fbpx

domingo, 14 de agosto de 2022

Crime organizado no Amazonas teve prejuízo de R$ 480 milhões, em 2021

Foram apreendidas pelo menos 20,7 toneladas de drogas, por meio da Operação Hórus, que integra o Programa Nacional de Segurança nas Fronteiras e Divisas (Vigia) no Amazonas.

29 de dezembro de 2021

Compartilhe

(Foto: Tácio Melo/Secom)

Ações de segurança nas áreas de fronteira e divisas no Amazonas desenvolvidas pelo Governo do Estado geraram um prejuízo de mais de R$ 480 milhões ao crime organizado, entre os meses de janeiro e novembro de 2021. Com apoio do Programa Nacional de Segurança nas Fronteiras e Divisas (Vigia), do MJSP, do Governo Federal, as medidas de ação e combate ao crime organizado crescem e dificultam a ações dos grupos no tráfico de drogas e materiais ilícitos pelo estado.

As ações do programa Vigia no Amazonas iniciaram em 2019 e, segundo a SSP-AM, mais de R$ 40 milhões já foram investidos em diárias, equipamentos e viaturas enviados para o Amazonas.

Por meio da Operação Hórus, que integra o programa, foram apreendidas pelo menos 20,7 toneladas de drogas, gerando um prejuízo de R$ 480 milhões ao tráfico. Nestes 11 meses, mais de 580 armas foram apreendidas durante as ações.

Além do apoio com equipamentos e tecnologias de ponta, o Governo Federal também investe no pagamento das diárias de policiais que atuam nessas áreas.

“Desde o início, de que o Governo do Estado aderiu ao programa Vigia, nós podemos falar em investimentos na ordem de R$ 25 milhões. E na parte de custeio, que são diárias, também chega por volta de R$ 25 milhões. Então nós estamos falando ao todo, desde o início do programa, em investimentos em torno de R$ 50 milhões”, afirmou o general Carlos Alberto Mansur, secretário de Estado de Segurança Pública.

Para o coordenador-geral de Fronteiras do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), coronel Saulo de Tarso Sanson, a ação integrada entre os governos garante uma vantagem do Estado em relação ao crime organizado no Amazonas.

“Nós saímos do discurso e fomos para a prática. A integração é uma realidade do Governo Federal com o governo estadual, e essa é a base do programa Vigia, integrar as forças federal, estaduais e municipais e trazer também a fiscalização, a receita e também os órgãos de defesa, para que juntos trabalhemos no combate ao crime transnacional, combater o crime organizado e sangrar as finanças desse crime”, afirmou o coronel.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Daniel Meirelles Pereira toma posse como novo diretor da Anvisa

Até a última quinta-feira (11), Fernandes Pereira ocupava o cargo de secretário-executivo do Ministério da Saúde. Por lei, os mandatos na Anvisa têm duração de cinco anos.

12 de agosto de 2022

Pavimentação da BR-319 tem risco de mais grilagem, apontam documentos

É grande o risco da pavimentação da BR-319 atrair mais grileiros para a região, segundo documentos do Ibama e do material para relatório do EIA/Rima.

11 de agosto de 2022

WhatsApp passa a permitir apagar mensagens após dois dias

A mudança antecipou um pacote de novidades divulgado nesta terça-feira (9) na rede social. Ainda este mês será possível esconder o status online.

10 de agosto de 2022

Obras do Complexo Viário dos anéis Sul e Leste seguem em ritmo acelerado

Para quem mora no entorno das obras dos Aneis Viários Sul e Leste, o projeto representa mais dignidade e progresso para a população e para a cidade de Manaus.

9 de agosto de 2022

Pacote de obras na área da segurança pública no AM chega a R$ 150 milhões

De 2019 a 2022, os recursos para reformas e reparos nas unidades policiais somam cerca de R$ 10 milhões. As obras incluem pintura, troca de fechaduras, parte elétrica, etc.

9 de agosto de 2022

Lei estadual garante visita gratuita a museus e prédios históricos do AM

A gratuidade, segundo a lei, não precisará ser concedida em dias que recaiam sobre feriados nacionais, estaduais ou municipais, ou ainda em ponto facultativo.

9 de agosto de 2022

Festejo de Santo Antônio de Borba agora é Patrimônio Cultural do AM

Festejo de Borba, realizado em junho, movimenta a economia da cidade e teve início em 1756 com eventos organizados por padres jesuítas no interior do Amazonas.

9 de agosto de 2022

Lei Aldir Blanc pode salvar Cultura com a Rouanet desmontada

Lei Aldir Blanc 2 pode recuperar vácuo da Lei Rouanet que foi paralisada no Governo Bolsonaro e democratizar mais o acesso aos recursos pelos trabalhadores da Cultura.

8 de agosto de 2022