fbpx

terça, 02 de maro de 2021

Anvisa anuncia concessão de registro definitivo à vacina da PFizer/Biontech

Entre os fatores que pesam contra a vacina da PFizer está o preço de aquisição e a baixa temperatura exigida para manter o imunizante em condições de uso.

23 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Vacina da PFizer vai ser produzida em sete locais (Foto: Agência Brasil)

Em nota distribuída nesta terça-feira (23), a da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anuncia a concessão do primeiro registro definitivo de vacina contra a Covid-19 para o imunizante produzido pela PFizer.

No documento, o diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, afirma que a concessão do registro ocorre após 17 dias de análise e ainda que a vacina produzida pela PFizer/Bionteh é de “amplos uso, nas Américas”.

O registro definitivo concedido à vacina da PFizer/Biontech é o primeiro concedido no país pela Anvisa para um imunizante contra a Covid-19.

Vacina da PFizer: preço alto, temperatura baixa

A vacina da PFizer se junta às da AstraZeneca e à CoronaVac e constituem, até o momento, os três imunizantes registrados e reconhecidos pela Anvisa para uso no país. Pesa contra esse imunizante a logística de armazenagem que exige temperatura muito baixa para mantê-lo em boas condições, , além do preço, R$ 102, praticamente o dobro da CoronaVac que custa R$ 54.

A nota esclarece ainda que “Entre as autoridades de referência pela Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), a Anvisa é a primeira a conceder o registro de uma vacina Covid-19, com 7 (sete) locais de fabricação certificados, refletindo a dedicação, planejamento e compromisso da Agência com o combate a pandemia. O registro abre caminho para a introdução no mercado de uma vacina com todas as salvaguardas, controles e obrigações resultantes dessa concessão”.

Leia mais:

Leia mais sobre Brasil

Programa de renegociação de dívidas com União é reaberto com descontos

Reaberto com adesão a partir de 15 de março, programa prevê renegociação de dívidas similar à obtida em 2020, com R$ 81 bilhões em acordos.

1 de março de 2021

Senador quer legalizar jogo do bicho para ‘retomar’ economia no Brasil

Para Angelo Coronel, a legalização e regulamentação das modalidades de jogos de azar têm potencial de injetar até R$ 50 bilhões na economia.

1 de março de 2021

Lira diz que governo garante 140 milhões de doses de vacinas até maio

O presidente da Câmara disse que a volta do auxílio emergencial de R$ 250 foi acertada com o presidente Jair Bolsonaro nesse domingo (28).

1 de março de 2021

Prazo para emendas ao Orçamento da União termina nesta segunda

A votação final do texto da LOA, com emendas para o exercício de 2021, pelo Congresso Nacional, deve ocorrer até o dia 24 de março.

1 de março de 2021

Bolsonaro ignora falta de leitos: “A saúde sempre teve problemas”

Pelo menos 13 estados brasileiros estão com taxas de internação por Covid-19 acima de 80% nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) da rede pública.

28 de fevereiro de 2021

Amazonia 1 chega à órbita com sucesso e inicia transmissão de dados

O Amazonia 1 foi desenvolvido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB) - ligados ao Ministério da Ciência.

28 de fevereiro de 2021

Satélite Amazonia 1 será lançado na madrugada deste domingo

Lançamento do satélite Amazonia 1 acontece no início da madrugada deste domingo e aumenta autonomia brasileira no monitoramento de florestas.

27 de fevereiro de 2021

Seis dezenas da Mega valem R$ 50 milhões no sorteio deste sábado

Sorteio das seis dezenas da Mega-Sena acumulada acontece a partir das 20h (de Brasília) e o prêmio é de R$ 50 milhões.

27 de fevereiro de 2021