segunda-feira, 24 de junho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Atrasadas, Prefeitura e CMM só devem concluir legislação do 5G neste mês

Prefeitura promete enviar, ainda em fevereiro, uma mensagem à Câmara Municipal listando todos os pré-requisitos necessários para a implantação da tecnologia 5G em Manaus.
COMPARTILHE
prefeitura

Mais de três meses após o encerramento do leilão de frequências 5G no Brasil, Prefeitura e a Câmara Municipal de Manaus (CMM) ainda estão na fase de elaboração da legislação que vai garantir a implantação da tecnologia na capital. A informação é do secretário municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação, Radyr Júnior. Em entrevista ao RealTime1, o titular da Semtepi, revelou que a Prefeitura trabalha em uma mensagem que será enviada ao Legislativo Municipal listando todos os pré-requisitos necessários para a chegada do 5G em Manaus.

prefeitura

Segundo o secretário, as conversas iniciaram no início deste ano e a previsão é de que a mensagem da Prefeitura seja encaminhada à Câmara Municipal de Manaus ainda em fevereiro.

“Estamos abrindo diálogo com a CMM desde o início do ano. Vamos encaminhar à Câmara uma mensagem colocando todos os pré-requisitos necessários para que as empresas possam investir em 5G na nossa cidade. Neste ano estaremos preparados para receber o 5G. Acredito que nesse mês de fevereiro iremos bater o martelo quanto a isso”, garantiu Radyr.

Ainda segundo o secretário, a intenção é expandir o sinal do 5G também para a zona rural.

“Estudamos legislações de outras cidades. Vai sair uma legislação bem redonda para que a gente não tenha problemas em instalar o 5G na nossa cidade e que também tire a zona rural deste vazio digital em que hoje está”, declarou.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Apenas 12 capitais estão aptas: Manaus fica de fora

O Ministério das Comunicações informou no último dia 26 de janeiro que 12 das 26 capitais brasileiras já estão totalmente prontas – tanto em infraestrutura quanto em legislação – para receber a quinta geração de internet móvel, o 5G. Manaus não entra na lista.

As capitais que já poderiam receber a tecnologia, de acordo com o Ministério são: Brasília, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Natal, Palmas, Porto Alegre, Rio de Janeiro, São Paulo, Vitória, Aracaju e Boa Vista.

Leiloado em novembro do ano passado, o padrão 5G oferecerá internet de alta velocidade em todas as capitais brasileiras até 31 de julho deste ano.

A responsabilidade de fiscalização e regulamentação das antenas que serão instaladas em todo o Brasil é da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que participará de todo o processo de transição da atual rede de antenas para o novo padrão.

Texto: Lucas Raposo

Leia mais:

COMPARTILHE