificadas, ainda, diversas contratações de empresas com finalidades de prestações de serviços similares, como locação de equipamentos de som, iluminação e estruturação e organização de eventos.

A não apresentação de justificativas suficientes para sanar as impropriedades apontadas, resultou na aplicação de multa ao ex-gestor, que deverá ser quitada em até 30 dias.

O presidente Mario de Mello anunciou a realização da próxima sessão do pleno para o dia 27 de abril, no horário regimental, às 10h.

Icam irregular

As contas de 2017 da ex-presidente do Instituto de Saúde da Criança do Amazonas (Icam), Christianny Costa Sena, também foram julgadas irregulares pelo pleno do TCE, que imputou multa de R$ 18 mil à então gestora.

Dentre as impropriedades apontadas pela Corte de Contas está a ausência de informações no portal E-Contas sobre despesas empenhadas para a manutenção de elevadores, materiais farmacológicos, de expediente e de gênero alimentício, além de materiais hospitalares, de limpeza e eletrônicos.

Leia mais:

Leia mais Dia a Dia

Hortaliças cultivadas no sistema prisional são doadas a instituições

Os produtos orgânicos são cultivados na horta do Centro de Detenção Provisória de Manaus 2 e foram doados a instituições de acolhimento.

23 de julho de 2021

Fiscalização do combustível de veículos da Semed em Humaitá é redobrada

A partir de agora, toda tentativa de abastecimento ilegal deve ser comunicada aos órgãos de controle, a fim de evitar fornecimento em desacordo com o solicitado.

23 de julho de 2021

Cadastro do Auxílio Estadual para trabalhadores da cultura é reaberto

O novo prazo foi determinado em decreto, que também simplifica as regras para o acesso. O valor do benefício é de R$ 600.

23 de julho de 2021

Negligenciada por Arthur, cratera na avenida Brasil será reparada

Segundo o vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta, o problema na via é antigo e foi negligenciado pela última administração, prejudicando uma faixa da pista.

23 de julho de 2021

Prefeitura e gestores tratam sobre a volta das aulas 100% presenciais

A meta da Prefeitura de Manaus é que os alunos do 5º ao 9º ano do ensino fundamental voltem a ter aulas 100% presenciais ainda este ano.

23 de julho de 2021

UBS Luiz Montenegro é entregue em novo endereço no bairro Planalto

Conforme a Prefeitura de Manaus, o endereço original da UBS é no bairro Lírio do Vale, mas o imóvel onde funcionava a unidade de saúde enfrenta problemas estruturais.

23 de julho de 2021

MPF-AM recomenda que 30% da merenda escolar saia da agricultura familiar

O MPF estabelece prazo de 15 dias, contados a partir do recebimento do documento, para prestação das informações sobre as medidas recomendadas.

23 de julho de 2021

UEA ganha prêmio internacional por balsa com recursos anti-Covid

Projeto 'Arapaima Gigas', desenvolvido pelo grupo de estudantes, teria capacidade para levar 300 pessoas de Manaus a Tefé, num percurso de 20 horas.

22 de julho de 2021