fbpx

quarta, 01 de dezembro de 2021

Flávio Dino anuncia desfiliação do PCdoB e deve migrar para o PSB

O nome do governador do Maranhão é visto como uma possível aposta dos socialistas para uma disputa majoritária ao Planalto ou ao Senado em 2022.

17 de junho de 2021

Compartilhe

Flávio Dino permaneceu no PCdoB por 15 anos (Foto: Divulgação)

O governador do Maranhão, Flávio Dino, pediu a desfiliação do PCdoB. Ele deixa partido após 15 anos de atuação e o que se ventila é que o destino dele será o PSB. O nome dele é visto como uma possível aposta dos socialistas para majoritária – Planalto ou Senado – em 2022.

Em carta, encaminhada à presidente da legenda, Luciana Santos, datada desta quinta-feira (17), o governador afirma que “derrotar o projeto antinacional e antipopular que se instalou no Brasil é tarefa central e emergencial”. Ele disse também acreditar em “uma Frente da Esperança que será vetor decisivo para um novo clico”.

Dino também comunicou sua desfiliação do partido para o público em geral por meio do Twitter:

Um dos motivos dessa saída de Dino é a busca pela sua manutenção eleitoral diante do risco de o partido sucumbir nas eleições de 2022 devido à cláusula de barreira. Atualmente em tramitação no Congresso, o projeto que cria a federação partidária é tido como uma tábua de salvação para as siglas menores na medida em que permitiria a união entre elas para que atuassem como um único partido. Apesar de ter ganhado urgência para votação em plenário, a proposta segue no aguardo de ser pauta.

Enquanto as mudanças na legislação eleitoral não avançam, os socialistas flertam uma fusão justamente com o Partido Comunista Brasileiro. O movimento de Dino reforça a tese da junção das duas siglas.

Fonte: Congresso em Foco

Leia Mais:

Leia mais sobre Brasil

Covid-19: dois casos da variante Ômicron são confimados no Brasil

Após sequenciamento genético de amostras, foi identificado, em análises prévias, a variante Ômicron, em um casal que chegou no Brasil em um voo vindo da África.

30 de novembro de 2021

Enfrentamento à Covid: Belém cancela as festas de Réveillon e Carnaval

O prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, tomou a decisão após reunir com órgãos da Saúde e técnicos responsáveis pela vacinação e enfrentamento à Covid na capital paraense.

30 de novembro de 2021

Anvisa aprova novo tratamento para HIV com duas substâncias

A aprovação do novo medicamento, segundo a Anvisa, representa um avanço no tratamento, já que reúne em uma dose diária dois antirretrovirais.

30 de novembro de 2021

Queiroga descarta antecipar 3ª dose; OMS vê risco de avanço da variante

A Ômicron motivou alerta diante do alto número de mutações, mas cientistas afirmam que ainda é preciso investigar se ela tem a capacidade de maior transmissão.

30 de novembro de 2021

Lionel Messi bate Lewandowski e ganha a Bola de Ouro pela 7ª vez

Messi teve uma temporada difícil pelo Barcelona e ganhou apenas a Copa do Rei pelo clube. Ainda assim, conseguiu se destacar individualmente.

29 de novembro de 2021

Anvisa publicou regras para entrada de viajantes no Brasil; conheça-as

As regras, segundo a Anvisa, não restringem a entrada de brasileiros, de qualquer natureza ou origem. “Brasileiros não têm restrição de acesso ao país”, disse a agência.

29 de novembro de 2021

Flamengo demite Renato Gaúcho após derrota na final da Libertadores

Ele já vinha sofrendo bastante pressão dentro do clube e a postura desanimada diante do Grêmio, no qual não vibrou com os gols do Flamengo.

29 de novembro de 2021

Cinquenta e dois pesquisadores da Capes anunciam renúncia coletiva

Os pesquisadores que pediram renúncia de suas funções são das áreas de Matemática e Física. A cada quatro anos, a Capes avalia esses cursos em todo o Brasil.

29 de novembro de 2021