fbpx

sábado, 29 de janeiro de 2022

‘Arte Sem Fronteiras’ confirma presença no Festival de Dança de Joinville

O Arte Sem Fronteiras levantará bandeira em prol da cultura popular amazônica. As coreografias foram montadas pelo produtor cultural e fundador da companhia, Wilson Júnior.

30 de agosto de 2021

Compartilhe

(Foto: Dheyson Lima/Arte Sem Fronteiras)

A Instituição Cultural Arte Sem Fronteiras confirmou presença na 38ª edição do Festival de Dança de Joinville, em Santa Catarina, após participar de um processo seletivo. O grupo vai apresentar 11 coreografias no festival, sendo quatro em palco principal e sete em palco aberto.

As coreografias foram montadas pelo produtor cultural e fundador da companhia, Wilson Júnior, e conta com 40 pessoas, entre bailarinos, técnicos e acompanhantes. Em 2021, o evento será realizado de 5 a 16 de outubro em formato híbrido, com eventos presenciais e virtuais, devido à pandemia da Covid-19.

Segundo o coreógrafo Wilson Júnior, o processo de criação das coreografias precisou passar por algumas adaptações, mas isso não diminuiu a vontade da companhia em buscar mais uma participação no festival.

“A pandemia tem sido um grande desafio para o Arte Sem Fronteiras. Nós fizemos algumas mudanças em nosso local de ensaio para receber os bailarinos, por exemplo, uso obrigatório de máscara, álcool em gel e cada um precisou trazer seu material de higiene. Não foi fácil, mas conseguimos superar essas adversidades. Vamos representar o Amazonas em Joinville e temos certeza que voltaremos com grandes vitórias”, disse.

Além de levar coreografias de boi-bumbá e carimbó, em defesa da cultura popular, o Arte Sem Fronteiras terá participação especial do Corpo de Dança de Maués (CDM) e do grupo Porantim na apresentação de um espetáculo sobre a lenda do guaraná, uma das histórias mais famosas da Amazônia.

Ambos os grupos somam participações no Festival Folclórico de Parintins, o CDM pelo Boi Caprichoso e o Porantim pelo Boi Garantido. A coreografia foi montada Djalma Cardoso, em parceria com Jucy Cardoso, e teve supervisão geral de Wilson Júnior.

Ajuda e valorização

O Arte Sem Fronteiras vai promover o concurso Majestade Junina Solidária com o objetivo de conseguir recursos para custear a viagem dos bailarinos para Joinville. O evento vai acontecer na sede do Rio Negro Clube, localizado na avenida Epaminondas, bairro Centro, zona Sul de Manaus.

A realização do evento é fruto de uma parceria do Arte Sem Fronteiras com a União Amazonense de Quadrilhas Juninas (UNAQJ) e da União Amazonense Folclore na Veia, e tem incentivo da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (SEC) do Amazonas.

O evento será transmitido internacionalmente pelo Facebook e no canal oficial do YouTube da União Amazonense Folclore na Veia junto com o Toronto Brazilfest. Wilson Júnior também reitera que o concurso é uma forma de valorizar as aulas de rainhas e damas juninas, promovidas pela instituição.

“As aulas de rainhas e damas juninas é uma nova etapa do Arte Sem Fronteiras. A ideia é aperfeiçoar as alunas com ensinamentos de jazz e dança contemporânea para que elas possam fazer uma excelente apresentação, independente do evento que se apresentarem. E claro, vamos levar uma coreografia com essa mesma temática para o Festival de Dança de Joinville”, explica.

Para mais informações, entrar em contato pelos números (92) 98130-6571 e (92) 98491-6245.

Sobre o Arte Sem Fronteiras

A Instituição Cultural Arte Sem Fronteiras como um projeto social, aos poucos ganhou reconhecimento artístico e hoje tornou-se uma referência em dança no Amazonas. O grupo trabalha estilos de dança como balé, jazz, jazz funk, contemporâneo, populares (boi-bumbá, carimbó e afro) e baby class.

Ao longo de sua trajetória, o Arte Sem Fronteiras coleciona participações em diversos eventos, entre eles: o Festival Folclórico de Parintins, Festival Folclórico do Amazonas, o Toronto International Brazilfest, no Canadá, o Festival de Dança do Amazonas e o Festival da Cultura Brasileira em Viena, na Áustria, além do Festival de Dança de Joinville.

Com a supervisão coreográfica de Wilson Júnior, o Arte Sem Fronteiras trabalhou ao lado de artistas como James Rios, Márcia Siqueira, Klinger Araújo (In memoriam), Lucilene Castro e esteve em 2018 e 2019 com o Boi Bumbá Caprichoso.

Confira a lista de coreografias para o festival

• Erveiras da Amazônia – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• Wat’Amã – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• O rito sagrado Zulu – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• A saga de Lampião e Maria Bonita – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• Lavadeiras – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• Jurema – filhas de Tupinambá (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• (Gambá) Nos cortejos de Santo Antônio – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• A cor do meu folclore é a cor do meu país – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior)
• A lenda do guaraná – (CDM e Porantim/Djalma Santos)
• São João tá diferente? Tá melhor! – (Arte Sem Fronteiras/Wilson Júnior).

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Comportamento

10 receitas vegetarianas e veganas para você preparar no Natal e Ano Novo

Freeletics Nutrition elaborou pratos para quem quer celebrar as festas de fim de ano sem comer carne e de maneira saudável

21 de dezembro de 2021

O Boticário lança legenda para acessibilidade olfativa nas redes sociais

Iniciativa idealizada pela W3haus, a #QueCheiroTem traz descrições que ajudam a comunidade da marca a “sentir” as fragrâncias por meio das redes sociais.

20 de dezembro de 2021

Arquidiocese de Manaus divulga calendário para Natal e Ano Novo

Celebrações e missas solenes vão marcar o nascimento de Jesus, a Sagrada Família e o dia em honra de Santa Maria Mãe de Deus.

18 de dezembro de 2021

Chef de cozinha dá dicas de ceia de Natal com ingredientes amazônicos

Pirarucu à portuguesa, farofa de banana pacovã e arroz caboquinho são pratos que vão agradar a todos e por um preço bem camarada.

18 de dezembro de 2021

Presépio flutuante inicia visita às comunidades ribeirinhas hoje

A balsa irá passar em diversas comunidades da zona ribeirinha, levando brinquedos e o encanto do Natal. Nesta quinta-feira, a embarcação segue para a primeira viagem.

16 de dezembro de 2021

Ingestão de sucos pode ajudar na recuperação da ressaca pós-confras

Entre os sucos indicados estão os de abacaxi, beterraba, melancia, melão, maçã e morango, de acordo com a nutricionista.

15 de dezembro de 2021

Estudo revela desigualdades no acesso a tratamento do câncer de mama

De acordo com estudo realizado pela Fundação do Câncer, as pacientes do SUS chegam ao tratamento em estádios mais avançados do que as pacientes do setor privado.

15 de dezembro de 2021

Músico amazonense assina trilha sonora de ‘Um presente para o Natal’

Público pode conhecer o musical assinado por César Lima no espetáculo que é apresentado, diariamente, até o dia 23 de dezembro, no Teatro Amazonas, com sessões às 20h.

15 de dezembro de 2021