fbpx

terça, 20 de abril de 2021

MPF quer devolução da taxa de cancelamento cobrada pela aérea Azul

MPF recomenda a devolução de taxa de cancelamento pela Azul, além determinar paralisação da cobrança desse valor aos clientes.

10 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Cobrança de taxa de cancelamento teve registro em Tabatinga/AM (Foto: Reprodução)

Em procedimento administrativo, o Ministério Público Federal (MPF) recomenda à empresa Azul Linhas Aéreas que deixe de cobrar taxa de cancelamento de passagens aéreas de voos com datas entre 19 de março de 2020 e 31 de outubro de 2021.

A lei nº 14.034/20, que teve o prazo de vigência prorrogado até outubro deste ano, assegura que os passageiros podem solicitar os créditos correspondentes ao valor da passagem aérea, sem incidência de taxa de cancelamento.

Cobrança ocorre em Tabatinga/AM

Em procedimento administrativo instaurado em Tabatinga/AM, o MPF constatou que a Azul Linhas Aéreas cobrou indevidamente taxa de cancelamento de consumidores que adquiriram voos com datas de início entre 19 de março de 2020 e 31 de outubro de 2021.

A própria empresa emitiu “Declarações de Cancelamento de Reserva” para alguns desses clientes, confirmando que foi cobrado dos consumidores a taxa de cancelamento no valor de R$ 150 por pessoa e por trecho, de voos com datas de início entre 19 de março de 2020 e 31 de outubro de 2021.

Prazo para devolver taxa de cancelamento

A recomendação do MPF prevê ainda que a companhia aérea promova o ressarcimento de todos os clientes que foram cobrados indevidamente pela taxa de adiamento, no prazo de cinco dias, comunicando-os da devolução dos créditos.

A Azul Linhas Aéreas deve também informar, no site da empresa na internet, no aplicativo e nos demais canais de venda da empresa, a ausência de cobrança de taxas para cancelar voos com datas de início entre 19 de março de 2020 e 31 de outubro de 2021, quando solicitado pelos consumidores, desde que requeiram o reembolso em créditos a serem utilizados em até 18 meses, contados de seu recebimento.

O MPF destaca que todos os atendentes da companhia aérea devem ser adequadamente orientados sobre a irregularidade da cobrança de tarifa de cancelamento de voos nas condições previstas pela lei nº 14.034/20, devendo informar aos consumidores as regras e proceder imediatamente ao ressarcimento dos créditos.

Leia mais:

Leia mais sobre Cidades

Adaf implanta internet via satélite em 51 unidades do Amazonas

A Adaf iniciou, na última semana, a implantação de internet via satélite em 51 Unidades de Sanidade Animal e Vegetal (Ulsavs) no interior do Amazonas.

19 de abril de 2021

Cultura abre nova chamada para adequação de propostas da Lei Aldir Blanc

A medida é voltada para os projetos que precisam de alterações devido aos decretos governamentais para enfrentamento da Covid-19 no Amazonas.

19 de abril de 2021

Tribunal de Contas do Amazonas avalia 22 processos nesta terça-feira

Entre os processos da pauta está a prestação de contas da então secretária de Assistência Social do Estado (Seas) em 2019, Maria Joseilda Pinheiro.

19 de abril de 2021

Instituto intensifica atendimento ao produtor em Itacoatiara

O Idam realizou atendimento a 150 pequenos produtores de oito comunidades de Itacoatiara, incluindo cadastramento para emissão do Cartão do Produtor Primário.

19 de abril de 2021

Fundação inicia ‘Semana dos Povos Indígenas’ nesta segunda-feira

Fundação Estadual do Índio lança a Semana dos Povos Indígenas, com programação que inicia nesta segunda-feira e vai até dia 23,

19 de abril de 2021

Sine retorna aos atendimentos presenciais no shopping Phelippe Daou

Os atendimentos ao público externo serão realizados mediante agendamento prévio no site do Sine, mas os serviços permancem em funcionamento pelo Whatsapp.

18 de abril de 2021

Mural de 34 metros recupera memória indígena no Centro Histórico

A Praça Dom Pedro II foi escolhida para receber a exposição por ser um antigo cemitério indígena de Manaus. O mural será inaugurado amanhã para comemorar o Dia do Índio.

18 de abril de 2021

Governo lança edital para criação da identidade visual de 125 anos do Teatro Amazonas

Podem participar pessoas físicas e jurídicas, maiores de 18 anos, artistas locais, profissionais e estudantes de artes, designer e publicidade. Inscrições vão até 31 de maio.

17 de abril de 2021