fbpx

sábado, 23 de outubro de 2021

70 mil pessoas já receberam doses contra a Covid-19 no viradão

Aproximadamente 150 mil doses da vacina AstraZeneca foram disponibilizadas pela Fundação de Vigilância em Saúde para esta edição do Viradão

29 de agosto de 2021

Compartilhe

Mutirão de vacinação continua até às 18h deste domingo em Manaus (Foto: Reprodução)

Após 25 horas de ação, a 19ª edição do mutirão Vacina Amazonas atingiu a marca de 70 mil pessoas vacinadas contra a Covid-19 em Manaus. O mutirão segue até as 18h deste domingo (29/08) com 109 postos de vacinação distribuídos na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, na primeira etapa do Centro de Convenções Vasco Vasques e no Centro de Convenções Professor Gilberto Mestrinho – Sambódromo de Manaus.

Nesta edição, o Governo do Amazonas, em parceria com a Prefeitura de Manaus, tem como objetivo aplicar a segunda dose da vacina na população acima dos 40 anos que tomou a primeira dose até o dia 28 de junho.

“O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde, disponibilizou 150 mil doses de vacinas para esse mutirão. O viradão está acontecendo, estamos hoje com 70 mil doses de vacinas aplicadas e esperamos, até as 18h, que a população faça a adesão à campanha” reforçou o secretário executivo de assistência da capital, Jani Kenta.

Cerca de 150 mil doses da vacina AstraZeneca foram disponibilizadas pela Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) para esta edição do Vacina Amazonas. Para receber a vacina, é obrigatória a apresentação de documento de identificação original com foto, CPF e o cartão de vacinação com o registro da primeira dose.

A família Guerreiro fez um programa de domingo diferente e compareceu no posto drive-thru da Arena da Amazônia para tomar a segunda dose da vacina.

“Todo mundo da minha família já tomou a primeira dose, e a gente sempre vem junto, a família sempre vem junta. Perdemos muita gente, pessoas importantes, a minha tia, que esperou muito para se vacinar, infelizmente ela não conseguiu tomar. Eu tenho esperança que isso tudo acabe”, emocionou-se Jeniffer Guerreiro, que veio acompanhada do marido, da mãe e do irmão para que todos tomassem a vacina.

Público ampliado – O mutirão Vacina Amazonas ampliou o público de vacinação contra a Covid-19 neste domingo (29/08). Podem completar o esquema vacinal as pessoas que receberam a primeira dose de AstraZeneca até o dia 28 de junho; de CoronaVac até o dia 31 de julho; e de Pfizer até o dia 28 de maio. Além disso, também é possível tomar a primeira dose da vacina, que está sendo aplicada em quem tem mais de 12 anos.

“Temos à disposição tanto a segunda dose e, na oportunidade, caso no grupo familiar tenha uma pessoa que não tomou a vacina, que seja primeira dose, ela também pode estar junto, nesse grupo familiar, recebendo sua vacina na megaestrutura que o Governo está disponibilizado ainda neste domingo, até as 18h”, reforçou o secretário executivo de assistência da capital.

Para receber a segunda dose de qualquer uma das vacinas disponíveis, é necessário apresentar o cartão de vacinação, documento original com foto e CPF. No caso de primeira dose em menores de idade, é preciso estar acompanhado de um responsável e apresentar comprovante de residência (original e cópia), além de documento original com foto e CPF. A mobilização iniciou ontem (28/08) e vai até as 18h deste domingo, com 33 horas ininterruptas de vacinação em três pontos montados pelo Governo do Estado.

Intensificação para público com comorbidades e grávidas – A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) segue fortalecendo suas equipes e estruturas para atender a população com comorbidades, grávidas e puérperas.

“É muito importante que a população entenda a necessidade de se diminuir casos, internações e óbitos. Só tem uma maneira, o fator de proteção é a vacina. Você que tem uma comorbidade, uma intervenção, uma diabetes, ou é uma gestante, ou tem obesidade, é fundamental que você receba sua segunda dose”, finalizou o Jani Kenta.

Estrutura – Na Arena e no Sambódromo são 30 e 28 postos, respectivamente, operando na modalidade drive-thru. No Vasco Vasques, a estrutura é de 51 pontos, na primeira etapa do centro de convenções, para atendimento de pedestres.

Fluxo no complexo – O acesso dos carros à área de vacinação da Arena da Amazônia acontece pela rua Lóris Cordovil e rua Jornalista Flaviano Limongi (via entre a Arena da Amazônia e o Sambódromo) com saída pela avenida Constantino Nery.

Em relação ao Sambódromo, a entrada dos veículos é pela avenida do Samba e também pela avenida Coronel Pedro Teixeira. No Vasco Vasques, a entrada de pedestres é pela avenida Coronel Pedro Teixeira.

Nesta edição, o Governo do Amazonas, em parceria com a Prefeitura de Manaus, tem como objetivo aplicar a segunda dose da vacina na população acima dos 40 anos que tomou a primeira dose até o dia 28 de junho.

“O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde, disponibilizou 150 mil doses de vacinas para esse mutirão. O viradão está acontecendo, estamos hoje com 70 mil doses de vacinas aplicadas e esperamos, até as 18h, que a população faça a adesão à campanha” reforçou o secretário executivo de assistência da capital, Jani Kenta.

Cerca de 150 mil doses da vacina AstraZeneca foram disponibilizadas pela Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) para esta edição do Vacina Amazonas. Para receber a vacina, é obrigatória a apresentação de documento de identificação original com foto, CPF e o cartão de vacinação com o registro da primeira dose.

