fbpx

segunda, 08 de agosto de 2022

Opositores fingem desconhecer diferença entre réu e condenado

O fato de que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) acatou a denúncia que torna réu o governador Wilson Lima (PSC) no caso da compra de respiradores...

21 de setembro de 2021

Compartilhe

O fato de que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) acatou a denúncia que torna réu o governador Wilson Lima (PSC) no caso da compra de respiradores – como a coluna já havia antecipado – se tornou um prato cheio para seus opositores. Falta, entretanto, honestidade intelectual em muitas das críticas feitas ao governador. A admissibilidade da denúncia não significa condenação. Um réu pode perfeitamente ser absolvido e sair sem culpa do processo. Os opositores do governador, entretanto, se arvoram a magistrados informais e dão o chefe do executivo por condenado.

___

QUEM É SUJO E QUEM É MAL LAVADO?

Na internet, o senador Eduardo Braga (MDB) recebeu muitas críticas ao tentar ganhar dividendos eleitorais comentando a decisão do STJ. Um internauta comentou: “Falou o político mais honesto do Amazonas!”. O comentário do webnauta coincide com a opinião de analistas e cientistas políticos com que a coluna falou: o episódio suscita alguns questionamentos. Em seus 40 anos de carreira política, Amazonino Mendes (sem partido) nunca cometeu um pecadilho sequer? Amazonino é mais honesto que Wilson Lima? Eduardo Braga é mais honesto que Wilson Lima? Amazonino é mais honesto que Eduardo Braga?

___

NINGUÉM PASSOU INCÓLUME

A verdade é que na história política recente do Amazonas, nenhum deles ficou livre de acusações, ou até mesmo de se tornar réu perante a Justiça. Todos cometeram equívocos e erros. E, sejamos justos, o que a maioria sempre conseguiu foi escapar das garras da Justiça até agora, mas não sem ser acusado de desvios e de corrupção. O exercício do poder no Amazonas sempre tem tangenciado as práticas mais perigosas na gestão pública.

___

PRÉ-CAMPANHAS E AS VELHAS PRÁTICAS

Um bom exemplo dessas práticas pouco ortodoxas pode ser observado na pré-campanha ao Governo do Estado, que já veleja de vento em popa. Resguardados pelas regras eleitorais vigentes, os pré-candidatos têm experimentado uma novidade: o tempo de campanhas em si ficou bem mais curto, mas as novas regras permitem pré-campanhas muito mais explícitas e pré-candidatos como Amazonino Mendes e Eduardo Braga têm aproveitado bastante as novas regras fazendo “resgate” de seus feitos em administrações anteriores.

___

QUEM FISCALIZA?

Pré-campanhas tão permissivas – só não pode pedir voto, mas até dizer que pretende ser candidato pode – trazem alguns problemas. Primeiro, privilegiam quem tem maior poder econômico. Pré-candidatos mais ricos têm possibilidade maior de contratar equipes, produtoras e equipamentos para fazer pré-campanhas mais atrativas e competentes. Outra questão que vem à baila é quem paga e quem fiscaliza esses gastos. Um pré-candidato pode, por exemplo, gastar R$ 500 mil por mês em pré-campanha e o eleitor nunca saberá de onde veio esse dinheiro e nem mesmo que ele foi gasto.

___

NÃO VEM

Falando em pré-campanhas e equipes, ao que tudo indica, o marqueteiro Marcos Martinelli, após cinco eleições consecutivas, não vai participar da campanha de 2022 no Amazonas. Desde 2016, quando comandou a campanha de reeleição de Arthur Neto (PSDB) à Prefeitura de Manaus, Martinelli participou de todas. Em 2017, esteve com Amazonino na campanha para o mandato-tampão do governo; em 2018, comandou novamente a campanha do “Negão” ao governo, em que Wilson Lima foi eleito; e em 2020, de novo, tentou levar Amazonino para a prefeitura, mais uma vez sendo derrotado. E 2022, não despertou o interesse de nenhum pré-candidato até agora.

___

SILAS E BOLSONARO

Entre os deputados federais que mais se encontraram com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desde o começo do governo dele até esta segunda-feira (20), o deputado federal Silas Câmara (Republicanos) está em 11° lugar, com 19 encontros oficiais registrados. O levantamento foi feito pelo site Poder 360. Presidente da Frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional, Silas já até ofereceu um almoço em sua residência em Brasília para o presidente.

___

LUTA DOS PCDS

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, realizará, nesta terça-feira (21), uma programação alusiva ao Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, na Biblioteca Braille do Amazonas, com ações que envolvem casamento coletivo e lançamento de livros em Braille. A biblioteca fica localizada no Bloco C do Centro de Convenções Prof. Gilberto Mestrinho (Sambódromo). No Portal da Cultura (www.cultura.am.gov.br) também será lançado o projeto “Cultura Acessível para Todos”.

___

FOTO AMAZONENSE EM SP

Em cartaz no Museu Afro Brasil, em São Paulo, a exposição “Terra em Transe”, a partir de agora, conta com a participação do fotógrafo amazonense Michael Dantas. Com curadoria de Diógenes Moura, a mostra tem, ao todo, 60 profissionais de diferentes estados do País e mais de 600 imagens reunidas. Segundo Michael Dantas, o curador Diógenes Moura fez contato com ele depois da publicação de uma foto no jornal Correio Brasiliense, em 2020, na primeira onda da pandemia de Covid-19.

Leia mais a Coluna TEMPOREAL

PC-AM abre inscrições de concurso para peritos, investigadores e escrivães

Os salários para escrivão e investigador são de R$ 12.948,78. Para perito criminal, perito legista e perito odontolegista o valor sobe para R$ 16.237,85.

3 de janeiro de 2022

Concurso para delegado da Polícia Civil prevê salário inicial de R$ 20 mil

As provas objetiva e discursiva serão realizadas nos municípios de Coari, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Manaus, Parintins, Tabatinga e Tefé.

3 de janeiro de 2022

Segurança recebe equipamentos e 1,6 mil PM’s são promovidos nesta quarta

Os veículos e equipamentos a serem entregues por Wilson Lima na noite de hoje fazem parte do programa Amazonas Mais Seguro, coordenado pela Secretaria de Segurança Pública.

22 de dezembro de 2021

Prefeitura divulga edital do concurso da Semsa no dia 27 de dezembro

Há vagas para médico, enfermeiro, cirurgião-dentista, farmacêutico, nutricionista, psicólogo, assistente social, fiscais de saúde, técnico em enfermagem, entre outros.

22 de dezembro de 2021

Concurso da PC-AM tem 300 vagas para peritos, investigadores e escrivães

Os salários para escrivão e investigador são de R$ 12.948,78. Para perito criminal, perito legista e perito odontolegista o valor sobe para R$ 16.237,85. Confira o edital!

20 de dezembro de 2021

Edital de concurso para delegado da Polícia Civil do Amazonas é publicado

Os candidatos a uma das 62 vagas para o cargo de delegado terão pela frente duas fases com várias etapas de classificação e eliminação. O salário é de mais de R$ 20 mil.

17 de dezembro de 2021

Edital do concurso da Polícia Civil é lançado no Amazonas com 362 vagas

Vagas são para delegado, investigador, escrivão, perito, médico legista e odontolegista, além de cadastro de reserva. Provas objetivas e discursivas ocorrem em abril de 2022.

17 de dezembro de 2021

Servidores estaduais vão receber salário de dezembro nos dias 20 e 21

O benefício atende 117 mil servidores do Amazonas. Com a medida, serão injetados na economia do estado R$ 383 milhões antes das festas de Natal e Ano Novo.

15 de dezembro de 2021