fbpx

terça, 26 de janeiro de 2021

Reviravoltas na Aleam desenham uma nova configuração na Casa

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

15 de dezembro de 2020

Compartilhe

A Assembleia Legislativa do Amazonas termina 2020 com uma configuração política totalmente diferente da que apresentou durante este ano. A formação de um blocão de 16 deputados aponta para uma mudança no cenário político na da casa legislativa estadual. A maioria dos deputados reunidos no novo bloco político denominado por Josué Neto como “um por todos e todos por um” se rebelou para formar essa nova configuração. Ainda não se sabe, no entanto, se continuarão a fazer oposição sistemática ao Governo do Estado, a exemplo de Wilker Barreto e Dermilson Chagas, ambos do Podemos.

___

JOSUÉ PAZ E AMOR DE OLHO NO TCE

De Josué Neto, que anunciou na manhã desta terça sua filiação ao Patriota, espera-se que adote uma postura um pouco menos agressiva em relação ao Governo do Estado. Afinal, sua aspiração atual é vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), que depende de uma canetada do governador. A dupla agressiva que formava com Fausto Júnior no PRTB, aliás, teria sido desfeita por um movimento estratégico do governador Wilson Lima, que colocou os aliados Nilmar Oliveira e Rodrigo Lima no comando estadual e municipal do partido, respectivamente.

___

MIGRAÇÃO

A única saída possível para Josué Neto e Fausto Júnior, que até então tinham o PRTB para chamar de seu, foi trocar de partido. Bolsonarista entusiasta, Josué Neto foi para o Patriota, que tem sido apontado como o partido ao qual o presidente Jair Bolsonaro se filiará para concorrer à reeleição, com o fracasso na tentativa de criar o seu Aliança pelo Brasil.

___

FAUSTO JÚNIOR NO MDB

Já Fausto Júnior está indo para o MDB, de Eduardo Braga, assumindo a liderança do partido na Aleam. O comunicado anunciando-o como líder do partido na Casa foi encaminhado pelo secretário geral do MDB no Amazonas, Miguel Capobiango Neto e lido na Tribuna da Aleam por Josué Neto.

___

POLÍTICA DA BOA VIZINHANÇA

Após o anúncio de que o deputado estadual Fausto Júnior saiu do PRTB e assumiu o lugar de Alessandra Campêlo como líder do MDB na Assembleia, a deputada deu boas-vindas ao novo colega de partido e disse que o parlamentar vai dar uma grande contribuição ao MDB com sua juventude. “Espero que vossa excelência seja muito feliz no partido”, disse a deputada.

___

ESPECULAÇÃO

Com a troca da liderança do MDB na Aleam, especula-se que Alessandra Campêlo deve sair do partido. Há quem diga que vai para o PSC do governador Wilson Lima. É bom lembrar, contudo, que a janela partidária, que permite a troca de partido sem maiores traumas e desavenças, só ocorre em fevereiro de 2022.

___

COMBATE À DEPRESSÃO NA ALEAM

Nesta terça-feira (15), a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) instituiu a Frente Parlamentar de Combate à Depressão, ao Suicídio e à Automutilação mediante aprovação e promulgação do Projeto de Resolução Legislativa nº 65/2019. De autoria do deputado estadual João Luiz (Republicanos), a proposta teve pareceres favoráveis da Mesa Diretora e das comissões de Constituição, Justiça e Redação; de Assuntos Econômicos e de Saúde e Previdência.

___

O NOVO NORMAL NO TJ

Embora estejam há meses participando de sessões virtuais, membros do pleno do TJ-AM (Tribunal de Justiça do Amazonas) ainda têm dificuldades operacionais com julgamentos online. Durante a eleição para membro substituto do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas na classe dos advogados, o desembargador Cláudio César Ramalheira Roessing explicou aos colegas, após o presidente do TJ-AM, Domingos Chalub, cobrar o voto dos magistrados, que “basta apertar no chat e abre o link” para votação.

___

IMPEDIMENTO TECNOLÓGICO

Chalub, replicou: “Todo mundo sabe votar. Não sabe quem é o nome”. Roessing retrucou dizendo que estava recebendo mensagens de colegas que não estavam conseguindo acessar a página de votação. Apesar de estar na sessão, o desembargador Paulo Cesar Caminha e Lima não votou por dificuldades técnicas. “Pode prosseguir sem mim porque esse negócio de senha é complicado logar”, declarou o magistrado durante a sessão.

Veja mais notícias

Mais de 83 mil EPIs são enviados para o interior do Amazonas

Ambas as cidades contaram ainda com 1.350 testes rápidos para detecção da Covid-19, além de medicamentos e materiais hospitalares, encaminhados nesse domingo (25).

25 de janeiro de 2021

Detran-AM suspende todas as atividades presenciais até final de janeiro

Nesse período, somente a fiscalização de trânsito, a perícia de acidentes de trânsito e os serviços de liberação de veículos removidos irão funcionar.

25 de janeiro de 2021

Veículos que chegam a Manaus passam por sanitização

Como mais uma medida para conter o avanço da Covid-19 em Manaus, a Prefeitura instalou barreiras de sanitização na AM-010, BR-174 e na ponte Rio Negro.

25 de janeiro de 2021

Parintins deve retomar aulas remotas na rede municipal

O programa “Aprendendo em casa nas ondas do rádio” foi implantado em abril, para não deixar de assistir os alunos na pandemia da Covid-19.

24 de janeiro de 2021

Central Integrada de Fiscalização vistoria sete estabelecimentos

Três bares foram flagrados funcionando, mas sem aglomeração, e os proprietários foram orientados a fechar o local.

23 de janeiro de 2021

Governo alinha critérios de vacinação dos trabalhadores da saúde

A expectativa é de que a imunização contra Covid-19 nos hospitais retorne ainda nesta sexta-feira (22) em 27 unidades, após a validação das propostas apresentadas.

22 de janeiro de 2021

Polícia prende 63 pessoas em bares clandestinos na zona Leste

A prisão aconteceu em cumprimento ao decreto governamental que proíbe a circulação e aglomeração de pessoas das 19h às 6h, devido à pandemia da Covid-19.

22 de janeiro de 2021

TSE suspende consequências para quem não votou nas eleições de 2020

Medida considera “que a persistência e o agravamento da pandemia da Covid-19 no país impõem aos eleitores que não compareceram à votação nas eleições".

22 de janeiro de 2021