fbpx

terça, 15 de junho de 2021

Lira nega que Bolsonaro vá viajar para não sancionar orçamento

Orçamento da União deste ano será tratado com responsabilidade pelos parlamentares, avisa Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados.

13 de abril de 2021

Compartilhe

Presidente Arthur Lira diz que Câmara vai agir com responsabilidade (Foto: Divulgação)

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), disse que o Orçamento da União deste ano será tratado com responsabilidade pelos parlamentares. Segundo ele, o País vive um momento econômico grave e de crise sanitária. Lira negou informação publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo, que afirmou que Bolsonaro poderia viajar para fora do País, juntamente com o vice-presidente, Hamilton Mourão, para que ele (Lira) sancionasse o Orçamento. Na ausência do presidente e do vice, o presidente da Câmara assume a Presidência da República.

A reportagem afirma que essa solução foi pensada para resolver o impasse da sanção da lei orçamentária. O presidente Jair Bolsonaro tem até o dia 22 de abril para sancioná-la ou não. O texto causa polêmica devido a cortes feitos em despesas obrigatórias e é alvo de negociação entre Executivo e Legislativo. Os cortes em despesas obrigatórias da Previdência, do auxílio-doença e do seguro-desemprego seriam para gastos com pleitos de parlamentares, informa a Agência Câmara.

“O País vive um momento grave de perdas e crise sanitária. O Orçamento é crucial e será tratado por mim e pela Câmara com responsabilidade. Desminto com veemência o conteúdo desta matéria do Estadão. O cidadão merece uma apuração sem ‘disse me disse’ e calcada na verdade”, afirmou Lira por meio de suas redes sociais.

Leia mais:

Leia mais sobre Brasil

Ministério autoriza envio da Força Nacional para reserva Yanomami

Agentes da tropa federal ficaram na capital de Roraima, Boa Vista, por pelo menos 90 dias. Por segurança, o número de agentes deslocado não foi informado.

14 de junho de 2021

MPF busca na Justiça escolta à indígenas após ataque na divisa entre Pará e Amazonas

O ônibus com 72 lideranças indígenas do povo Munduruku foi alvo de tiros de garimpeiros ilegais, enquanto saiam do município de Jacareacanga em busca de ajuda em Brasília.

13 de junho de 2021

Fraudes no Auxílio Emergencial desviaram R$ 54,7 bi para quem não precisava

A falta de um banco de dados com as informações dos brasileiros permitiu fraudes na concessão do benefício. Ao menos 3,7 milhões foram cancelados, diz TCU.

13 de junho de 2021

Risco de racionamento de energia elétrica acende alerta e Ministério pede estudos

O governo federal prepara uma medida provisória para programar uma possível adoção de um programa de racionamento de energia no país devido a falta de chuvas no Sudeste.

13 de junho de 2021

Governo determina redução de vazão de água em usinas no rio Paraná

Usinas hidrelétricas devem começar estudos para efetivar a diminuição a partir de 1º de julho. A medida busca evitar possíveis apagões por causa da seca.

12 de junho de 2021

Robô chinês registra novas imagens de Marte e tira selfie

A previsão é que o robô explore Marte por 90 dias para buscar evidências de vida no planeta. A expedição faz parte de um projeto chinês ambicioso.

12 de junho de 2021

Ecad tem mais de 132 mil músicas cadastradas com amor no título

Registros foram feitos nos últimos 25 anos. Os títulos que mais aparecem são: Amor, Amor Proibido e Nosso Amor.

12 de junho de 2021

Brasil vai integrar pela 11ª vez o Conselho de Segurança da ONU

Ministério das Relações Exteriores afirmou, em nota, que o país “buscará traduzir em contribuições tangíveis a defesa da paz e da solução pacífica das controvérsias".

11 de junho de 2021