fbpx

segunda, 08 de agosto de 2022

Convocação de Péricles e Fausto é reforço à narrativa governista na CPI

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

16 de junho de 2021

Compartilhe

Na queda de braço que se instaurou na CPI da Covid entre oposicionistas de um lado e governistas do outro, a aprovação da convocação dos deputados estaduais Delegado Péricles (PSL) e Fausto Júnior (MDB) – este recentemente cooptado pelo senador Eduardo Braga para depor a favor da narrativa contra os governadores – deverão apresentar o resultado da CPI da Saúde realizada na Assembleia Legislativa do Amazonas, cujo desfecho a população amazonense desconhece.

___

INTERESSES COMUNS

Quando o assunto da CPI é Governo do Amazonas, aliás, os interesses de senadores independentes e governistas se confundem. O senador Eduardo Braga (MDB), por exemplo, não poupa esforços para imputar culpas no governador Wilson Lima (PSC), seu virtual adversário nas eleições de 2020. A intenção de Braga é tão evidente que ele já chegou a ser incluído no grupo dos bolsonaristas por um site nacional de notícias. O senador nega. Mas foi um dos principais articuladores, diz-se nos bastidores, para a convocação de Péricles e Fausto.

___

MARCELLUS IRRECONHECÍVEL

Surpreendeu a todos, e em especial à equipe que o ajudou no levantamento de dados, o desempenho do ex-secretário Marcellus Campêlo na CPI. Conhecido por sua seriedade e competência, Marcellus se mostrou apático diante dos ataques que sofreu. Nos bastidores da CPI, senadores observaram que o ex-secretário Marcellus Campêlo deveria estar sob efeito de medicação, devido à sua dificuldade de raciocinar e até de respirar em determinados momentos. Após ter passado dez dias fazendo um curso intensivo de treinamento, o ex-secretário estava catatônico e desorientado, a ponto de tirar sua advogada do sério diante do desempenho pífio. Tinha as respostas mas não conseguia concatenar as ideias.

___

PRESIDENTE ‘OUVE O COMPADRE’

Omar Aziz (PSD) afirmou que é vítima sistemática de ataques por parte do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O senador disse que o presidente não o conhece, nunca esteve com ele, mas dirige ataques a ele por “ouvir o compadre”. O compadre em questão é, na verdade, o afilhado de casamento de Bolsonaro, Alfredo Menezes (Patriota), que saiu com uma péssima imagem ao deixar a superintendência da Suframa e seria um dos coordenadores da milícia bolsonarista no Amazonas.

___

RETORNO ARREPENDIDO

Em seu retorno ao plenário da Aleam, após gozar de licença-maternidade, a deputada estadual Joana Darc (PL) pediu desculpas pela declaração que deu na ocasião em que houve a eleição antecipada – por meio de emenda à Constituição – do deputado Roberto Cidade (PV) para a presidência da Casa Parlamentar. Joana afirmou, à época, que deputados haviam recebido R$ 200 mil para votar em Cidade. A afirmação rendeu a Joana um processo de cassação na Comissão de Ética da Aleam. O pedido de desculpas é uma tentativa de colocar uma pá de cal no assunto.

___

VACINAÇÃO DE LACTANTES

Joana Darc, que continua líder do governo na Aleam, está fazendo uma campanha junto ao Governo do Estado para a inclusão de lactantes no grupo prioritário de vacinação no Amazonas. A deputada também ajuizou uma ação na Justiça Federal para a inclusão do grupo. Outra causa a que tem se dedicado a deputada é à liberdade das lactantes para amamentar seus filhos a qualquer hora e lugar. Não por acaso, levou seu filho ao plenário da Aleam em seu retorno ao trabalho.

