fbpx

sexta, 25 de junho de 2021

Balsa hospital garante atendimento à população de Anamã até agosto

Município afetado pela enchente tem à disposição unidade fluvial disponibilizada pelo Governo, ofertando atendimento em diversas áreas.

10 de maio de 2021

Compartilhe

A balsa está instalada na orla do município (Foto: Divulgação)

Conhecido como a “Veneza do Amazonas”, o município de Anamã (a 165 quilômetros de Manaus) é afetado anualmente pela cheia do rio Solimões, ficando totalmente encoberto pelas águas durante meses do ano. Hoje, a garantia de que a assistência em saúde será mantida se dá por meio de uma Balsa Hospital, disponibilizada pelo Governo do Amazonas.

A Balsa Hospital, alugada pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), fica instalada na orla do município de Anamã normalmente por três meses do ano.

Em 2021, devido aos impactos da enchente e a previsão de uma cheia de grandes proporções – que já afeta 9.570 pessoas, segundo dados da Defesa Civil –, a embarcação permanecerá na cidade por pelo menos quatro meses. O atendimento à população na balsa iniciou em maio deste ano.

Unidade municipal alagada

A gerente da região do Rio Negro e Solimões da Secretaria Executiva de Atenção Especializada ao Interior (SEA/Interior) da SES-AM, Jeane Neiva, explicou que a subida do rio fez com que o Hospital Francisco Salles de Moura alagasse, demandando do governo uma nova estratégia para garantir este tipo de assistência em Anamã.

Atendimentos

Os atendimentos na Balsa Hospital incluem urgência e emergência, sala de parto, laboratório, alojamento para as enfermarias, refeitório e cozinha. A unidade executa, inclusive, toda a assistência para diagnóstico e tratamento da Covid-19, desde a triagem, por meio de testes rápidos, antígeno e RT-PCR, a consultas e internação.

“A gente teve todo esse cuidado de atender essa demanda da Covid próximo ao hospital, tanto da urgência e emergência como também pelas internações. Graças a Deus estamos há seis dias sem nenhum paciente internado e está sendo controlado e monitorado o tratamento de Covid-19 nas residências”, destacou a diretora da unidade, Alessandra Silva.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Cidades

Jornalista sofre agressão de servidores da prefeitura de Itacoatiara

Correspondente da Rede Amazônica, Leandro Marques, 22, foi atacado e ameaçado por assessores do prefeito Mário Abrahin durante reportagem; um servidor foi exonerado.

24 de junho de 2021

Campanha informa direitos de pessoas autistas no transporte coletivo

Objetivo é massificar a informação que a as pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) não pagam tarifas de ônibus e podem emitir credencial para estacionamento.

24 de junho de 2021

Prefeitura e Procon-AM vão atuar juntos na fiscalização de serviços públicos

A iniciativa terá vigência de dois anos e não representa ônus financeiros para nenhuma das instituições conveniadas.

24 de junho de 2021

Diretora de conteúdo da Lupa diz que desinformação é ‘problema social’

Jornalista Natália Leal participou do webinário do portal RealTime1, com o tema “FACT-CHECKING – As consequências da desinformação e das fake news para a democracia”.

23 de junho de 2021

Ephigênio Salles será alargada e vai ganhar passarela para pedestres

O alargamento da via acontecerá a partir da saída do viaduto Miguel Arraes, até a entrada da avenida Via Láctea, no conjunto Morada do Sol.

23 de junho de 2021

Ações de combate à hanseníase são intensificadas no interior do AM

A iniciativa visa a detecção precoce de novos casos de hanseníase para início de tratamento imediato, com a quebra da cadeia de transmissão.

23 de junho de 2021

Mortes por atropelamento aumentaram 60% até abril no Amazonas

Número foi divulgado pela SSP; ações educativas para orientar condutores e pedestres para um comportamento seguro no trânsito são realizadas pelo Detran-AM.

22 de junho de 2021

Ovos e hortaliças produzidos no sistema prisional são doados a abrigo

No total, foram doados 280 produtos orgânicos, entre ovos, verduras e hortaliças, produzidos e cultivados pelos reeducandos do Centro de Detenção Provisória de Manaus 2.

22 de junho de 2021