A família Guerreiro fez um programa de domingo diferente e compareceu no posto drive-thru da Arena da Amazônia para tomar a segunda dose da vacina.

“Todo mundo da minha família já tomou a primeira dose, e a gente sempre vem junto, a família sempre vem junta. Perdemos muita gente, pessoas importantes, a minha tia, que esperou muito para se vacinar, infelizmente ela não conseguiu tomar. Eu tenho esperança que isso tudo acabe”, emocionou-se Jeniffer Guerreiro, que veio acompanhada do marido, da mãe e do irmão para que todos tomassem a vacina.

Público ampliado – O mutirão Vacina Amazonas ampliou o público de vacinação contra a Covid-19 neste domingo (29/08). Podem completar o esquema vacinal as pessoas que receberam a primeira dose de AstraZeneca até o dia 28 de junho; de CoronaVac até o dia 31 de julho; e de Pfizer até o dia 28 de maio. Além disso, também é possível tomar a primeira dose da vacina, que está sendo aplicada em quem tem mais de 12 anos.

“Temos à disposição tanto a segunda dose e, na oportunidade, caso no grupo familiar tenha uma pessoa que não tomou a vacina, que seja primeira dose, ela também pode estar junto, nesse grupo familiar, recebendo sua vacina na megaestrutura que o Governo está disponibilizado ainda neste domingo, até as 18h”, reforçou o secretário executivo de assistência da capital.

Para receber a segunda dose de qualquer uma das vacinas disponíveis, é necessário apresentar o cartão de vacinação, documento original com foto e CPF. No caso de primeira dose em menores de idade, é preciso estar acompanhado de um responsável e apresentar comprovante de residência (original e cópia), além de documento original com foto e CPF. A mobilização iniciou ontem (28/08) e vai até as 18h deste domingo, com 33 horas ininterruptas de vacinação em três pontos montados pelo Governo do Estado.

Intensificação para público com comorbidades e grávidas – A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) segue fortalecendo suas equipes e estruturas para atender a população com comorbidades, grávidas e puérperas.

“É muito importante que a população entenda a necessidade de se diminuir casos, internações e óbitos. Só tem uma maneira, o fator de proteção é a vacina. Você que tem uma comorbidade, uma intervenção, uma diabetes, ou é uma gestante, ou tem obesidade, é fundamental que você receba sua segunda dose”, finalizou o Jani Kenta.

Estrutura – Na Arena e no Sambódromo são 30 e 28 postos, respectivamente, operando na modalidade drive-thru. No Vasco Vasques, a estrutura é de 51 pontos, na primeira etapa do centro de convenções, para atendimento de pedestres.

Fluxo no complexo – O acesso dos carros à área de vacinação da Arena da Amazônia acontece pela rua Lóris Cordovil e rua Jornalista Flaviano Limongi (via entre a Arena da Amazônia e o Sambódromo) com saída pela avenida Constantino Nery.

Em relação ao Sambódromo, a entrada dos veículos é pela avenida do Samba e também pela avenida Coronel Pedro Teixeira. No Vasco Vasques, a entrada de pedestres é pela avenida Coronel Pedro Teixeira.

Texto: Com informações da SECOM

Leia mais:

Leia mais Dia a Dia

Estacionamento irregular debaixo de viaduto em Manaus é desativado

Obstruções de calçadas e logradouros públicos correspondem a 50% de todas as notificações da Prefeitura de Manaus feitas de janeiro a setembro de 2021.

22 de outubro de 2021

Veículo, equipamentos e brinquedos são doados a instituição Amar

A Associação oferece oficinas de corte e costura e para a realização dessas atividades foram entregues máquinas de costura reta.

22 de outubro de 2021

Estudo de cores é desenvolvido pela prefeitura para dar viva ao Centro

A exemplo do que foi feito na rua Bernardo Ramos, a Prefeitura de Manaus está montando um skyline, uma proposta de intervenção para a Frei José dos Inocentes.

21 de outubro de 2021

No Amazonas, 58 municípios estão com internações por Covid-19 zeradas

A taxa de ocupação de leitos no interior está entre as mais baixas desde o início da pandemia. Apenas Fonte Boa, Coari e Itacoatiara possuem leitos de Covid-19 ocupados.

20 de outubro de 2021

Centro de Atendimento ao Turista (CAT) é reativado no aeroporto de Manaus

O retorno acontece em três turnos, com estagiários supervisionados e treinados para atender da melhor forma todos os turistas, de domingo a domingo.

20 de outubro de 2021

Cetam vai atender 9 mil alunos por ano em nova unidade da Zona Norte

Como parte do pacote de entregas do governador Wilson Lima para celebrar o aniversário de Manaus, foi inaugurada hoje (20) a primeira unidade do Cetam da Zona Norte.

20 de outubro de 2021

Você sabe o que é canabidiol? RT1 explica e mostra leitores favoráveis ao uso

O CBD é uma substância que atua no sistema nervoso central e que apresenta potencial terapêutico para o tratamento de algumas doenças.

19 de outubro de 2021

Após 4 anos, vítima de sequestro internacional retorna ao Amazonas

Criança foi levada de Tabatinga, no Oeste do Amazonas, pelo pai até o Peru. O retorno para os braços da mãe do ocorreu após incansáveis quatro anos de buscas.

19 de outubro de 2021