___

‘RALHO’ NOS COLEGAS

A dificuldade em se obter o quórum necessário para proceder as votações na Aleam fez com que o deputado Cabo Maciel (PL) sugerisse ao presidente Roberto Cidade (PV) que a pauta fosse invertida para que as PECs (Propostas de Emenda à Constituição) fossem votadas primeiro, antes que o número mínimo de 13 dos 24 deputados diminuísse e impossibilitasse as votações. Cidade respondeu com um “ralho” nos deputados, afirmando que as matérias teriam de ser votadas e que todos deveriam permanecer até o final da sessão. Escolher as pautas a serem votadas é mais um mau exemplo dado pela Assembleia Legislativa do Amazonas à população.

___

TAMBÉM QUERO

O deputado estadual Adjuto Afonso (PDT) fez um apelo à empresa Azul Linhas Aéreas para inserir o município de Boca do Acre na expansão das operações da companhia, que vai abranger oito municípios amazonenses. Para o parlamentar, que tem na região um de seus fortes redutos eleitorais, é fundamental a inserção do município por conta das dificuldades de logística dos moradores. Adjuto nasceu em Pauini, município vizinho a Boca do Acre.

___

DENÚNCIA DE FRAUDE NA COTA

Secretaria Nacional de Mulheres do PT protocolizou no Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) denúncias de fraude em cota de gênero por três partidos no Estado nas eleições de 2020. São três notícias-crime segundo as quais o Partido Verde (PV) e o Republicanos teriam inscrito duas candidatas-laranjas cada, e o Partido Trabalhador Cristão (PTC) uma candidata. Nenhuma das candidatas mencionadas recebeu mais de 4 votos nas eleições passadas.

___

VEIO O REPIQUETE

Depois de retroceder um centímetro, chegando a 29 metros e 99 centímetros e permanecendo nesta cota por dois dias, o rio Negro apresentou o já previsto fenômeno do repiquete. Subiu três centímetros em 24 horas e atingiu a nova marca recorde de 30 metros e 2 centímetros.

Leia mais a Coluna TEMPOREAL

PC-AM abre inscrições de concurso para peritos, investigadores e escrivães

Os salários para escrivão e investigador são de R$ 12.948,78. Para perito criminal, perito legista e perito odontolegista o valor sobe para R$ 16.237,85.

3 de janeiro de 2022

Concurso para delegado da Polícia Civil prevê salário inicial de R$ 20 mil

As provas objetiva e discursiva serão realizadas nos municípios de Coari, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Manaus, Parintins, Tabatinga e Tefé.

3 de janeiro de 2022

Segurança recebe equipamentos e 1,6 mil PM’s são promovidos nesta quarta

Os veículos e equipamentos a serem entregues por Wilson Lima na noite de hoje fazem parte do programa Amazonas Mais Seguro, coordenado pela Secretaria de Segurança Pública.

22 de dezembro de 2021

Prefeitura divulga edital do concurso da Semsa no dia 27 de dezembro

Há vagas para médico, enfermeiro, cirurgião-dentista, farmacêutico, nutricionista, psicólogo, assistente social, fiscais de saúde, técnico em enfermagem, entre outros.

22 de dezembro de 2021

Concurso da PC-AM tem 300 vagas para peritos, investigadores e escrivães

Os salários para escrivão e investigador são de R$ 12.948,78. Para perito criminal, perito legista e perito odontolegista o valor sobe para R$ 16.237,85. Confira o edital!

20 de dezembro de 2021

Edital de concurso para delegado da Polícia Civil do Amazonas é publicado

Os candidatos a uma das 62 vagas para o cargo de delegado terão pela frente duas fases com várias etapas de classificação e eliminação. O salário é de mais de R$ 20 mil.

17 de dezembro de 2021

Edital do concurso da Polícia Civil é lançado no Amazonas com 362 vagas

Vagas são para delegado, investigador, escrivão, perito, médico legista e odontolegista, além de cadastro de reserva. Provas objetivas e discursivas ocorrem em abril de 2022.

17 de dezembro de 2021

Servidores estaduais vão receber salário de dezembro nos dias 20 e 21

O benefício atende 117 mil servidores do Amazonas. Com a medida, serão injetados na economia do estado R$ 383 milhões antes das festas de Natal e Ano Novo.

15 de dezembro de 2021