fbpx

sábado, 23 de outubro de 2021

Em apenas um mês, Prefeitura recolhe 600 toneladas de lixo da orla dos rios

Prefeito destacou que a administração gasta R$ 300 milhões apenas para a retirada do lixo. Ele garante que se a população fosse consciente, valor iria para outras ações.

6 de setembro de 2021

Compartilhe

As 600 toneladas de resíduos sólidos foram retiradas nos últimos 30 dias de todo o encosto da orla da capital (Foto: Divulgação)

Em 30 dias, a Prefeitura de Manaus retirou do encosto da orla da cidade 600 toneladas de resíduos sólidos. Ontem (5), equipes da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) realizaram o transbordo do montante até o aterro sanitário municipal, localizado no quilômetro 19, da estrada AM–010.

As 600 toneladas de lixo foram retiradas, em sua maioria, dos igarapés que cortam a cidade de Manaus. Garrafas PET destacavam-se entre a maioria dos resíduos sólidos descartados nas águas. O assunto, inclusive, foi abordado pelo titular da Semulsp, que considera o uso das garrafas como logística reversa para quem está em situação de vulnerabilidade.

“São mais de 600 toneladas e muita garrafa PET. A gente aproveita para pedir à população que tenha consciência, afinal, esse PET pode ser dinheiro, pão, açúcar, sal, farinha”, enfatizou o secretário Sabá Reis, referindo-se à tal logística, que é um processo cujo objetivo é a recuperação de valor do objeto, seja econômico, legal, social, logístico, de imagem ou de prestação de serviço.

Ou seja, a garrafa PET, um dos itens que mais polui o meio ambiente, pode ser utilizada de diversas maneiras, como a reciclagem, trazendo retorno para a população, e principalmente não poluindo o rio.

Acompanhando o trabalho do transbordo deste material, o prefeito David Almeida enfatizou a importância da conscientização quanto ao descarte correto de resíduos sólidos. Ele lembrou o alto custo para essa operacionalização, destacando que o valor poderia ser investido em outras áreas da gestão.

“Essas são 600 toneladas de lixo que iriam para o rio Negro e foram recolhidos dos nossos igarapés, pelas equipes da Semulsp. É um dos serviços mais caros da Prefeitura de Manaus. Nós gastamos aproximadamente R$ 300 milhões por ano, só para recolher lixo. Nosso foco agora é uma campanha de conscientização para a população, para não poluirmos os rios e preservarmos nossos mananciais. Com isso, esse valor poderá ser alocado na educação, saúde, transporte, e tantas outras áreas”, disse o prefeito. 

Da Redação, com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Campanha realiza entrega de brinquedos para instituição da zona leste

Campanha “Doe um Brinquedo e Ganhe Sorrisos” realizou entrega de 200 brinquedos para crianças assistidas pelo Instituto Transformando Vidas (ITV), na Colônia Antônio Aleixo.

23 de outubro de 2021

Governo do Amazonas recebe 70.200 doses de vacina contra Covid-19

Doses foram transportadas para armazenamento na Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), onde foram contabilizadas e armazenadas.

23 de outubro de 2021

Tarifa social de água e esgoto beneficia 500 mil pessoas em Manaus

Famílias de baixa renda receberão 50% de desconto no pagamento de suas tarifas junto à empresa Águas de Manaus, em relação à água e esgoto.

23 de outubro de 2021

Estacionamento irregular debaixo de viaduto em Manaus é desativado

Obstruções de calçadas e logradouros públicos correspondem a 50% de todas as notificações da Prefeitura de Manaus feitas de janeiro a setembro de 2021.

22 de outubro de 2021

Veículo, equipamentos e brinquedos são doados a instituição Amar

A Associação oferece oficinas de corte e costura e para a realização dessas atividades foram entregues máquinas de costura reta.

22 de outubro de 2021

Estudo de cores é desenvolvido pela prefeitura para dar viva ao Centro

A exemplo do que foi feito na rua Bernardo Ramos, a Prefeitura de Manaus está montando um skyline, uma proposta de intervenção para a Frei José dos Inocentes.

21 de outubro de 2021

No Amazonas, 58 municípios estão com internações por Covid-19 zeradas

A taxa de ocupação de leitos no interior está entre as mais baixas desde o início da pandemia. Apenas Fonte Boa, Coari e Itacoatiara possuem leitos de Covid-19 ocupados.

20 de outubro de 2021

Centro de Atendimento ao Turista (CAT) é reativado no aeroporto de Manaus

O retorno acontece em três turnos, com estagiários supervisionados e treinados para atender da melhor forma todos os turistas, de domingo a domingo.

20 de outubro de 2021